domingo, 15 de novembro de 2015

Se és um sem-abrigo, torna-te refugiado, de preferência sírio, e habilita-te a ganhar uma casa!

2 comentários:

Lura do Grilo disse...

Muito boa!

FireHead disse...

Sim, mas há quem não tenha gostado desta imagem e dito que ele é demasiado analfabeto para ter um cartaz com um português desse nível, como que a dizer que os sem-abrigos são uns burros de meia tigela. Por outras palavras, foi uma montagem com um fim da caganeira do PNR, ou seja, nacionalista. E, claro, hoje em dia quando se ouve alguém dizer que é nacionalista ou que o nacionalismo é bom - ou mesmo "o que é nacional é bom" - é porque é a porcaria dum racista, xenófobo, islamofóbo, etc. etc. De facto o sem-abrigo nem sequer precisa de ir para a Síria para depois voltar de lá com o estatuto de refugiado. Basta-lhe adquirir no mercado negro um passaporte sírio falso e voilá. Foi isso que aquele jornalista alemão fez e foi fácil como o caraças.