domingo, 17 de abril de 2016

Humorista gozou com o presidente turco e Merkel autorizou o processo contra ele

O humorista esquerdista alemão Jan Böhmermann satirizou o presidente turco, Recep Tayyip Erdoğan, relacionando-o com actos de pedofilia e zoofilia. A Angela Merkel não gostou que o seu compatriota tivesse tido uma atitude que lhe pode valer até três anos de prisão segundo o artigo 103.º do Código Penal Alemão (sobre insultos a órgãos ou representantes de países estrangeiros) e, depois da queixa feita pela Turquia, deu luz verde à abertura de um processo contra ele. Venham, pois, falar agora da liberdade de expressão, motivo pelo qual já andam a criticar a chanceler alemã, que eu vou ali e já volto...


Mas esperem aí! Alto e pára o baile! Então, esqueceram-se por acaso de alguma coisa? O Jan Böhmermann lançou recentemente um videoclipe em que aparece a cantar uma canção que ataca os críticos da imigração em massa, e os patriotas/nacionalistas em geral, dizendo que estes não são alemães mas sim "o passado"! Em que é que ficamos? Primeiro atacam-no por causa da propaganda esquerdista e agora já andam a defendê-lo "em nome da liberdade de expressão ou da soberania europeia", como já andei a ler na blogosfera?

4 comentários:

Lura do Grilo disse...

Hipocrisia total!

FireHead disse...

Hipocrisia pura e dura, meu caro. Com que então os ditos nacionalistas primeiro criticam o gajo pela sua afronta esquerdista anti-nacionalista e agora defendem-no por ter gozado com o presidente turco apesar de ter ido contra a lei alemã??

CENSURADO AGAIN disse...

JUDEU QUERENDO JOGAR GOYIM CONTRA GOYIM SE FINGINDO DE ALEMÃO ASSIM OS OTARIOS NÃO VEEM OS JUDEUS POR TRAS

FireHead disse...

Não, o otário aqui és tu, pois só tu é que vês judeus por trás e à frente, e ao lado, até no teu imaginário.