sábado, 8 de outubro de 2016

Adolescente esfaqueada e agredida à paulada

Em Goiás, no Brasil, uma adolescente de 14 anos foi esfaqueada e brutalmente agredida à paulada por quatro outras adolescentes, com idades entre os 13 e os 16 anos, que convidaram a vítima para uma festa em casa de uma das agressoras no dia 29 do mês passado. À chegada ao local, iniciaram as agressões (as imagens seguintes podem chocar), muito possivelmente devido a ciúmes, que foram filmadas e divulgadas, o que fez com que o caso ganhasse maiores proporções.




As agressoras, que foram detidas e vão, para já, ficar 45 dias num centro de correcção para menores, revelaram que ficaram desiludidas por a vítima não ter morrido: "No nosso pensamento, íamos bater nela, ela ia morrer e nós íamos enterrá-la. Só que aí não deu certo porque nós somos frouxas".
Em entrevista à G1, a mãe da vítima afirmou que teme pela vida da sua filha: "Elas vão sair pior do que entraram. Aí elas vão matar não só a minha filha como qualquer outra que olhar para elas de cara feia. Não tem perdão uma coisa dessas porque isso aí é desumano".
É espetá-las num centro de correcção e esperar que elas aprendam a ser gente. E umas boas chibatadas bem dadas nos seus lombos à boa maneira singapureana também não ficavam nada mal.

2 comentários:

CENSURADO AGAIN disse...

KALERGI OLHA O TOM DA AGRESSORA PARECE O DA MICHELE OBONGO A FF CIA NADA DIZ CLARO A FAVOR DA HISPANICA VITIMA MAS CLARO O GENOCIDIO É SÓ CONTRA ARIANOS

FireHead disse...

Mas no primeiro vídeo dá perfeitamente para ver que a agressora é loira e a vítima é morena...