quinta-feira, 15 de outubro de 2015

Padre julgado por violação


Notícia exclusiva do Correio da Manhã (CM): em Saragoça, Espanha, um "sacerdote" (negro, como podemos ver na foto) de nome Juan Madja conheceu uma mulher numa discoteca e tê-la-á violado. A notícia só diz que ele foi julgado, quanto ao resto só podemos mesmo é ficar a imaginar coisas.
Um padreco destes, se é que realmente é um padre e fez o que diz o CM, tem mais é de ser irradiado e devidamente condenado. Primeiro pela justiça humana e depois pela divina.

4 comentários:

wind disse...

Concordo!

FireHead disse...

O CM de vez em quando não é credível. Gostava de ler a notícia toda sobre isso que é para tirar as minhas conclusões.

Anónimo disse...

Tivemos um caso semelhante no Brasil, só a cor do padre é que difere, é branca. http://goo.gl/Bm0t7A

FireHead disse...

Sim, também há "padres" violadores brancos e doutras raçãs que não a negra. Como é óbvio, nem todos os que chamam pelo Senhor entrará no Reino dos Céus...