quarta-feira, 1 de junho de 2016

Dia Mundial da Criança

4 comentários:

Fatyly disse...

Há milhões de crianças que nascem, crescem, vivem e morrem sem direitos, escravizadas, sem comida, sem água e em ambientes de guerra.

Para todas elas o meu abraço e tudo farei apenas e tão só...até onde chegam os meus braços. Se puder ajudar nem que seja apenas mais uma criança (o que ao longo da minha vida já consegui)...já dou por feliz a minha passagem por este mundo.

Beijos criança:)) desta criança:))

FireHead disse...

É verdade o que dizes. Infelizmente o mundo é assim, um lugar cruel. Eu tenho particularmente pena das crianças que não podem nascer porque são tiradas de dentro do ventre materno antes mesmo delas serem crianças.

Há quem diga que o direito mais importante de todos é o direito à vida, mas, num mundo hipócrita como este, as coisas não são bem assim.

Não dizem que todos nós temos uma criança dentro de nós? O importante é não a deixarmos nunca morrer. :)

Beijinhos e feliz dia da criança.

Leocardo disse...

http://bairrodooriente.blogspot.com/2016/06/humana-esse-potest.html?m=0

Concordo. Enquanto uns nem direito a ser crianças têm outros crescem e dão razão aos partidários do aborto. Quero ver como é que vão alegar "obscenidades" quando forem fazer queixinhas outra vez ao Facebook. Schwing!

FireHead disse...

É a tal hipocrisia que existe no mundo. Já dizia muito bem o Al Gore que todos os que defendem o aborto não foram abortados. E neste aspecto podia até dar mais exemplos, como o facto de haver gente pró-aborto que condena uma mulher que abandona o filho recém-nascido por não ter tido a possibilidade de abortar.