domingo, 11 de outubro de 2015

A Coreia do Norte está pronta para qualquer guerra dos EUA


Fez ontem também 70 anos da criação do Partido dos Trabalhadores na Coreia do Norte. Os comunas norte-coreanos assinalaram a data com uma grande parada militar que serviu para mostrar ao mundo que o partido comunista, que tomou conta do norte da península coreana com a dinastia Kim com o apoio dos soviéticos e dos chineses, "é um partido invencível que forma um conjunto coerente com as pessoas", como afirmou o líder Kim Jong-Un no seu discurso. O ciborgue 19 Kim Jong-Un disse também que o país está hoje preparado para combater qualquer guerra "provocada pelos Estados Unidos": "Hoje, o nosso partido declara com determinação que as nossas Forças Armadas revolucionárias são capazes de combater qualquer tipo de guerra provocada pelos Estados Unidos e estamos prontos para proteger o nosso povo e o céu azul da nossa pátria". Apesar do seu pequeno tamanho e de ter "apenas" 24 milhões de pessoas, a Coreia do Norte é a quarta potência militar do mundo. Essas 24 milhões de pessoas foram elogiadas pelo líder comuna, que considerou o povo "a fonte do milagre" que permitiu ao país tornar-se num "Estado socialista poderoso que é independente e auto-suficiente em matéria de defesa". "O Partido dos Trabalhadores é um partido invencível que forma um conjunto coerente com as pessoas", sublinhou.
Aproveito para apelar a todos os comunistas radicados em países não-comunistas, como por exemplo Portugal (Jerónimo de Sousa, Bernardino Soares, etc.), para se mudarem para a Coreia do Norte. E depressa.

4 comentários:

wind disse...

Bom resto de domingo:)

FireHead disse...

Boa semana. :)

Ivan Baptista disse...

Já não homens como antigamente, porque os nipónicos não mandam para lá uns samurais e não resolvem aquilo ?
Tem que ser sempre os mesmos, rambo, Stalone ou o chuk norris a resolver a coisa ?

FireHead disse...

Os nipónicos já têm problemas bem sérios que cheguem, como a taxa de natalidade baixíssima e o grande envelhecimento da população. Além do mais, cada vez são menos os jovens japoneses que têm aquele amor à pátria como têm ou tinham os antigos. Só para não dizer também que os japoneses são personas non grata para os coreanos, pois a Coreia unificada foi colónia japonesa... e isso deixou sequelas até hoje. Não foi só na China que os japoneses cometeram atrocidades.