quarta-feira, 29 de julho de 2015

Lorde britânico da ética vai às putas e snifa coca

 
Depois de ter publicado fotos da pequena rainha Isabel II a fazer a saudação nazi, o jornal britânico The Sun revelou agora um vídeo em que o barão John Sewel, o responsável por assegurar o cumprimento das normas de ética lá na câmara dos lordes e ex-ministro de Tony Blair, foi apanhado a snifar cocaína ao lado de duas prostitutas a quem terá pagado 200 libras (mais ou menos 280 euros). O homem da bonita idade dos 69 anos, casado pela terceira vez em 2005 e do partido trabalhista (o equivalente à dos súcias em Portugal), já renunciou ao cargo mas recusa-se a perder o título vitalício depois do escândalo que, garantem as mulheres que estiveram com ele, não foi o primeiro envolvendo sexo e drogas. O primeiro-ministro David Cameron já veio dizer que o velho ou se demite ou é expulso da câmara dos lordes por causa da quebra do código de conduta, algo que, curiosamente, foi decretado pelo próprio John Sewel. O próprio já veio pedir desculpa pela "dor e embaraço" que causou à instituição.
É tudo ético, tudo muito ético...

2 comentários:

wind disse...

Muito bem feito! lololol

FireHead disse...

Ele não deve ser o único "lorde" assim! :P