quarta-feira, 25 de maio de 2016

Em 2013 os cristãos no Iraque eram 2 milhões. Agora são cerca de 200 mil.



Ups, é verdade, já me ia esquecendo, o Iraque já não é mais nada disso, aliás, já não existe mais perseguição islâmica aos cristãos em lado nenhum, pois o Papa Francisco já esteve reunido com o grande imã sunita Sheik Ahmed el-Tayyib com quem estabeleceu a paz mundial entre os muçulmanos e os cristãos através do diálogo interreligioso. Acabou-se o martírio dos cristãos! Viva o Papa Francisco, o pacifista!

4 comentários:

CENSURADO AGAIN disse...

CONSEGUIR REDUZIR 9 EM 10 DE UMA POPULAÇÃO É UM BAITA GENOCIDIO MAS OS CRISTÃOS SÃO AMEAÇA MOR AO ISLÃO A EXEMPLO DOS JUDEUS OUTRA DESGRAÇA

FireHead disse...

Não, tu é que és uma ameaça... à sanidade mental das pessoas.

Ivan Baptista disse...

Deixa lá isso, se o Papa chico abençoa a Paz no mundo, isso já é um progresso e mais etc e coise e tal :/

FireHead disse...

Sim, ele é grande. Os cristãos já estão safos.