quarta-feira, 31 de agosto de 2016

Filipinas: as violações exigem o regresso da pena de morte!

video

No passado dia 17 deste mês, que hoje termina, foi encontrada com vida e abandonada uma jovem de 18 ou 19 anos que foi violada na cidade filipina de Tagum, em Davao Del Norte. O vídeo que podemos ver em cima tornou-se viral e provocou a ira de muitos internautas que acabaram por exigir ao presidente filipino, Rodrigo Duterte, o tal que dizem as bestinhas que é mau por ser um ditador, para restaurar a pena de morte no país. Infelizmente o(s) violador(es) continua(m) a monte.
President Duterte, paki balik na lang ang death penalty, o d kaya pag nahuli yang rapist na yan,, ay unti sunugin ang ari nya para maramdaman din nya ang sakit na dinanas ng biktima at mga mahal nya sa buhay (tradução: Presidente Duterte, por favor restaure a pena de morte, ou se o violador for apanhado, queime-o para que ela sinta a dor e sofra como a vítima e os seus entes queridos sofrem), disse um(a) internauta. Uma outra mensagem diz o seguinte: Bakit kaya may mga tao pa rin patuloy na gumagawa ng ganito.. hindi ba sila natatakot sa pwedeng bumalik na karma sa kanila o sadyang na sasapawan ng kamunduhan ang pag iisip nila kaya hinahayaan na lang nila kung ano ang pwedeng manyari pagkatapos? DAPAT NA TALAGANG IBALIK ANG BITAY (tradução: Como é possível ainda haver gente que faz isto... não têm eles medo do Karma ou eles estão simplesmente apoderados pelo desejo que ficam cegos para as consequências das suas acções? A PENA DE MORTE TEM DE SER MESMO RESTAURADA).
Foi o povo filipino que elegeu o ditador Duterte para presidente e agora é o próprio povo filipino que deseja o regresso da pena de morte no seu país. Para grandes males, grandes remédios. Não é a democracia bonita assim?

4 comentários:

Afonso de Portugal disse...

«Não é a democracia bonita assim?»

Se é! Precisávamos dessa democracia aqui!

FireHead disse...

É e depois é vermos os "democratas", como muitos aqui de Macau, a comparar o Duterte ao Trump e a dizer que os filipinos fizeram uma má escolha. O engraçado é que eu tenho uma amiga lá na Filipinas que votou no Duterte e em conversa com muitos filipinos aqui em Macau nenhum deles - NEM UM SÓ! - me falou mal do Duterte, antes pelo contrário, disseram-me que as Filipinas há muito que já estava a precisar de uma governação com mão de ferro! Epá, estamos a falar de um país super corrupto e com uma criminalidade que assusta! Agora é lá preferível o país ter um não-ditador (e corrupto, como todos os outros) e com a merda tal como está?? Há gente que realmente só mesmo à estalada, pá! É que metem tanto nojo que já nem chego sequer a ter pena deles.

noticiasdofront disse...

Boa!
Aqui no Brasil tenho um amigo que tem uma idéia bem interessante:
"Escravize-se essa gente.Botem-na para trabalhar em algo benéfico (debaixo de tacão) para a sociedade, pelo resto de sua vida e, cúmulo da maldade: Escola Dominical ou missa, todo domingo!"
Forte abraço!
Só para reflexão:
O que Jesus faria?

FireHead disse...

A reflexão não deve servir para o Duterte, pois ele já mostrou que não tem problemas em matar os criminosos. E palpita-me que é isso que ele vai fazer quando os apanhar.