quarta-feira, 14 de setembro de 2016

Talisca vinga-se


Fizemos a nossa estreia na Liga dos Campeões 2016/17 em casa frente aos turcos do Beşiktaş com um amargo empate. E isso apesar de termos jogado com uma equipa remendada devido à ausência dos três avançados de raiz (Jonas, Mitroglou e Raúl Jiménez).
O jogo foi transmitido em directo na TDM e eu, como ainda não tinha chegado a assistir a um jogo nosso desde que começou esta época, fiz questão de fazer o que costumo fazer quando quero ver a nossa equipa jogar: acertar o despertador, dormir um bocado, acordar, ver o jogo e voltar a dormir mais um bocado, que eu felizmente não preciso de me levantar muito cedo para ir bulir. 
Sem os principais jogadores, fiquei com a sensação que entregámos a iniciativa do jogo ao campeão turco, onde pontificam Ricardo Quaresma e agora também o "nosso" Talisca, pois ele está lá por empréstimo. E quis o irónico destino que fosse ele o autor do golo do empate já perto do fim, num livre directo por ele superiormente cobrado como já é seu apanágio (falta estupidamente desnecessária cometida por Celis), depois de nos termos adiantado no marcador ainda na primeira parte, logo aos 12', por intermédio do craque argentino Franco Cervi. Gonçalo Guedes podia ter feito o 2-0 depois de um disparate do Quaresma, mas falhou escandalosamente tendo apenas o guarda-redes Zengin à sua frente. Como tal, o empate, apesar de se aceitar, penaliza-nos e vai-nos obrigar a ir procurar pontos no duplo embate fora de casa (Nápoles e Kiev) se quisermos ir novamente longe na Champions.
Após o jogo, Rui Vitória, que não esteve no banco por estar castigado, não se desculpou com as ausências de peso, lamentou que a equipa não tivesse chegado ao 2-0 e garantiu que "vamos lutar até à exaustão pela passagem aos oitavos-de-final". O marcador do golo encarnado disse que ficou "um sabor amargo" porque "escapou-nos a vitória" e o jovem André Horta falou em "balde de água fria". Do lado dos turcos, Talisca, que festejou efusivamente o golo (estava mesmo com uma enorme vontade de marcar, via-se), afirmou que foi desrespeitado no clube. Este reagiu dizendo ao jornal A Bola que foi o jogador que "insistiu várias vezes com o empresário e com o Benfica de que queria sair para ganhar mais dinheiro".

video

Na noite europeia de ontem houve ainda duas goleadas, mas destaco aqui nesta posta apenas a do Barcelona, por 7-0 sobre o Celtic de Glasgow! Lionel Messi esteve em grande ao apontar um hat-trick e desta maneira os escoceses pagaram a fava depois da derrota blaugrana em casa frente ao Alavés para a Liga Santander.

video

Nos restantes jogos, o Bayern de Munique aplicou a outra goleada, por 5-0, aos estreantes do Rostov, o Atlético de Madrid foi à Holanda ganhar ao PSV Eindhoven por 1-0, o Dínamo de Kiev perdeu em casa com o Nápoles por 1-2, o Paris St-Germain e o Arsenal empataram 1-1 em Londres, o mesmo resultado verificado entre o Basileia e o Ludogorets, e o jogo entre o Manchester City e o Borússia Mönchengladbach foi adiado.

Sem comentários: