segunda-feira, 23 de maio de 2016

Mais um toureiro morto


De acordo com a ANDA - Agência de Notícias de Direitos Animais -, o toureiro peruano Renatto Motta morreu no passado dia 17 na praça de Malco, em Ayacucho, no Peru, quando atacava um touro. Este reagiu defendendo-se com uma chifrada fatal. Renatto ainda foi transferido para um hospital em Nazca, a mais de duas horas de distância, mas acabou por morrer durante o trajecto. 
Renatto já participava nas touradas há mais de sete anos, tendo matado vários touros. Agora acabou por ser ele morto por um touro. Que justiça poética...

6 comentários:

wind disse...

Não tenho pena nenhuma!

FireHead disse...

Eu por acaso também não. Pôs-se a jeito. Se todos os toureiros do mundo morressem nas arenas, as touradas acabariam, penso eu de que.

RICARDO DA SILVA LIMA disse...

Não há justiça poética alguma nisto. :(

FireHead disse...

Como não? Não sabemos. O homem não é imortal e também está sujeito a qualquer tipo de perigo.

Anónimo disse...

Aqui sim, houve de todo justiça Divina! Não dou Graças, porque é lamentável, mas por outro lado, menos um dos que tira liberdade a animais por deleite de prazeres psicopaticos!

FireHead disse...

É o Karma!!