sábado, 27 de fevereiro de 2016

Alógeno tranca e ataca sexualmente uma menor num supermercado na Brandoa


Na Brandoa, que fica na africanizada Amadora, uma menor de 16 anos disse à PSP que foi trancada e atacada sexualmente por um imigrante ilegal num supermercado. O suspeito, que trabalha na loja e tem 27 anos, já foi detido e presente a tribunal. A vítima vive na zona e contou que, assim que entrou no supermercado do seu bairro para fazer compras, o suspeito fechou a porta e começou a atacá-la sexualmente. A adolescente resistiu e conseguiu fugir, deixando os bens pessoas para trás, e dirigiu-se à esquadra da PSP para apresentar queixa.
Será que o imigrante ilegal vai ser deportado? Será que o caso, além de já ter chegado ao SEF, já chegou também aos ouvidos da maralha do SOS Racismo (partindo do princípio que a vítima não é alguém de "cor")? Será que a malta irracionalmente esquerdista que defende que "ninguém é ilegal" já tem conhecimento disto??

2 comentários:

Adilson disse...

Bem, quero ver até quando a União Europeia, a maior quadrilha de bandidos comunistas e maçons do mundo, vão continuar destruindo a Europa com a ajuda dos políticos europeus! Fico indignado!

Abraço.

FireHead disse...

Vamos é ver se as Marines, os Wilders, etc. tomam conta das rédeas dos seus países enquanto é tempo...