sexta-feira, 25 de março de 2016

Cidade sueca cancelou a "Hora do Planeta" por causa dos pedófilos violadores muçulmanos

Sim, isso foi em Östersund onde no ano passado os "refugiados" pedófilos violadores cometeram 14 crimes sexuais contra meninas. A polícia sueca pediu às mulheres para não saírem sozinhas à noite, pois o seu cabelo loiro é bem capaz de provocar os alógenos...

video

A ditadura do politicamente correcto é um suicídio.

2 comentários:

Adilson disse...

Isso chega a nos deixar profundamente indignados. Mas o que podemos fazer? A Suécia já não tem mais remédio e, ao que tudo indica, há um fim à vista. Dia após dia, mês após mês, ano após anos, esses criminosos continuam praticando suas crueldades livremente. Por outro lado, o cristianismo é atacado de forma violenta pelos próprios governo sueco, e da Europa em geral. Então, tudo o que posso fazer é rezar para Deus continue fortalecendo sua Igreja naquele país!
Abraço.

FireHead disse...

Até me custa admitir isso, mas eu já não tenho grandes esperanças em relação à Europa. À medida que o continente vai-se descristianizando, vai-se aproximando a derrocada civilizacional. Eventualmente ainda acredito que nações como a Polónia, talvez a Hungria ou qualquer outro país que saiu do bloco soviético sejam capazes de resistir e de perdurar. Mas para isso também é preciso que os seus governos comecem a preocupar-se seriamente na sua auto-defesa porque com os muçulmanos, no futuro, já se sabe que eles não vão parar enquanto não dominarem tudo.