segunda-feira, 7 de dezembro de 2015

Frente Nacional faz história!


Oui, c'est ça!! A Frente Nacional (FN) conseguiu um triunfo histórico em França três semanas depois dos atentados islâmicos de Paris que resultou na morte de mais de 120 pessoas. O partido nacionalista francês impôs-se em seis das 13 regiões, o que já levou a Marine Le Pen a afirmar que a FN é a primeira formação política em França a 17 meses das eleições presidenciais. Aparentemente, os derrotados vão agora fazer de tudo para evitar que o nacionalismo triunfe pela via democrática, coisa que não aflige Le Pen. "É um resultado magnífico que recebemos com humildade e responsabilidade. O povo exprimiu-se e com ele a França ergueu a cabeça. Esta votação confirma o que os precedentes escrutínios anunciaram. O movimento nacional é de forma incontestável o primeiro partido. Não vamos ceder às pressões anti-democráticas das forças políticas e mediáticas. A campanha de difamação vai aumentar", garantiu. Atrás da FN ficaram os republicanos, liderados por Nicolás Sarkozy, e os súcias ficaram em terceiro. "Agora falta convencer na segunda volta", afirmou o vice-presidente da FN, Florian Philippot.
A escória esquerdista e os totós dos politiqueiros correctos e idiotas úteis é que não ficaram nada satisfeitos com tamanha vitória democrática dos nacionalistas franceses! Aliás, o que não falta agora é gente que deve ter deitado as mãos à cabeça e perguntado como é que esses racistas, xenófobos, islamofóbicos, anti-europeístas, anti-imigracionistas, anti-acolhimento dos "refugiados", etc., etc. conseguiram tamanha proeza! Pois, olhem, camaradas, não tivessem andado a criar condições para que tal fosse inevitável! Se a maioria dos eleitores franceses votou na FN é porque eles vêem que a França está cada vez menos francesa, ainda por cima com a ameaça do terrorismo islâmico a pairar no ar devido ao grande número de muçulmanos que o país acolhe, e reparemos que isso do nacionalismo estar a mandar na Europa já não é nada de novo: recentemente foi na Polónia, na Suíça o SVP/UDC já é o partido mais votado há 10 anos e reforçou ainda mais o seu apoio popular este ano, os Democratas Suecos já são a segunda força política na Suécia (coisa impensável há uns anos atrás por ninguém acreditar que um país "tolerante" e "multiculturalista" como a Suécia também tem "nazis" e "racistas"), no Reino Unido há o UKIP, na Áustria o FPÖ, na Alemanha o AfD, na Holanda o PVV, todos eles em franco crescimento (excepto infelizmente em países como Portugal devido aos seus "brandos costumes"), portanto só continua com a cabeça metida debaixo do chão que nem uma avestruz ou continua a não querer ver o óbvio quem quiser.
Vive le Front National! La France a besoin de toi!

4 comentários:

Ivan Baptista disse...

FireHead, eu ainda me lembro de te ter dito que , não se vive em nenhuma democracia, ok..vive-se em liberdade de expressão desde que, não se fale menos bem dos que dão a voz dos "oprimidos", e aca dos mais fracos .
Para mim, a França está só dar uma lição a quem "defende" os ideais ( liberte, igualitê, fraternitê ) dos imaculados de esquerda e direita, aca da democracia dos mercados FMI , enfim.. de toda a intrujice que nos andaram a vender .
Uuuuii ca medo, a Le Pen é uma ditadora por não gostar de imigração ilegal, terroristas ( fabricados pelo grupo dos bilderberg )e etc ! ..

Pois bem, a Srª LePen pode não ser perfeita , tal como o syriza da grécia não o é, mas apesar de serem diferentes, teem uma coisa em comum, ambos são contra a DITADURA dos mercados, fabricados pela " democracia " que assistimos na Europa e quiçá, no mundo inteiro .

E não me parece que a Srº LePen seja contra uma união Europeia, ela é só simplesmente contra esta UE, porque de Europeia nada teem :/

Ivan Baptista disse...

Queria corrigir , aca dos que dão a voz dos mais fracos, isto é, aquelas pessoas que defendem de forma cega, os que são vitmimas de intolerancia e etc..
Pois bem , todos nós sabemos bem o que na realidade essas pessoas defendem, o que defendem é simplesmente o seu narcisismo puro, toda a gente sabe que sempre existiu pessoas que defendem causas de liberdade, igualdade e faternidade e mais N100 o kê, isso não nenhuma nvidade .
Nos tempos que correm, é que a realidade Hippie já não é mais a mesma .
Alias, não foi na reunião da cimeira do ambiente em Paris, que andaram a mandar sapatos e pedras á policia ?
Pois, foi uma minoria, uma minoria que nada tinha a ver com os manifes pacificos e etc !
Secalhar eram da policia á paisana !
Aca os ataques terroristas foram uma conspiração ! Os terroristas tinham um chip no miolo, ques lhes dava a ordem para pegar no gatilho e disparar em tudo o que se mexia !
Dass ,até se via na TV manifes com a bandeira GLBT,s á pancada com a bófia de choque ! Alguns até estavam literalmente vestidos de palhaços ! Eram da Bófia á paisana ? Só pode, pois toda a gente sabe que os travecos, palhaços e outros, são tudo gente pacifica :/

FireHead disse...

O mais engraçado é a reacção a esta retumbante vitória da FN. A escumalha já anda mesmo toda aflita de tão preocupada que anda! O que vale é que o Sarkozy não está interessado em alinhar em esquemas para impedir que a FN vença... democraticamente. Sim porque quem deu a vitória à FN foram os franceses e não os extraterrestres. Porque é que andam todo chamuscados agora? Mas afinal não amam a democracia? Ou ela só é bonita, dá saúde e faz crescer quando serve para colocar escória no poder? Ahhh, sei...

FireHead disse...

De resto, não dês importância à escumalha. Eles, como bons esquerdistas, só são tolerantes na teoria. Na prática a história é outra...