sexta-feira, 24 de junho de 2016

Jaguar abatida em cerimónia das Olimpíadas


Na Amazónia, no Brasil, mais precisamente em Manaus, uma jaguar de 17 anos foi abatida depois de ter participado na cerimónia de transporte da tocha dos Jogos Olímpicos, que começam no dia 5 de Agosto. Juma, assim se chamava a felina, conseguiu libertar-se das correntes que a prendiam durante o evento e na tentativa de a capturar foram disparados tranquilizadores, mas, como não surtiram o efeito desejado, um militar deu-lhe um tiro disparatado, abatendo-a. "Foi um erro permitir que a tocha olímpica, um símbolo de paz e unidade, fosse exibida ao lado de um animal acorrentado. Esta imagem vai contra os nossos valores", disse, qual crocodilo que chora, a organização do Rio2016. 
Eu aqui não posso deixar de estar do lado dos activistas dos direitos dos animais: mas que porra é que estava a fazer uma jaguar acorrentada numa cerimónia dos Jogos Olímpicos??

2 comentários:

wind disse...

Também acho, que disparate!

FireHead disse...

Pois, agora já não há nada a fazer.