sábado, 19 de dezembro de 2015

Macau vai passar a ter 85 quilómetros quadrados


A Região Administrativa Especial de Macau vai passar a ter uma área de 85 Kma partir de amanhã, dia em que se comemora o 16.º aniversário da transferência de soberania para a República Popular da China, como prenda. O presente dado por Pequim após uma reunião do Conselho de Estado vai assim permitir a Macau aumentar a sua área de jurisdição, o que conduzirá à realização de novos aterros. Ficou, no entanto, estipulado o seguinte: as novas áreas conquistadas ao mar não poderão ser colocadas ao serviço da indústria do jogo.


O chefe do Gabinete do Chefe do Executivo, O Lam, afirmou que o aumento da área de jurisdição é vantajoso para a diversificação económica e desenvolvimento sustentável, permitindo "estender a cooperação a nível marítimo" no sentido de "maximizar o papel de porto franco de Macau e a estratégia de plataforma entre a China e os países de língua portuguesa". Por sua vez, o chefe do Gabinete de Ligação do Governo Central na RAEM, Li Gang, afirmou que o novo mapa de jurisdição vai expandir o espaço de cooperação entre Macau e Cantão, especialmente em termos de desenvolvimento da economia marítima com Zhuhai.

Sem comentários: