quarta-feira, 6 de janeiro de 2016

Assaltos e violações em Colónia

Graças à imigração muçulmana, a cidade alemã de Colónia foi uma autêntica zona de crime na véspera do Ano Novo. Gangues de selvagens muçulmanos árabes e norte-africanos queimaram fogos de artifício à frente da catedral de Colónia:




E antes que apareçam por cá negacionistas da realidade a dizer que são apenas mais uns casos isolados que não provam nada, deixai-me dizer que a própria Angela Merkel repudiou o que aconteceu, pois chocou toda a Alemanha, e este caso já até foi noticiado pelos principais média. A polícia de Colónia também condenou as violações.


Para chegarmos ao cúmulo da surrealidade só nos faltava mesmo ficar a saber que a autarca de Colónia, Henriette Reker, assumida amiga dos «refugiados», atribuiu a culpa às vítimas, pois, disse ela, as mulheres deviam adoptar um "código de conduta" que previna ataques de cariz sexual! É preciso continuar a proteger as minorias como se não houvesse amanhã!


Recebei mais muçulmanos, recebei...

9 comentários:

João José Horta Nobre disse...

Já abordei isso aqui:

http://historiamaximus.blogspot.pt/2016/01/refugees-welcome.html

FireHead disse...

A Alemanha vai continuando a colher o que anda a plantar.

FireHead disse...

Já agora, actualizações sobre o sucedido num jornal de notícias "tendencioso":

http://www.dn.pt/mundo/interior/autarca-de-colonia-provoca-indignacao-apos-ataques-a-mulheres-4966223.html

Douglas Sulzbach disse...

É viva o multiculturismo!

FireHead disse...

Ou o enriquecimento cultural. Os coitadinhos dos muçulmanos quiseram apenas dar mais vida e cor à cinzenta sociedade alemã.

Ivan Baptista disse...

Não é por nada, mas quando vejo essa ultima foto, vejo o quanto as Alemãs e as da Europa do Norte em geral, são umas parvinhas .
Acredites ou não, já vi turistas Alemãs, Holandesas e doutras paragens, a meterem-se comigo , quer dizer, não sou nada de especial, mas reparei o quanto elas gostam de ser muito dadas !!!
Não me aproveitei porque não falo estrangeiro e porque sou muito reservado e tímido, enfim ... mas fónix, não acredito muito que façam a mesma coisa por cá, é que as latinas são um pouco mais pró raivosas e agrestes e secalhar ainda, um desses violadores ficaria capado .
Quer dizer, as miúdas de hoje em dia, estão cada vez mais parecidas com as do Norte da Europa, secalhar ainda vou ver a mesma coisa numa próxima geração, é que as pitas estão cada vês mais a ficar imaturas !

FireHead disse...

Pá, eu até quero acreditar que elas não são parvinhas natas, mas sim ingénuas...

As latinas? Pela minha experiência são gajas que fervem em pouca água porque têm o sangue mais quente, não é o que dizem também? Para além de também serem mais peludas, daí tantas precisarem de fazer a depilação como se fosse uma moda ou mesmo mania. XD

Numa próxima geração? Com certeza que será uma geração bastante reduzida em número e talvez também mentalmente mais débil que a actual, que já é o que é. De geração rasca para geração à rasca, que é a nossa, e a próxima geração deverá ser a geração que enrasca.

As europeias brancas são cada vez menos e, com isso, o povo branco ressente-se. Mas sabes que mais? Já deixei de ter pena dos brancos. Começo é a achar cada vez mais que é benfeita.

Anónimo disse...

A Europa anda imbecilmente a cultivar ventos dentro de 40 a 50 anos vai colher tempestades

FireHead disse...

As tempestades já se fazem sentir.