sexta-feira, 18 de dezembro de 2015

Barcelona discute título de campeão do mundo com o River Plate

video

O uruguaio Luis Suárez foi o herói do jogo entre o Barça e o Guangzhou Evergrande ao apontar um hat-trick (vitória culé por 3-0) e colocar os catalães na final do Mundial de Clubes da FIFA onde vai reeditar um jogo da extinta Taça Intercontinental que opunha o campeão europeu ao vencedor da Taça dos Libertadores. As estrelas Messi e Neymar estiveram ausentes, mas o técnico Luis Enrique espera que a sua equipa possa estar na máxima força no jogo decisivo. Do lado dos chineses, Luiz Felipe Scolari afirmou que perder por 3-0 sempre é melhor que sofrer quatro golos como o Real Madrid. "Disse no outro dia que o Barcelona é o único clube que consegue superar as baixas de Neymar e Messi, visto que tem 24 ou 25 jogadores de grande nível", acrescentou o treinador brasileiro.

2 comentários:

KVRGANIVS NOSTRATORVM disse...

AMERICA DO SUL É O UNICO LUGAR DO MUNDO QUE SABE JOGAR FUTEBOL FORA DA EUROPA E JUSTAMENTE OS PAÍSES DE MAIOR INFLUENCIA GENETICA OCIDENTAL TIPO ARGENTINA

FireHead disse...

Por isso que nas camadas mais jovens o Gana, que fica em África, já foi campeão do mundo tal como no futebol feminino as japonesas também já chegaram a ser campeãs. E o melhor jogador de futebol de todos os tempos, o Pelé, é brasileiro e negro. Deve ser tudo por acaso.