domingo, 23 de agosto de 2015

Porque é que a esquerdaria não haveria de apoiar a pedofilia?


Saquei esta notícia do blogue Totalitarismo Universalista: parece que o PIE (Paedophile Information Exchange - o que é isso?!) e o NCCL (National Council for Civil Liberties), um braço do Partido Trabalhista (esquerdista) britânico, querem que a idade mínima de consentimento seja reduzida, considerando que entre os 10 e os 14 anos o "acto sexual consentido não deve ser uma ofensa". Coisas como "As experiências sexuais em que as crianças se envolvem voluntariamente com um adulto não causam nenhum dano que possa ser identificado", "A Comissão de Lei Criminal deve estar preparada para aceitar os resultados de estudos de acompanhamento de crianças 'vítimas' (de abusos sexuais) que mostram que há poucos efeitos resultantes de as crianças terem sido 'molestadas'", "Há uma necessidade real de mudar a atitude de assumir que todos os casos de pedofilia resultam em danos duradouros" ou "As penas legais actualmente existentes são demasiado duras e reforçam a desinformação e o preconceito. O dever dos tribunais deve ser inquirir todas as circunstâncias relevantes, não com a intenção de punir, mas sim para determinar a solução que mais bem sirva os interesses de ambas criança e pedófilo", podem ser lidas tanto no blogue em questão como no sítio internético do jornal Express, em inglês.
Por este andar, qualquer dia a pedofilia vai deixar de ser crime, tal como hoje a homossexualidade não é crime no Ocidente. Com os mesmos argumentos usados para defender o "casamento gay" e também a adopção por parte dos gays, não falta muito para surgirem também defensores da poligamia, do incesto ou do animalismo. É o regresso triunfante do paganismo e a confirmação de que o esquerdume vai aos poucos se superando cada vez mais...

25 comentários:

Anónimo disse...

A esquerda é o verdadeiro inimigo, por trás de todos os problemas, não só do ocidente como do mundo todo.É triste, mas isto de pedofilia, com a ajuda da esquerda, poderá ser normalizado no futuro.

Afonso de Portugal disse...

O que vale é que vem aí o Islão e vai por ordem nisto tudo!

FireHead disse...

Anónimo,

Pois mas há anormais que acreditam que o verdadeiro inimigo não é esquerda, mas sim os judeus. Ou melhor, os koshers. Independentemente de comerem ou não carne de porco.

FireHead disse...

Afonso de Portugal,

E se o islão puser ordem nisto, os anti-koshers ficarão todos contentinhos.

Anónimo disse...

Querem diminuir exatamente para agradar os muçulmanos que são pedófilos.

Ivan Baptista disse...

Blogger FireHead disse...


"E se o islão puser ordem nisto, os anti-koshers ficarão todos contentinhos."

Eu vi um vídeo do Alex Jones a entrevistar o David Duke postado no blog do Afonso de Portugal e, percebi que os inimigos dos "Koshers" são forçosamente nossos inimigos ( /watch?v=VuXNMkBJbNg )!
Quer dizer, Esquerda e Direita ou seja, Democratas e Republicanos nos USA são farinha do mesmo saco ( infelizmente temos a mesma merda aqui em Portugal, desde a esquerda caviar á direita neoliberal é tudo a mesma bosta).
Vê o vídeo é bastante interessante e pode explicar muita coisa, não é preciso ser-se um génio para se perceber de quem está por detrás a querer dividir para reinar e controlar o mundo.
Pelo que eu vi no vídeo, percebi o que eu já me tinha apercebido há muito, esta-se a enfraquecer em todos os sentidos e reduzindo culturalmente e até mesmo etnicamente povos ocidentais com a lenga lenga do costume.. mesmo sabendo que o comunismo eliminou muito mais que o nacional socialismo do Adolfo, a vitimização dos judeus ao longa da história ajuda em muito a sua influencia no poder politico e económico, o comunismo e o capitalismo são farinha do mesmo saco é estranho mas é verdade, pois quem lidera as grandes oligarquias são Judeus, no Comunismo ou socialismo, tens a influencia deles tabem, alias o Marx era judeu.
Há e depois há uma coisa, os judeus são a favor do multi-racialismo/culturalismo, LGBT e tudo isso, mas se for na comunidade ou na terra deles, isso já eles não aceitam , quer dizer, embora haja movimentos liberais de Lgbt e multiculturais, é só uma farsa, é só para mostrar ao mundo o quanto os judeus são tão tolerantes como eles querem que os europeus sejam.
Na realidade , os judeus não gostam muito de modernices, e olham para os outros como sendo primitivos e atrasados, moralmente inferiores e coiso, bem... se isto não é racismo, então não sei o que é racismo.. mas é uma arrogância que dói !
Atenção que não estou a defender os actos de violência perpetuada por extremistas, sejam eles quem forem, mas compreendo-os o porquê de tanto ódio contra os ocidentais, e não tenho nada contra a etnia dos judeus, pois muito provavelmente tenho ascendência tanto sefardita como Ashkenazim, mas sou Europeu , a minha realidade é daqui, mesmo que tenha sangue mouro, ou até mesmo mongol ou africano , eu sou daqui, cada povo teem a sua própria cultura, história e a sua própria diversidade, o que o David Duke fala e bem é mesmo sobre isso , o melhor para o mundo é a diversidade , não é o genocídio diabolicamente premeditado ao pormenor contra Povos e Nações com as modernices de porem uns contra outros como por exemplo, o Politicamente correcto, os mercados, os mé®dia, os Vips e não sei o que mais !
Li algures na Net, que a morte de John F. Kennedy era a eliminação do programa nuclear de Israel, e secalhar foi por isso mesmo que o gajo foi assassinado. Portanto concluindo quem manda nos USA, é o Sionismo ou lá merda que aquilo é.
E só mais uma coisa, vivemos em democracia e em liberdade, mas numa democracia sem privacidade, vivemos num autentico Big Bosta Brother com a desculpa de que é por causa do terrorismo e tal, mas aqui é que se vê quem são os verdadeiros terroristas, que nos estudam tal e qual como se fossemos cobaias ou ratos de laboratório em experiencias maquiavélicas..
Dasss , Agora percebo que isto um dia ainda vai acabar mal, os "Koshers" estão a diobolizar a Russia e parece que não sabem medir o perigo que representa para a vida do planeta terra ? Ai a culpa é do Putin e tal, pois o "Urso" anda se a portar mal ?..
Será que ninguém viu o que uma bomba atómica pode fazer ?
Vejam mais documentários sobre Hiroxima e Nagasáqui, será o fim da vida no plante terra se entrarmos numa guerra Nuclear.. Cruz Credoo , não quero nada disso....

