segunda-feira, 11 de janeiro de 2016

Milão dá 350 € mensais às famílias que acolham «refugiados»


Sim, é esta a vontade suicida da segunda maior cidade italiana! A partir do dia 15 do corrente, as famílias que acolherem em sua casa pelo menos um «refugiado» receberá 350 euros por mês. Muitas são as famílias que já se chegaram à frente (!!), estando prontas para receberem um curso sobre o acolhimento de invasores alógenos. O tempo de acolhimento é de seis meses, mas pode ser prolongado. Segundo o chefe do departamento de Políticas Sociais de Milão, Pierfrancesco Majorino, a medida enche-o de "orgulho" por ser uma "maneira económica" de ajudar os «refugiados».
Como já era de esperar, a Liga Norte barafustou: Matteo Salvini, o líder do grupo nacionalista, considerou a medida como uma "forma de racismo contra cidadãos italianos trabalhadores". Também Luca Squeri, do mesmo partido do Silvio Berlusconi, disse que se fossem famílias italianas necessitadas, elas jamais receberiam 350 euros do Estado.
Depois do que aconteceu recentemente na Suécia, com uma menina de sete anos de uma família que acolheu um «refugiado» da Eritreia a ser por este degolada, o melhor é esperarmos que as famílias italianas com tendências suicidas não tenham filhas...

6 comentários:

Anónimo disse...

NESSA HORAS é sempre bom lembrar que sob o governo de berlusconi a italia foi entulhada de imigrantes legais e ilegais ,mesmo hoje ,graças a berlusconi,há em italia regioes onde os imigrantes legais-sendo estes de maioria extra europeia-já sao mais de 15 % do total da população . vale lembrar que a liga do norte ja elgeu um presidente italiano,e essse nada fez para conter os ilegais que já chegavam a nação atraves mar mediterraneo,pelo contrario deu foi cidadania a mais de 100 mil desses ilegais.

FireHead disse...

E tu tens problemas com os imigrantes legais só pelo simples facto de serem extra-europeus, é? Devem ter tantos problemas como os africanos e os asiáticos têm em relação aos imigrantes ilegais extra-africanos e extra-asiáticos.

Ivan Baptista disse...

" Depois do que aconteceu recentemente na Suécia "

Quando é que isso foi ? Uma criança de 7 anos ?!
Cada vês mais isto da politiquice , mete-me nojo ;(

FireHead disse...

Falei disto aqui:

http://bloguedofirehead.blogspot.pt/2016/01/refugiado-degola-menina-de-7-anos.html

Não é politiquice. É estupidez das pessoas que acolhem os "coitadinhos" expondo a sua família ao perigo.

Anónimo disse...

"E tu tens problemas com os imigrantes legais só pelo simples facto de serem extra-europeus, é?"

claro, sendo conservador -e portanto favoravel a manutenção da raça e etnia dos povos autoctones - tambem sou contra a INVASÃO legalizada de estranhos raciais.

"Devem ter tantos problemas como os africanos e os asiáticos têm em relação aos imigrantes ilegais extra-africanos e extra-asiáticos."

não sei e nem me interessa oque se passa com essa gente alheia a Europa e aos europeus.

FireHead disse...

claro, sendo conservador -e portanto favoravel a manutenção da raça e etnia dos povos autoctones - tambem sou contra a INVASÃO legalizada de estranhos raciais.

Então devias estar dentro de uma lata de conserva, já que és esse tipo de "conservador". É que eu também sou favorável, e muito, à manutenção das raças e das etnias, o que não é o mesmo que dizer que estou contra a existência de imigrantes. Se me tiram a comida chinesa também tiram uma parte de mim. :)

não sei e nem me interessa oque se passa com essa gente alheia a Europa e aos europeus.

Sim, já estou a ver como tu pensas. Então os europeus que estão fora da Europa também não te devem interessar para nada.