terça-feira, 19 de abril de 2016

«Um bom portista é fundamentalistamente anti-benfiquista»

Tenho um enorme respeito pelo Orlando Braga, o autor dos blogues perspectivas e Algol Mínima. Acho-o uma pessoa bastante culta. Em termos religiosos, aprecio a forma como ele defende sem cessar o Cristianismo contra os seus detractores, sejam eles ateus ou pagãos - o que inclui cascar várias vezes em hereges como o Papa Francisco, o padreco Anselmo Borges ou o frei Bento Rodrigues -, apesar de cismar que a Igreja em algum momento já chegou a defender a crença gnóstica da reencarnação, o que é falso. Acontece que quando o assunto é o futebol, ele, que é portista e merece ser respeitado, como é óbvio, pela sua preferência clubística, não esconde de ninguém o seu anti-benfiquismo.



É bom saber que também nisso o Orlando Braga é um tipo sincero. De facto assim é: um bom portista, ou melhor, um verdadeiro portista, é mesmo "fundamentalistamente" anti-benfiquista, ou seja, não tem respeito pelo Benfica. Porque sem o Benfica não há motivos nenhuns para ser portista ou sportinguista. Sem o Benfica não há motivos para os outros existirem, tal como se não existisse o Cristianismo também não haveria motivos nenhuns para a existência dos seus detractores. Com isto deduzo que o Orlando Braga vai desejar que o seu clube perca no dia 30 com o Sporting no Estádio do Dragão - um bicho mitológico que, recordemos, significa "a antiga serpente, que se chama Demónio e Satanás" (Apocalipse 12:9) - se tal for necessário só mesmo para que o Benfica não consiga chegar ao tri e ao 35.º.

4 comentários:

cards disse...

Com união, humildade, respeito pelo adversário e espírito de sacrifício conquistaremos o 35, isto é, seremos tricampeões nacionais.
Carrega Benfica

FireHead disse...

Isto é que é o mais importante para nós. Temos apenas e só que cumprir com a nossa obrigação e ganharmos as finais que nos faltam, não precisamos de saber dos outros para nada.

Um sportinguista e um portista são por natureza anti-benfiquistas. Um sportinguista prefere sempre o fcp tal como um portista prefere sempre o Sporting ao Benfica. Já ser benfiquista tem muito mais piada, é um desafio muito maior e melhor, pois implica ser anti-anti-Benfica. Isto é pura e simplesmente sinal da grandeza ímpar do Benfica, que se compara ao Cristianismo.

Abraço benfiquista e é isso mesmo: carrega, Benfica! Rumo ao tri e ao 35º!

Anónimo disse...

Porque é que a maioria dos nacionalistas dos blogues lusos são todos portistas?
É o Orlando, o Sr. Hamsun, o Afonso de Portugal e tantos outros.


Não há nenhum sportinguista ou benfiquista que possas sugerir seguir?

FireHead disse...

Pois também não sei. Cheguei a conhecer pessoalmente militantes do PNR quando estava em Portugal e constatei que elas também eram do fcp... realmente deixaste-me a pensar!

Não conheço assim muitos mais... o José Reis, o Reaccionário do blogue Acção Integral, também é portista?? :O