Ivan Baptista disse...

/watch?v=txCitxbKME8 esta senhora loira é Judia .. e o que ela faz , é só teatrinho, pois ela esta-se a cagar tanto para as ofensas ao passos assim como para o costa, aposto que ambos são seus amiguinhos.

Outro senhor que me disseram que era judeu é este, http://rr.sapo.pt/opiniao_detalhe.aspx?fid=34&did=197098
o senhor,Francisco Sarsfield Cabral.

Percebes, esquerda e direita é farinha do mesmo saco, não é a teoria da conspiração é a prática da conspiração, eles adem ai, são alienes que nos espiam e coiso

Anónimo disse...

O Afonso esquece o não sabe que os muçulmanos serão os primeiros a aceitar a pedofilia, pois Maomé também era pedófilo.

FireHead disse...

Anónimo das 19:36,

Querem diminuir o quê?

FireHead disse...

Ivan Baptista,

Não compro esta ideia de que os judeus querem que os outros aceitem as coisas que eles não aceitem em Israel. É como os lunáticos que dizem que os judeus criaram o EI e que o EI não ataca Israel porque é criação de Israel e que os judeus querem que o EI ataque em forma de atentados no Ocidente havendo muitos judeus no Ocidente. Será que a perseguição dos judeus no Ocidente por parte dos muçulmanos é desejado pelos judeus? Ou a vandalização dos cemitérios judeus? Se os judeus controlam o mundo, estas coisas não deveriam acontecer, não é mesmo? Serão erros de casting?

Racismo? Como pode ser racismo? O judaísmo é uma religião e existem judeus de várias raças e etnias. Quando falas dos judeus referes-te a brancos, pretos, mestiços...? Não me digas que para ti quem é contra o islão também está a ser "racista"?!

Se nasceste na Europa é claro que és europeu, pelo menos de naturalidade.

Esse tipo do vídeo lá no blogue do Afonso parece um bocado retardado com a sua paranóia conspiracionista contra os judeus. Isso dos judeus controlarem lóbis ou mesmo a economia no Ocidente, que os homens mais ricos e influentes são judeus, etc. parece antes de mais inveja deles. Se os "goyins" é que são mesmo superiores, e sendo eles mais do que os judeus, como conseguem então os judeus controlar o que quer que seja? Ditadura das minorias? Não compro mesmo nada estas teorias da treta.

Os judeus são como os chineses no sudeste asiático. Também controlam grande parte das economias locais porque são um povo trabalhador, empreendedor, inteligente... daí na Indonésia terem sido já expulso umas vezes, até que a economia do país ficasse na merda e as pessoas vissem que realmente sem os chineses a coisa não ia para a frente... É tudo inveja. É como a verdade verdadinha de que África estava muito melhor com os colonizadores brancos a mandar do que agora: pelo menos não havia tanta fome nem miséria como há agora. Aliás, se há tanto negro a querer fugir para a Europa, seja legal ou ilegalmente, é porque o fim do colonialismo não resultou.

Como os judeus diabolizam a Rússia havendo tantos russos judeus??

No lugar do sionismo, eu coloco a palavra Maçonaria ou Nova Ordem Mundial, isso sim e nada tem a ver com os judeus porque até é pagão e bem pagão.

Direita e esquerda são coisas muito diferentes. Não sejas como o outro que diz que ser de Direita é ser conservador porque não é. O que não falta são esquerdistas bem conservadores porque há esquerdismo e esquerdismo, e até há nacionalistas de esquerda (só para contrariar o mito de que o nacionalismo é necessariamente de extrema-Direita) tal como há direitistas liberais.

Ivan Baptista disse...

FireHead disse...


" Racismo? Como pode ser racismo? O judaísmo é uma religião e existem judeus de várias raças e etnias. Quando falas dos judeus referes-te a brancos, pretos, mestiços...? Não me digas que para ti quem é contra o islão também está a ser "racista"?! "

O judaísmo é uma religião sim, mas a etnia não é, ok?
E os judeus são uma etnia sim, teem características muito próprias assim como por exemplo os ciganos também teem, mesmo que se misturem teem uma ancestralidade em comum, ok?
Os judeus, tal como os palestinianos , são parentes próximos mas de diferentes etnias .
O império Português tabem tinha uma variedade muito grande de etnias pois era um império, mas a origem dos portugueses é europeia, os nativos das ex-colónias não se identificavam lá muito com o europeu, pois eles, os nativos, teem a sua ancestralidade de lá, são de lá .
Quem é contra as crenças de outras culturas como por exemplo o islamismo, pode ser considerada de xenófoba, não sei..

" Como os judeus diabolizam a Rússia havendo tantos russos judeus?? "

Mikhaïl Khodorkovski , este senhor é um oligarca preso por Putin, beem o pai dele é ou era judeu, a religião dele não sei se é ortodoxa, não sei .
Os judeus da Europa central e de alguns países de leste são Ashkenazim, dai muitos judeus serem "russos", um antepassado parente meu era alemão loiro de olhos azuis, mas judeu.

" Os judeus são como os chineses no sudeste asiático. Também controlam grande parte das economias locais porque são um povo trabalhador, empreendedor, inteligente... "

Ena pá, tanta arrogância, o povo escolhido por deus é o mais inteligente de todos e tudo mais!
Isso é o que Rael o ultimo profeta dos Elohim defende, foi o ET que falou com ele que afirmou isso , os Judeus foram escolhidos por eles , pois eles tinham o Q.I mais elevado do mundo..
Epá Tretas, isso não quer dizer nada, tantos cientistas que foram Europeus sem ser judeus, isso quer dizer o quê?.. E isso que dizes , é a mesma coisa que afirmar que os pretos são mais estúpidos que os caras pálidas, ou amarelos, ou mestiços, ou peles vermelhas, epá não vás por ai..

" No lugar do sionismo, eu coloco a palavra Maçonaria ou Nova Ordem Mundial, isso sim e nada tem a ver com os judeus porque até é pagão e bem pagão. "

A maçonaria ?.. Que influencia tem/teve ? Secalhar tens ai a resposta.


" Não compro esta ideia de que os judeus querem que os outros aceitem as coisas que eles não aceitem em Israel "

O multiculturalismo ou a ditadura das minorias na Europa é uma ideologia que começou quando ? E já agora , porquê ?

" Será que a perseguição dos judeus no Ocidente por parte dos muçulmanos é desejado pelos judeus? Ou a vandalização dos cemitérios judeus? Se os judeus controlam o mundo, estas coisas não deveriam acontecer, não é mesmo? "

Alguém tinha que Inventar o Antissemitismo, e só agora é que se inventou a islamofobia porque provavelmente tabem existiu o antissemitismo, teve-se que inventar alguma coisa para se poder distinguir o bem do mal né ?


" Se nasceste na Europa é claro que és europeu, pelo menos de naturalidade. "

E porque também os meus antepassados são de cá, sou um luso com alguns requisitos extra

" Direita e esquerda são coisas muito diferentes ..etc e tal.. "

Pois é, eu é mais bolos, pois não sou nem de esquerda nem de direita, então sou o quê?
A minha ideologia é a do ,que não me façam desaparecer do mapa, ou seja, defender a minha própria diversidade ;)
Se está na moda de aceitar e vivermos outras diferentes diversidades ou seja, o multiculturalismo aca também o relativismo cultural, por favor ou por amor de Deus, não se esquecem que também eu ou outras pessoas como eu também existem :)

Afonso de Portugal disse...

«O Afonso esquece o não sabe que os muçulmanos serão os primeiros a aceitar a pedofilia, pois Maomé também era pedófilo.»

O Afonso estava a ser irónico! ;)

FireHead disse...

Ivan Baptista,

Os judeus são uma etnia? Na verdade há mais do que uma "etnia judia", como os sefarditas e os askenazis. E depois também há não-brancos judeus. O Aron Winter, antigo jogador holandês de futebol, é judeu e é negro. Portanto não sei que etnia é propriamente a judia. Sei é que o judaísmo é, isso sim, uma religião, caso contrário não existiriam etíopes (escurinhos) judeus nem haveria conversões ao judaísmo, nem tão pouco os judeus poderiam nunca deixar de ser judeus e passarem a ser cristãos, como fez por exemplo o São Paulo.

Os "palestinianos" actuais na verdade descendem dos árabes e estão lá fruto da invasão muçulmana. Os verdadeiros palestinianos, ou os originais, não são árabes, mas sim judeus. Semiticamente o árabe e o judeu são próximos, mas o engraçado é que os árabes muçulmanos são anti-semitas. Em último caso, são uns complexados que odeiam ser o que são.

O povo português é essencialmente europeu, sim, mas deriva duma mixórdia na sua origem que inclui sangue norte-africano (mouro) e mesmo oriental (judeu sefardita). Só para não dizer que tem genes do norte e do centro da Europa. Depois, com a colonização, os tugas foram deixar descendência nos quatro cantos do mundo, sendo que até hoje em dia os malaqueiros (de Malaca, Malásia) continuam a dançar as danças transmontanas devido aos seus ancestrais transmontanos, falam lá o Kristang que é um dialecto de origem portuguesa e são católicos, características que os distinguem dos demais malaios. Também no Myanmar há os luso-descendentes bayingyis, no norte da Tailândia idem, no Camboja foram exterminados por Pol-Pot, e aqui em Macau há ainda uma presença significativa de portugueses com a sua cultura própria.

Muitos portugueses são nativos das ex-colónias. Estou sempre a dizer que tenho quatro primos brancos que nasceram em Angola e Moçambique. Nativos de Portugal é que eles não são. São africanos brancos e portugueses. Tal como os portugueses de Macau como eu são portugueses de Oriente. Quanto aos que não têm sangue português e que nasceram tanto em Portugal como nas ex-colónias ou noutra parte qualquer, podem ser aculturados ou então sempre podem abraçar a Portugalidade e tornar-se portugueses.

O Einstein também era judeu... o Karl Marx idem... enfim, exemplos não faltam! Russos judeus? Olha o David Duchvony, filho de pai russo judeu...

O que eu disse sobre os chineses é um facto. Se são ou não malandros, isso há entre todos os povos da Terra. Agora que os chineses trabalham, lá isso trabalham. É por isso que enquanto os tugas preferem descansar aos fins-de-semana, que isso é tudo direitos adquiridos, os chineses praticamente não descansam. Aqui em Macau a única altura em que tudo fecha praticamente é durante o Ano Novo Chinês.

Muitos cientistas por acaso até são cristãos, o que entristece os ateus que julgam que a ciência a religião estão de costas voltadas... ou não fosse a Academia Pontifícia do Vaticano a associação com mais premiados com o Nobel...

Não, em momento algum eu falei do QI, mas se quiseres ir por aí, os testes já feitos e refeitos indicam que os asiáticos (i.e. os amarelos e indo-arianos) até possuem um QI superior mesmo aos brancos, que por sua vez estão à frente dos negros. Eu não estou a inventar nada nem a ser arrogante, estou simplesmente a afirmar um facto. Mas é claro que existem sempre excepções para confirmarem as regras, e ainda bem que assim é, pois também há negros que são inteligentes como há brancos que são burros.

FireHead disse...

A Maçonaria?? Bom, se acreditarmos que ela está por detrás de tudo o que é órgão influente de poder como a ONU (que por acaso é anti-Israel, o que invalida a crença de que os judeus controlam tudo), a EU e até mesmo o Vaticano, acho que já dá para termos uma ideia da coisa...

O multiculturalismo propriamente dito sempre existiu desde que o mundo é mundo e existem trocas culturais derivadas do comércio, da paz, etc. A questão é que hoje o multiculturalismo tem uma conotação negativa por causa dos problemas que eles provocam; quando ele é bom e de salutar ninguém diz nada. A ditadura das minorias resulta mais do complexo de culpa do branco, da necessidade de reparar a História e da crença ou simplesmente da falta de orgulho e de amor próprio. Mas podemos traçar a sua origem a partir do marxismo cultural esquerdista, dos Antonios Gamscis e merdas do género, para entendermos.

Isso do anti-semitismo, inventado ou não, é irrelevante. Não me respondeste à pergunta que eu fiz sobre a perseguição dos judeus no Ocidente se os judeus controlam o Ocidente. Será um controlo mal feito?

Pá, "luso com requisitos extra"... hahaha, essa fez-me rir. Mas achas que existe alguém neste mundo que seja puro? Ninguém é puro e mesmo aqueles que advogam para si a pureza não conseguem precisar se a partir duma determinada geração de antepassados também era tudo puro. O D. Afonso Henriques esteve muito preocupado quando, depois de fundar a nação tuga, em evitar que os mouros e os outros se mesclassem na composição genética do povo português, que seria apenas e só mais um povo espanhol como os bascos ou os catalães se não se tivessem rebelado e tornado independente em relação a Castela? Há pessoas que acreditam que uma nação tem que ter um povo homogéneo etnicament, culturalmente e linguisticamente - quer isso dizer que não podem existir países como a Espanha (que é multiétnica, multicultural e multilinguística), a Bélgica (flamengos e valões) ou a Suíça (de diferentes cantões)? E que dizer da Rússia, com mais de 100 etnias (em certos Estados russos o russo é oficial juntamente com a língua nativa)? E a própria China, com 50 etnias reconhecidas pelo governo??

Eu não sou radical. Para mim é bom que haja diversidade, porque é assim que as coisas são, mas também é bom que, para que haja diversidade, todas as pequenas diferenças sejam mantidas. Misturas e cruzamentos, sim, é claro, mas não de modo a fazer desaparecer o que quer que seja. Por isso que eu defendo como sempre defendi que as maiorias têm que permanecer sempre maiorias e as minorias sempre minorias. Não quero viver num mundo onde os países vivem de costas viradas uns para os outros e onde os portugueses nem podem comer bacalhau porque o bacalhau é importado. :)

Anónimo disse...

desculpe Afonso

Ivan Baptista disse...

" A ditadura das minorias resulta mais do complexo de culpa do branco, da necessidade de reparar a História e da crença ou simplesmente da falta de orgulho e de amor próprio. Mas podemos traçar a sua origem a partir do marxismo cultural esquerdista, dos Antonios Gamscis e merdas do género, para entendermos. "

Os judeus são tão inocentes que falste logo em Marxismo ! Pois é, vês os filmes de Hollywood a falar sobre o Holocausto, mas é curioso de não se conhecer o Holodomor.
Porque é que não se sabe tanto sobre o Holodomor em romances? Ou em filmes de hollywood ? Porque raio o spielberg ainda não fez um video sobre o Holodomor ? E já agora, filmes de Hollywood sobre o extreminio de palestinianos, ou o "holocausto" aos Iraquianos ou sírios? Secalhar até os há, mas secalhar existe uma certa censura, né ?
Existe um filme sobre aliens que estão entre nós, seres estranhos do outro mundo, onde migram de um planeta para outro com as malas cheias de dinheiro... e só por curiosidade, o filme logo que estriou, foi logo retirado ( /watch?v=L86AAGZ9BBg ).
Bom, secalhar a máfia de Hollywood não achou lá muita piadinha á história !


" Isso do anti-semitismo, inventado ou não, é irrelevante. Não me respondeste à pergunta que eu fiz sobre a perseguição dos judeus no Ocidente se os judeus controlam o Ocidente. Será um controlo mal feito? "


Bem, os Judeus são uma minoria no ocidente , mas são eles que controlam o poder politico, económico e até os m®rdia.
Cada vêz que oiço falar em terrorismo, associo incoscientemente ao islamismo, secalhar por causa dos m®rdia, não sei.. Há, e ao mesmo tempo vê-se comentarios nos mérdia sobre os movimentos extremistas dos nativos europeus, por serem nazis e o kamandro.. Para os m®rdia, só existe dois extremos, o islão e o nazismo, ninguem nos mérdia fala no terrorismo sionista ou lá aquilo que é, sabe-se lá porquê !

" Pá, "luso com requisitos extra"... hahaha, essa fez-me rir. Mas achas que existe alguém neste mundo que seja puro? Ninguém é puro ... e etc e tal..."

Épá, não compliques muito isso faz fabor ;(
Os da etnia han são uma mistura do quê com o quê? São como tu ?
Sem nunca lá ir, sei que por exemplo em Africa, tens muitas e diferentes etnias .
E falas sobre tantas e outras diferentes etnias da russia á china, que secalhar estamos ambos de acordo.. mesmo sem a mistura, existe uma grande vairiadade ou diversidade etnica, onde cada uma teem a sua propia característica.
Agora, se o que tu queres é mais mistura, então, arranja lá uma varinha mágica e mistura tudo de uma vêz.
Essa lenga lenga toda, faz-me lembrar aquelas frases feitas de que somos todos feitos da mesma cor de sangue e tal.. e secalhar isso até me dá algum jeito porque, ainda não vi o grupo sanguinio do meu cão, o sangue dele é da mesma cor que o meu, só não sei bem é se é A, B, AB , O ou Rh.


" Eu não sou radical. Para mim é bom que haja diversidade, porque é assim que as coisas são, mas também é bom que, para que haja diversidade, todas as pequenas diferenças sejam mantidas. Misturas e cruzamentos, sim, é claro, mas não de modo a fazer desaparecer o que quer que seja. Por isso que eu defendo como sempre defendi que as maiorias têm que permanecer sempre maiorias e as minorias sempre minorias. "

É exactamente isso que eu gostaria que fosse, diversidade só na condição de não fazer desaparecer, o que quer que seja.

Ivan Baptista disse...

" A Maçonaria?? Bom, se acreditarmos que ela está por detrás de tudo o que é órgão influente de poder como a ONU (que por acaso é anti-Israel, o que invalida a crença de que os judeus controlam tudo), a EU e até mesmo o Vaticano, acho que já dá para termos uma ideia da coisa... "

Bem, para começar, a pergunta que fiz foi mal feita, não éra de onde tinha influencia mas, no que é que se inspirava.
Falas em paganismo e o kamandro, e eu não percebo nada disso.. mas deduzo que exista diferenças entre cristianismo e judaismo.
Na históra, a maçonaria foi perseguida por ditadores como o hitler, assim como o Salazar.
Epá é estranho, mas parece que é verdade, o salazar não gostava lá muito de maçons, não sou eu que estou para aqui a inventar, foi um intendido de história que me falou nisso.
No wikipedia , tá lá escrito que a maçonaria inspirava-se nos valores kohechers.. É claro que nem todos os kohechers são maus, mas os que o são, mandam em tudo, tás bêr bem a cena?


"Os "palestinianos" actuais na verdade descendem dos árabes e estão lá fruto da invasão muçulmana. Os verdadeiros palestinianos, ou os originais, não são árabes, mas sim judeus. Semiticamente o árabe e o judeu são próximos, mas o engraçado é que os árabes muçulmanos são anti-semitas. Em último caso, são uns complexados que odeiam ser o que são."

A mim o que me disseram é que eles sempre foram de lá, são os filisteus, e andavam sempre á porrada com/contra os Hebreus.


"Muitos portugueses são nativos das ex-colónias. Estou sempre a dizer que tenho quatro primos brancos que nasceram em Angola e Moçambique. Nativos de Portugal é que eles não são. São africanos brancos e portugueses. Tal como os portugueses de Macau como eu são portugueses de Oriente. Quanto aos que não têm sangue português e que nasceram tanto em Portugal como nas ex-colónias ou noutra parte qualquer, podem ser aculturados ou então sempre podem abraçar a Portugalidade e tornar-se portugueses."

há pois, os "retornados"


"Não, em momento algum eu falei do QI, mas se quiseres ir por aí, os testes já feitos e refeitos ..."

Não generalizes ..

" com a colonização, os tugas foram deixar descendência nos quatro cantos do mundo..."

Muitos nativos eram contra a presença europeia, mas ficou a lingua ou a religião..

FireHead disse...

O que tem o marxismo a ver com o judaísmo? A perseguição promovida contra Israel em favor da Palestina promovida pelo esquerdalho também é desejado pelos judeus? A maçónica ONU que é anti-Israel também é um produto do sionismo, como dizem que o EI é? LOL, não me gozes. :)

Bom, se queres ir por aí, então também se devia fazer filmes das sacanices que os europeus fizeram contra os nativos americanos, africanos ou aborígenes? Um filme sobre a merda que os ingleses fizeram em Xangai, colocando letreiros à entrada dos estabelecimentos a dizer que não se pode lá entrar nem cães nem chineses? Os palestinianos? Mas já existe uma indústria "cinematográfica" sobre eles, chama-se Pallywood. Aconselho-te a investigar isto. Os mesmos actores, os mesmos lugares, as mesmas destruições, tudo repetido vezes sem conta, o que muda depois são os nomes, hehehe. :)

Não me parece que os judeus tenham assim tanto controlo e sinceramente sempre que oiço gente a dizer que os judeus controlam tudo, como dizem os fanáticos dos nazionalistas, estou em crer que estamos simplesmente perante um caso de teoria de conspiração. Como é que podem mesmo um povo minoritário controlar o mundo?? Porque é que então eles não nos impõe a judaízação? Os indianos também são muito cromos no comércio e em África, para além dos chineses, eles também dominam um bom bocado da economia. Serão eles judeus convertidos do hinduísmo e do budismo? Hehehe. :)

