quarta-feira, 30 de setembro de 2015

Mãe mata pedófilo e vai presa

Em Londres, a senhora Sarah Sands, mãe solteira de cinco crianças, foi condenada a três anos e meio de prisão por ter assassinado à facada o seu vizinho Michael Pleasted, um pedófilo de 77 anos com cadastro por crimes sexuais que estava em liberdade sob fiança a aguardar julgamento e que terá molestado os seus filhos, no passado dia 28 de Novembro. "Este foi um caso em que a acusada se entregou à polícia sob um estado elevado de stress, nunca afastou a sua responsabilidade sobre o homicídio nem se quis livrar de provas e até demonstrou remorsos", disse assim o juiz.
Pedófilo cadastrado em liberdade... Uma mãe que faz justiça com as próprias mãos e que em vez de ser condecorada é presa... O que é que difere a justiça britânica da justiça abrilesca??

6 comentários:

wind disse...

Novembro? Do ano passado?

Anónimo disse...

Uma heroína!

FireHead disse...

Wind,

Sim, Novembro do ano passado. A justiça em Inglaterra pelos vistos também é demorada.

FireHead disse...

Anónimo,

Uma heroína que vai presa. Quem devia estar preso anda solto.

Zé Pitaco disse...

A "justiça" britânica é como toda a Inglaterra;degenerada, podre, pederasta e ditadura de veados!Inglaterra agora é Londonistan, cheia de ciganos da India, Paquistão, Bangladesh e macacos da África!

FireHead disse...

Zé Pitaco,

Então isso quer dizer que a justiça em Inglaterra vai passar a ser toda ela regida pela sharia. Bom, na verdade já faltou mais para isso acontecer...