terça-feira, 3 de maio de 2016

Benfica na final da Taça CTT


Vamos estar, uma vez mais, na final da Taça da Liga, que este ano será em Coimbra no próximo dia 20. Rui Vitória disse que ia poupar jogadores e fê-lo, apostando no seguinte 11: Ederson na baliza, Sílvio, Luisão, Lindelöf e Álex Grimaldo na defesa, Salvio, Samaris, Renato Sanches, Carcela e Talisca no meio campo e Raúl Jiménez na frente de ataque. Os braguistas chegaram a assustar quando Rafa, já avaliado em 11 milhões de euros, colocou a equipa visitante em vantagem com um grande remate aos 19', mas no segundo tempo entrámos melhor, jogámos melhor e foi com naturalidade que, depois de entrar o inevitável Jonas, demos a volta ao marcador com toda a justiça: o goleador brasileiro empatou a partida aos 58' e Jiménez aproveitou uma falha incrível do guarda-redes Matheus aos 71' para nos colocar na final de Coimbra onde defrontaremos o Marítimo. Faltam-nos agora, portanto, três finais.
Vi o jogo em directo na Internet e não consegui deixar de achar piada aos comentadores da Sport TV que diziam que os nossos jogadores estavam cansados. Mas quem mesmo, o Ederson, o Renato Sanches e o Lindelöf? Os jogadores menos utilizados que jogaram mostraram raça e vontade de vencer e confesso que fiquei bastante agradado com a exibição do Grimaldo. Este jogo mostrou também que temos uma boa equipa de segundas linhas que possivelmente mereciam ter mais jogos nas pernas. A equipa B não serve supostamente para colocar os jogadores menos utilizados a rodar e a ganhar ritmo como principalmente os jogadores que estão completamente recuperados das lesões? É que o Jardel também chegou a participar em vários jogos pela equipa B...
"O próximo jogo é sempre o mais importante. De nada valia olhar para este jogo se os outros não tivessem também um carácter decisivo. Fundamentalmente este ano, porque há uma luta intensa no campeonato, todos os jogos têm este carácter decisivo. (O Marítimo) É a próxima final e cá estamos para ela. A nossa abordagem desde o início da época tem sido não facilitar nunca. Estamos habituados a finais, esta é mais uma", disse Rui Vitória em conferência de imprensa. Do lado braguista, Paulo Fonseca afirmou que a nossa vitória não foi justa e aderiu à moda dos antis de dizer que o árbitro favoreceu-nos, enfim, a habitual desculpa dos maus perdedores. "A Taça de Portugal é um objectivo. Vamos estar na final, um dos grandes objectivos desta época, como poderíamos estar nesta, não conseguimos", disse ainda o treinador da equipa derrotada.
Ó Paulo Fonseca, se fosse o Sporting de Braga a apurar-se para a final da Taça CTT, a tua equipa só teria dois dias para descansar antes do jogo no Estádio do Jamor com o fcp. Portanto, e como queremos todos que o Sporting de Braga esteja fresco que nem uma alface para que possa conquistar a Taça de Portugal, nada como dar-vos mais dias de descanso! Quem é que é amigo, quem é?

2 comentários:

Josephvs disse...

Mais um caso escaldante de "colinho" :P

FireHead disse...

Colinho só mesmo do público presente na Luz. :)

Mas onde é que nós fomos ajudados desta vez? Se calhar é o guarda-redes Matheus que foi comprado. :P