Se os judeus controlassem a política, lá existiria islamização no Ocidente? Ou isso também faz parte do sionismo como a criação do EI que "nunca ataca Israel"? Porque é que os judeus então deixam que os judeus na Europa sejam vítimas de anti-semitismo sobretudo por parte dos muçulmanos? É tudo parte duma estratégia de dominação judaica? Enfim, não me vou repetir. :)

Sim, é verdade, para os mérdia só há esses extremos, sendo que tudo o que para eles é "nacionalista" é logo "extrema-direita", como se o nazismo também fosse de direita apesar de ser socialista... Até a Coreia do Norte, que é comunista, é ultra-nacionalista... mas aí já ninguém diz que o Kim Jong-un é de extrema-direita, é engraçado. :)

A etnia han é a etnia han tal como existe a etnia tibetana, mongol, uighur, etc. na China. Se queres enquadrar esta questão com a dos tugas, talvez o melhor seria ires buscar palavras como "latino", que dizem ser a base do povo tuga. Mas será que todos os tugas brancos são latinos? Será por exemplo a Vera Kolodzig, descendente de polacos, latina? Não, é eslava. Se ela fosse preta, tu dirias que ela não é portuguesa, né? Mas como é branca, queres lá saber se ela é mediterrânica ou não, importa é que ela seja branca para poder ser portuguesa?

Sim, em África tens um porradão de etnias. Só na nossa antiga colónia Guiné-Bissau existem etnias a dar com o pau: fulas, mandingas, papéis, bantus, etc. e no entanto eles são todos guineenses. E os sul-africanos, com tantos brancos descendentes dos Boer? Há quem defenda que os africanos são pretos, mas tipo necessariamente pretos mesmo. :P

FireHead disse...

Tudo o que é demais não é bom. Por isso que é preciso haver um equilíbrio. Mistura em excesso destrói a diversidade e não é isso que queremos. Acontece que se tu fores a conversar com os nazionalistas, a questão das maiorias e minorias nem sequer é nunca colocada. Para eles, Europa só para brancos, África só para pretos, Ásia só para amarelos, América só para vermelhos (e isso é se eles não darem numa de legitimarem a colonização branca e virem com a desculpa de que os criadores da civilização norte-americana são os brancos, passando os nativos de lá a ser alógenos na sua própria terra, enfim)... nada de trocas comerciais entre países, nada de cinemas de Hollywood em Portugal, talvez também nada de calças de ganga, McDonald's (cheguei a ter uma conversa surreal com um desses nazionalistas em que este dizia que o McDonald's e a Coca-Cola não fazem falta porque só fazem mal!), enfim, cada macaco no seu gaio e nem precisaríamos de aprender a falar inglês porque o inglês só seria falado em Inglaterra, jamais iríamos de viagem (para os mais extremistas nem seria necessário TGV's, aviões, barcos...) e estaríamos condenados a viver confinados às fronteiras dos nossos países para o resto das nossas vidas e se gostarmos de praia e não houver praias, paciência...

E depois há os maluquinhos que entendem que cada cagalhão territorial com uma etnia própria já é uma nação e merece a independência (tipo Catalunha), independentemente de ter ou não condições de auto-subsistência!

A Maçonaria? Bom, a origem propriamente dita penso que ninguém consegue precisar. Pessoalmente acredito que deriva dos essénios, mas também há quem diga que surgiu depois da revolução industrial ou algo assim do género. Outros há que dizem as origens remontam aos templários, mas no fundo, resume-se basicamente a uma seita secreta que adora o demónio, é sincretista e que nega o pecado original. O que não falta por aí é fontes onde possam estudar sobre a Maçonaria. E não é só o Salazar ou o Hitler que rechaçaram a Maçonaria, a própria Igreja há muito que a condenou - mas isso não impediu que os maçons estivessem também infiltrados no Vaticano. O Marquês de Pombal era maçon, ele que perseguiu os jesuítas, e também muitas personalidades influentes e das quais tu possivelmente nem imaginas: George Washington, Benjamin Franklin, Henry Ford, Walt Disney...

Valores koshers?? Tipo quê, não comer carne de porco? Não me parece, hahaha. Mas se é kosher mesmo, creio que é mais da cabala judaica com os seus misticismo, as revelações, etc. etc.

FireHead disse...

Os muçulmanos??? Impossível. Os "palestinianos" que são "oprimidos" e "perseguidos" são árabes e os árabes são originários da Arábia como o próprio nome indica. É como o facto do Egipto ser actualmente a nação árabe e no entanto eles não serem originários de lá porque os árabes chegaram lá através da expansão islâmica. Os faraós, Cleópatra, construidores das pirâmides e os antigos egípcios não eram árabes. Os filisteus podem ter ligações aos egípcios, mas árabes é que não eram com certeza.

Para mim os retornados são os de Portugal que foram para África e que depois voltaram para Portugal, pois retornar é isso mesmo, significa voltar. Ora, uma pessoa que não nasceu em Portugal, não volta nunca para lá; quanto muito vai (diferença entre ir e voltar). Juntamente com eles foram para Portugal muitos já nascidos em África (filhos, netos, etc.), bem como muitos pretos, chineses ou indianos aculturados que são portugueses simplesmente porque nunca conheceram outra bandeira e estiveram do lado de Portugal, mesmo contra os da sua raça que lutaram pela independência. Tu de certeza que sabes que o militar português mais condecorado de sempre é o preto Marcelino da Mata, que fartou-se de matar pretos que queriam a independência da terra deles, a Guiné-Bissau.

Generalizar é um exercício com alguma lógica, agora dizer que todos os brancos são inteligentes e todos os pretos são burros é uma estupidez.

