terça-feira, 13 de outubro de 2015

Arranca o coração à mãe e masturba-se ao pé do corpo


Omar Pettingen, um afro-norte-americano de 31 anos, matou a sua própria mãe (que usa um véu na cabeça - muçulmana?), Nailah Pettigen, de 64 anos, com um tiro na cabeça e outros seis nas costas no apartamento que partilhavam em Fremont. Depois, abriu o peito da progenitora com um machado, arrancou-lhe o coração e masturbou-se junto ao cadáver antes de sair com os amigos. O corpo da falecida foi encontrado no passado dia 29 de Setembro e Omar está a ser acusado de homicídio e profanação de cadáver. "Perguntei-lhe como se sentia com as atitudes que teve. Omar não mostrou sinais de remorso", explicou o detective Craig Gaches, da polícia de Fremont, citado pelo site Daily Mail.
Allahu Akbar?

3 comentários:

wind disse...

Um psicopata! Não sentem nada!

FireHead disse...

Em Portugal também há muitos psicopatas com potencialidades de destruição. Estou-me a lembrar, assim de repente, da Catarina Martins. XD

FireHead disse...

http://www.barenakedislam.com/2015/10/14/ewwww-california-muslim-kills-his-mother-cuts-out-her-heart-then-masturbates-on-her-corpse/