terça-feira, 19 de julho de 2016

A Mariana Pacheco é lésbica


A actriz portuguesa Mariana Pacheco decidiu sair do armário e assumir que é lésbica (que desperdício...) revelando que começou a viver um "relacionamento amoroso" com uma gestora de marketing de nome Filipa Marinho. A actriz de 24 anos, que curiosamente já chegou a viver aqui em Macau e que pode ser vista na novela da SIC 'Coração d'Ouro', "é uma miúda bem resolvida, tem uma personalidade forte e, acima de tudo, não liga ao que os outros dizem. Neste momento, está apaixonada e, para ela, fez sentido assumir que está a viver um grande amor", isso segundo palavras de um amigo seu contactado pelo Correio da Manhã.

16 comentários:

Anónimo disse...

Iá, que desperdício!!!

Portuguesinha disse...

Não me interessa minimamente.
Resta a curiosidade para perceber se isso vai afectar o percurso profissional. Nunca antes como agora possuir uma diferença se tornou uma vantagem para ingressar no mundo do espetáculo. A necessidade de se projectarem como empresas que aceitam "minorias" (porque todas somadas são maiorias) é enorme e pode ser uma estratégia conveniente. Recordo a Solange (não sei apelido) que apresentava o curto-circuito e às tantas também saiu do armário. Saiu do armário e da SIC também. Claro que eu sei que o motivo pode bem não ter sido a sua sexualidade, pode ter sido personalidade, vícios aditivos, sei lá... Mas convenhamos que é estranho.

No mundo do espetaculo sempre existiu em ambulância o não-heterosexualismo. Mas convenhamos e gosto sempre de realçar: até aqui a sociedade É MACHISTA, porque aceita-se com facilidade homens gays a trabalhar na indústria do entretenimento e artes. Mas mulheres lésbicas? Só na TV a excitar os homens...

FireHead disse...

Anónimo,

Mas que se lixe; a vida é dela!

FireHead disse...

Portuguesinha,

Lembro-me dessa Solange, parecia uma Maria-rapaz.

Não sei se há machismo ou não na indústria do espéctaculo. Sei que há muitos cantores e cantoras muito famosos que são homossexuais. Ah, e nos países mais progressistas da Europa, as lésbicas podem ser pastoras ou bispas protestantes. Ao menos isso...

A vida íntima da Mariana Pacheco só a ela diz respeito. Mas como heterossexual não consigo deixar de achar que é um desperdício ela ser lésbica. Sou contra a homossexualidade, mas os homossexuais também são pessoas dignas de respeito.

wind disse...

Agora já dá paa comentar, estranho. Estive a manhã toda e não dava.
Ela pode ser o que quiser:)

Lura do Grilo disse...

Uma perda! Não conheceu um homem como o Firehead!

O bom é que fica mais espaço no armário para arrumar umas roupinhas

Adilson disse...

A moda tá pegando... a única coisa que se não tem coragem é o falar com quem esse povo se envolveu. Que siga, oras, seu caminho. Só não venha atormentar o direito dos outros de optar pelo natural!

FireHead disse...

Wind,

O Observador disse-me ontem no Facebook que não se podia entrar aqui no meu blogue por causa do seu conteúdo perigoso, ou algo assim do género... O Blogger de vez em quando é capaz de ter umas pancadas bem fortes. :)

Claro que sim, ela pode ser o que quiser, pois é maior e vacinada... e desde que não se meta com menores que não podem responder por eles próprios, não é assim a tara do politicamente correcto? ;)

FireHead disse...

Lura do Grilo,

Ó meu amigo, eu sou um homem de uma só mulher, e comprometido que sou só posso mesmo é olhar, que isso de olhar ainda não tira pedaços! E até tenho a sorte de ter uma mulher que até conversa comigo sobre os atributos das outras mulheres, hehehe.

Aliás, mesmo que seja solteiro, convenhamos que a idade da moça já não serve para mim, pois sou 10 anos mais velho que ela...

FireHead disse...

Adilson,

Nem mais, meu caro. E é bom que nós estejamos atentos. Já dizia o outro, a homossexualidade dantes era mal vista, já foi criminalizada (coisa que continua a ser em certos países africanos) e agora já é uma moda. Temos que ter muito cuidado porque qualquer dia a homossexualidade ainda se torna obrigatória!

Afonso de Portugal disse...

«Aliás, mesmo que seja solteiro, convenhamos que a idade da moça já não serve para mim, pois sou 10 anos mais velho que ela...»

Espera mais uns anos que isso passa! ;)

Lura do Grilo disse...

"Ó meu amigo, eu sou um homem de uma só mulher, e comprometido que sou só posso mesmo é olhar, que isso de olhar ainda não tira pedaços! " Sem dúvida! Mas se o Firehead tivesse aparecido no tempo certo a rapariguinha não teria sido desviada do bom caminho. Na retaguarda de uma lésbica há um homem que falhou.

FireHead disse...

Afonso de Portugal,

Por acaso não... Já desde adolescente que eu penso que isso da diferença de idades ser muito grande não é uma coisa boa. "Gap geracional" diz-te alguma coisa? ;)

FireHead disse...

Lura do Grilo,

Hmmm... isso eu não sei. Só sei que hoje a minha chavala mandou-me uma mensagem no WeChat a dizer que me apanhou a olhar para o rabo de uma gaja na rua e que eu até virei a cabeça para continuar a olhar para o rabo dela. XD

Zezé disse...

Por isso é que o Berlusconi dizia se fosse mulher seria lésbica. A rata dessa Mariana era bem chupada!

FireHead disse...

Zezé,

Depois de bem lavadinha...