domingo, 24 de julho de 2016

A islamofobia é uma falácia!

video

6 comentários:

wind disse...

Resto de bom domingo:) Amanhã já volta o batente:)

Afonso de Portugal disse...

Grande vídeo! Só é pena não terem sido incluídos os atentados de Paris! E também não concordo que os muçulmanos sejam felizes nos países da Europa, mesmo com todos os benefícios de que usufruem... os desgraçados não são felizes em lado nenhum!

FireHead disse...

Wind,

Amanhã, hoje, voltamos todos. Eu já voltei. Tu ainda deves estar a dormir. :P

FireHead disse...

Afonso de Portugal,

O vídeo foi feito antes dos atentados de Paris.

Muitos muçulmanos são felizes na Europa, sim. São como muitos imigrantes terceiro-mundistas, caso contrário não emigrariam para lá. O Ocidente é aquela base. E depois, claro, também há aqueles que não se sentem mesmo felizes no Ocidente, mas que também não querem por nada deste mundo bazar de lá. Porquê? Certamente porque no terceiro-mundo teriam ainda mais hipóteses de se sentirem ainda menos felizes, pois lá não podem praticar as suas ditadurazinhas nem fazerem uso das cartadas do racismo ou da xenofobia sempre que se sentirem mal e oprimidos...

Afonso de Portugal disse...

«São como muitos imigrantes terceiro-mundistas, caso contrário não emigrariam para lá.»

São felizes? Achas mesmo? Eu acho que eles apenas ficam felizes com o dinheiro que recebem! Porque no fundo desprezam os lugares em que vivem e os europeus que os acolhem! Isso não é ser feliz, é apenas não ser materialmente carente... ter dinheiro ajuda, mas não resolve tudo.

E é precisamente por isso que depois há tantos muçulmanos "ocidentais" que, em sondagens, dizem simpatizar com o ISIS ou querer a implementação da Chária. Eles não são felizes coisa nenhuma, apenas vivem melhor do que viviam nos buracos terceiro-mundistas de onde fugiram. No fundo o que eles queriam era viver Paquistão ou na Arábia Saudita e, ao mesmo tempo receber o dinheiro e ter as condições que têm na Alemanha, na Suécia ou no Reino Unido!

FireHead disse...

Geralmente muitos do que estão mal no Ocidente são aqueles que já são mesmo do Ocidente, como os jovens que facilmente se deixam radicalizar. E os que só "toleram" o Ocidente por causa dos subsídios devem sofrer de alguma patologia que faz com que eles queiram estar espiritualmente nos Merdistões e materialmente no Ocidente, não sabendo bem o que é que realmente querem, se transformar o Ocidente num Merdistão e acabar-se com a maminha, ou se continuar a odiar o Ocidente mas sendo sustentados.

Para os brasucagueiros do direita e do KAPS a culpa disso é dos judeus. Ou da tenda/Judeia, como diz o KAPS. Juro que nunca conseguiu entender isso dos judeus serem os responsáveis pela islamização do Ocidente. Ou isso de dizer que os judeus fomentam a imigração no Ocidente e não querem imigrantes em Israel, como se as forças militares israelitas não tivessem lá judeus, cristãos, muçulmanos, negros, brancos, árabes, mestiços, etc.