quinta-feira, 8 de setembro de 2016

Suíça vence campeão europeu


Na passada terça-feira a selecção portuguesa perdeu no Estádio St. Jakob-Park, em Basileia, frente à Suíça por 0-2. Foi o primeiro jogo a sério depois do Euro 2016, de apuramento para o Mundial de 2018 na Rússia, e os comandados de Fernando Santos perderam a invencibilidade de nove jogos encaixando os golos marcados pelo suíço negro de origem camaronesa Breel Donald Embolo e pelo suíço de origem albanesa nascido na Macedónia Admir Mehmedi. 
Fernando Santos reconheceu que houve "deslumbramento" e que há coisas que têm que ser corrigidas. Mas não faz mal, ele tem o mérito de ter levado Portugal ao título de campeão europeu, portanto crédito é o que neste momento ele mais tem!

2 comentários:

Anónimo disse...

Hahaha, a Suíça já era!! E depois ainda dizem que é governada por nacionalistas!! Agora vemos os resultados, são pretos e albaneses a marcar golos...

FireHead disse...

Pois é, já viste que chatice? Um país com nacionalistas com poder, com referendos por tudo e mais alguma coisa para mostrar que é um país verdadeiramente democrático e depois ainda acontecem coisas destas, com gente nascida nos Camarões que poderia representar o seu país de origem e preferir representar a pátria adoptada. Onde é que já se viu isso?

Ainda que fosse no hóquei em patins! Aí já haveria brancos a representar selecções africanas sem problemas, como muitos tugas que representam Angola e Moçambique porque de outra maneira não teriam hipóteses nenhumas, ou ínfimas, de representar a selecção que bem gostariam de representar.