Muitos nativos eram contra, mas também havia os que não eram. É por isso que se tu fores a Malaca tu verás lá o povo Kristang com orgulho dos seus antepassados e que até cantam o fado e vão à Missa. Mesmo nunca tendo posto os pés em Portugal, dizem com orgulho que descendem dos portugueses e não querem nada com os malaios. O mesmo em relação aos bayingyis do Myanmar, alguns com um património genético europeu bastante notável (olhos claros, pele clara, etc.) e que se não se misturam com os budistas lá da zona. Eu cheguei a falar destes povos luso-descendentes aqui no blogue, se quiseres podes procurar escrevendo estes nomes no motor de busca no rodapé.

Afonso de Portugal disse...

Anónimo disse...
desculpe Afonso

Não faz mal, o que conta é a intenção! ;)

Ivan Baptista disse...



FireHead disse...

" A Maçonaria? "


Epá, és capaz de achar interessante este artigo ;)

https://ptesoterico.files.wordpress.com/2009/12/aindaotal25deabril_1de21.jpg

https://ptesoterico.files.wordpress.com/2009/12/aindaotal25deabril_2de21.jpg

E olha que eu não me identifico com aquele slogan, " Angola é nossa" .

lio aqui:

https://ptesoterico.wordpress.com/2009/12/02/o-dr-oliveira-salazar-defendeu-portugal-contra-os-interesses-das-sociedades-secretas-maconaria-opus-dei-bilderberg-kgb-e-cia/


" Valores koshers?? Tipo quê, não comer carne de porco? Não me parece, hahaha. Mas se é kosher mesmo, creio que é mais da cabala judaica com os seus misticismo, as revelações, etc. etc. "


Bom... queria dizer antes, os princípios religiosos Koshers, agora se comem ou não porcos, isso é lá com eles..
E digo Koshers, porque acho piada ás analogias do KVRGANIVS NOSTRATORVM :)

" Os filisteus podem ter ligações aos egípcios, mas árabes é que não eram com certeza. "

E os Israelitas com tanta mistura e/ou tantos convertidos, Hebreus é que já o não são com certeza :)


" Generalizar é um exercício com alguma lógica "

E a razão nem sempre está no lado da lógica , há coisas que não se podem ou não se conseguem provar... mas existem


" Será por exemplo a Vera Kolodzig, descendente de polacos, latina? Não, é eslava. Se ela fosse preta, tu dirias que ela não é portuguesa, né? Mas como é branca, queres lá saber se ela é mediterrânica ou não, importa é que ela seja branca para poder ser portuguesa? "

haha, essa é boa. Não me lembro de ter dito alguma coisa do género, mas pronto, acho a Vera Kolodzig mais Europeia que uma Negra sim.. Agora, ficarias surpreendido se eu gostasse de uma moçoila Negra, ou que goste de brasileiras ou africanas mulatinhas ? LOL


" Não me parece que os judeus tenham assim tanto controlo e sinceramente sempre que oiço gente a dizer que os judeus controlam tudo, como dizem os fanáticos dos nazionalistas, estou em crer que estamos simplesmente perante um caso de teoria de conspiração. Como é que podem mesmo um povo minoritário controlar o mundo?? Porque é que então eles não nos impõe a judaízação? "


Como é que um povo de um pais tão pequenino como o nosso, teve um Império durante tanto tempo ? Portugal já foi uma super potencia, lembraste?
O Kosherismo ? Secalhar tá no poder financeiro e muito antes do Israel moderno existir, já havia koshers pelo mundo inteiro.. muitos deles.. inconvenientes ou indesejados, não se sabe bem ao certo o porquê.. mas Secalhar é como tu dizes .. é por serem um povo inteligente ! não sei..


" Porque é que os judeus então deixam que os judeus na Europa sejam vítimas de anti-semitismo sobretudo por parte dos muçulmanos? "


Pá , não sei.. Mas o ministro de Israel Benjamin Netanyahu , sugeriu aos judeus voltarem para a sua pátria se as hostilidades continuarem.


" O que tem o marxismo a ver com o judaísmo? A perseguição promovida contra Israel em favor da Palestina promovida pelo esquerdalho também é desejado pelos judeus? A maçónica ONU que é anti-Israel também é um produto do sionismo, como dizem que o EI é? LOL, não me gozes. :) "

Os Koshers não são todos iguais, não se deve generalizar.

2 vídeos interessantes de David Duke ( /watch?v=vwP0UqcIBzk e /watch?v=CmxAKjFY7nI ) e um esquerdalho americano de raízes koshers a ser entrevistado ( /watch?v=oGmJAQtRHGk e /watch?v=6ccNt4Dzyfg )

FireHead disse...

"Pt esotérico"? Só o nome diz tudo, lol.

Para o KVRGANIVS NOSTRATORVM nós todos somos koshers. Basta que estejamos no lado dos judeus ou de Israel, tipo contra o islão, os "palestinianos", etc. Aliás, para ele e os da laia dele, como os seus donos, todos os que não estão contra os judeus são koshers. É preciso que todos nós tenhamos ódio dos judeus e desejarmos vê-los mortos para não sermos koshers.

É provável que muitos judeus já não sejam propriamente hebreus. Misturas sempre houve. A "nossa" Daniela Ruah também é judia, nasceu nos EUA, é de ascendência marroquina e possui nacionalidade portuguesa para além da norte-americana...

A Vera Kolodzig é europeia, mas se formos por aí, muitos pretos já são nascidos na Europa e outros tantos nunca sequer estiveram em África. Se a questão é a naturalidade então estamos mal, pois tenho quatro primos portugueses brancos africanos, dois deles de Moçambique e outros dois de Angola...

