sábado, 7 de maio de 2016

الله أكبر, Londres!

Sadiq Khan e a sua mulher Saadiya, com quem tem dois filhos
A capital britânica está lixada: acabou de ser eleito o primeiro mayor muçulmano da sua história! O trabalhista muçulmano Sadiq Khan, de 45 anos e o quinto de oito filhos de imigrantes paquistaneses, venceu a concorrência do conservador Zac Goldsmith, que se queimou devido à sua "campanha difamatória" contra Sadiq Khan, acusando-o de favorecer os extremistas islâmicos (coisa que por acaso não é mentira nenhuma).

A vitória do muslo foi a melhor coisa para os trabalhistas que não sofreram uma esperada grande derrota
Paul Joseph Watson, do Infowars, já previa que o mulso ia vencer
video
O grupo patriótico Britan First expôs o novo mayor de Londres

video
Paul Weston, do Liberty GB, diz que o terrorista Sadiq Khan põe o islão à frente do país

Num país onde as forças nacionalistas têm sofrido um revés, uma das maiores conquistas destas eleições pertenceu ainda assim ao UKIP, que conseguiu mais de 26 representantes, e mesmo no País de Gales não tinha nenhum deputado no parlamento e agora já tem sete. Os trabalhistas tiveram a sua maior derrota na Escócia, perdendo pela terceira vez consecutiva para o Partido Nacionalista Escocês, que mesmo assim perdeu a maioria absoluta.

Adeus, Londres! Olá, Londonistão! الله أكبر (Allahu Akbar)!!

6 comentários:

Anónimo disse...

ja era londistão agora passou a ser oficial. o futuro do reino unido é a guerra civil. aquela bandeira com a cruz vermelha esta cada vez mais em perigo.

Douglas Sulzbach disse...

Allahu Akbar, adeus Inglaterra, em seu lugar, "Islaterra e sua capital Londonistão)' - mas eu creio que ainda há tempo para evitar esse futuro sombrio.

FireHead disse...

Anónimo,

Sim, agora é oficial. Já há um mayor muslo para condizer com o seu status. E os esquerdistas estão a vibrar com issso.

FireHead disse...

Douglas Sulzbach,

Depois do Londonistão será a vez da rainha se converter ao islão e mudar o nome do hino britânico para Allah bless the Queen.

Depois de ataques terroristas no metro londrino, decapitações de pessoas por parte de muçulmanos, desrespeito para com os soldados britânicos também por parte de muçulmanos ou de violações em grupo de crianças inglesas nativas também por parte de muçulmanos, eis que Inglaterra tem agora um mayor muçulmano em Londres, uma das principais cidades europeias!!

Douglas Sulzbach disse...

O exército de Maomé está triunfando mesmo, quanto tempo ainda até a Europa ter seu primeiro presidente muçulmano (aí sim já era)?

FireHead disse...

Países europeus com presidentes muçulmanos não digo, mas islamófilos há muito que já existem!