quarta-feira, 19 de agosto de 2015

Violações: à frente da Suécia só o Lesoto!


De acordo com o Gatestone Institute, a Suécia já é o segundo país do mundo com mais violações, logo a seguir ao Lesoto, que fica em África! Tal deve-se à enorme imigração que existe nesse país escandinavo, bem como a política de acolhimento de refugiados, sendo a maioria dos imigrantes e refugiados proveniente de países muçulmanos (Somália, Iraque, Síria). De há 40 anos atrás para cá, ou seja, a partir do momento em que o parlamento sueco (sveriges riksdag) decidiu apostar no multiculturalismo, os crimes violentos aumentaram 300% e as violações 700%! À pala desta aposta no multiculturalismo, a Suécia tornou-se no país europeu com o mais rápido crescimento da Europa, sendo que os imigrantes de segunda geração deixam de ser considerados estrangeiros para as estatísticas, contribuindo para a destruição da homogeneidade demográfica sueca. Para piorar as coisas, a identidade dos criminosos de origem estrangeira é sempre ocultada e até transformada para os proteger: para os mé®dia, esses criminosos são "suecos" e quem falar do backgroud deles é implacavalmente atacado porque a própria legislação sueca proíbe registo com base na religião ou nos ancestrais. "Quando é que vós jornalistas ireis entender que está profundamente enraizado na cultura islâmica estuprar e maltratar mulheres que se recusam a respeitar os ensinamentos islâmicos? Há uma forte ligação entre estupros na Suécia e o número de imigrantes de países do Médio Oriente e Norte da África", afirmou Michael Hess, político do partido nacionalista Democratas Suecos (Sverigedemokraterna), afirmação essa que o levou a ser, por sua vez, acusado de "denegrir grupos étnicos", o que é um crime na Suécia! Michael Hess, que viveu muitos anos em países muçulmanos, tem razão no que disse, pois conviveu de perto com a realidade islâmica!
Enfim, é esse o maravilhoso país que quiseram que a Suécia fosse! Pagai com os vossos corpos, suecas! Pagai as merdas que os vossos políticos eleitos fazem sentindo-as na vossa própria pele com o beneplácito do bendito multiculturalismo, do fantástico progressismo e da completa tolerância mesmo que esta seja dirigida aos intolerantes terceiro-mundistas com culturas hostis à civilização ocidental! Não voteis nos Democratas Suecos antes que seja tarde demais que não vale a pena!

8 comentários:

Lura do Grilo disse...

Como toleram isto os suecos? Acho que uma das explicações está, ou deverá estar, numa educação desde a infância que distorce de tal forma a percepção da realidade que acabarão como gado no matadouro.

FireHead disse...

Vão tolerando isto enquanto não o sentirem na pele. O problema é que muitos que o sentem na pele acabam mortos, pelo que nada podem depois fazer para contrariar as coisas.

Anónimo disse...

Procurem imagens no google a fazer pouco: captain sweden

FireHead disse...

Já vi. Está demais. XD

Anónimo disse...

Quero ver o que vai acontecer quando esta trampa chegar a Portugal ...

Anónimo disse...

Peço desculpa a quem não concordar, mas eu sou nacionalista e voto PNR

FireHead disse...

«Quero ver o que vai acontecer quando esta trampa chegar a Portugal ...»

Não deve chegar nunca, pois Portugal é um "país de brandos costumes"...

FireHead disse...

«Peço desculpa a quem não concordar, mas eu sou nacionalista e voto PNR»

A grande maioria dos eleitores portugueses que se dizem nacionalistas vota no PNR mesmo. Porque, dizem, é o único partido nacionalista português.