Porque é que haveria de ficar surpreendido? Há negras (embora poucas, para mim) e mulatas bem bonitas e jeitosas. Há gajas boas e bonitas em todo o lado e de várias cores. Eu não sou racialista nem parvo o suficiente para dizer que prefiro sempre uma branca, nem que seja feia como uma mula, do que uma amarela bonita e podre de boa. Se assim gero mestiços? E depois? Antes mestiços bonitos do que brancos feios! Os racialistas brancos preferem mesmo perpetuar a raça, nem que para isso tenha que perpetuar também as caras feias. Ou será que é melhor perguntar: existe por acaso gente branca feia para essa gente? LOL.

Quando Portugal teve um império era de facto uma potência. No século XVI Portugal era uma potência. As outras, Holanda, Inglaterra, etc. ainda não tinham surgido. Mas isso não quer dizer nada. A China sempre foi um grande país e naquela época não tinha argumentos contra Portugal ou contra a Inglaterra, mais tarde, que invadiu Hong Kong e humilhou os chineses. E hoje a China já é um papão com o qual ninguém se quer meter.

O Netanyahu não podia ter feito outra coisa. Se ele fizesse como os líderes africanos seria pior. Acaso a gente alguma vez ouviu o José Eduardo dos Santos, o Armando Guebuza, o Mugabe, etc. pedirem aos seus compatriotas emigrados para voltarem para as suas terras? Isso é que era!

Eu continuo sem saber o que é que é verdadeiramente a palavra "kosher" em sentido figurado. Para os nazionalistas, a Marine Le Pen, o Geert Wilders, o Nigel Farage, o Donald Trump, etc. são todos koshers, ainda que eles não tenham nenhum objectivo de tornar o judaísmo a religião oficial dos seus países.

Ivan Baptista disse...

Há e só mais uma coisa, o tema é sobre a pedofilia na esquerda ( e já agora tambem na direita), e eu quase que aposto que os movimentos minoritários LGBT´s , escondem a pedofilia.
E olha que eu não tenho nada contra as escolhas que cada um faz, ser-se gay , bi, lésbica ou hetro, é um direito, mas também, não é nenhuma uma obrigação.
O que estes movimentos representam e banalizam num futuro próximo,é a banalização da poligamia e possivelmente também e já agora porque não, a pedofilia.
A poligamia, é uma das razões em que estou de acordo tal como tu, da não aceitação do islão a controlar a nossa sociedade, se bem que existe muitos países em Africa não muçulmanos a terem esses tipo de práticas.
Vi um vídeo no ytube, sobre um patriarca em Angola, com mais de quarenta mulheres e que em cada uma, tinha pra ai até dez ou doze filhos em cada uma delas! Bom, se a nossa sociedade aceitar essa condição cultural como normal, então ai é que vai ser bonito.
Já em relação aos pedófilos, acredito que exista mais pedofilia nas famílias, do que nas redes de tráfico, no entanto, em muitos países de Leste e até de outros continentes do mundo, (já ouvi falar que por exemplo no brasil existe uma rede de prostituição infantil), existe esses tipo de "negócio" e cá em Portugal isso não é excepção, quantas figuras publicas/politicas e figuras VIP, não estão por detrás disso ?
Por exemplo, não defendo nem culpo o Sr Carlos Cruz, mas li parte do livro que ele escreveu e dá para entender, que os mesmos que o puseram lá, são também igualmente pedófilos.
É tudo uma hipocrisia e é como te digo, vivemos num autentico Big Bosta Brother, onde os Alienes nos espiam e nos levam acreditar naquilo que eles querem que nós devemos acreditar.
Pois eu estou-me a cagar se me tenham visto com o rabinho virado para a lua, porque daqui é que não levam nada.
E já agora , muito cuidado com as redes sociais, o snowden bem avisou.. muita prudência e muito juízo na Net ;)

FireHead disse...

Isto é porque a caixa de Pandora há muito que já foi aberta, o problema é que as causas fracturantes precisam de passar sempre por algum tempo, mais ou menos longo, até passarem a ser consideradas coisas "normais". A homossexualidade também não era uma coisa "normal" hoje em dia, quer dizer "normal" para quem a veja como algo "normal". Para mim não é nem nunca será normal. Pode é ser "natural", mas nem tudo o que é natural é necessariamente normal, pois os animais também praticam o incesto e até mesmo a pedofilia (se quisermos ter em conta a diferença entre os anos para os humanos e para os animais) e não deixa de ser tudo natural, pois é assim que as coisas são. E, tal como a homossexualidade, é preciso passar por muito, por muita provação, até que finalmente, como água mole em pedra dura que tanto dá até que fura, comece a gerar-se uma onda, uma moda, uma tendência, que aos poucos se enraíza na mente das pessoas e que as leva a considerar, finalmente, como algo "normal". No fundo é uma questão de conquista e depois quem é contra essas "conquistas" ou é retrógrado que não evoluiu e continua a viver no século XX, ou então é o raio de um religioso fundamentalista, conservador nojento, alguém que atenta contra o direito inalienável à liberdade individual, o diabo a quatro, etc. etc.

Posto isso, não me admira mesmo nada que, agora que a homossexualidade já é "normal", qualquer dia também o incesto ou a pedofilia sejam coisas "normais". E podem vir com as tretas todas como "ah, mas os gays são adultos que consentem" e blá blá blá (como se não houvesse pedófilos gays ou gays violadores - já agora, por haver violação hetero, a heterossexualidade também deveria ser banida??) do género porque os incestuosos ou os pedófilos também virão com argumentos "convincentes" com o tempo e que acabarão por também vir a ter a sua correspondente atenção e apoio.