sábado, 1 de agosto de 2015

Outdoor do PS



Cortesia do blogue O Insurgente.

PS. Parece que o candidato socialista a primeiro-ministro, António Costa, avaliou como "muito negativa" a prestação do publicitário.

14 comentários:

Fatyly disse...

O que inventam, mas dei uma sonora gargalhada:)

Beijocas

Observador disse...

No contexto actual, este cartaz deveria ser evitado.
Apenas no contexto actual.
Bom fim de semana.

Anónimo disse...

Este blogue parece o Correio da Manhã, só lhe falta mesmo a coluna de classificados para adultos, rapaz...

Firehead é um cuckservador ? disse...

Veja como algo bem pensado , planejado e divulgado em conjunto e de forma massiva tem infinitamente muito mais alcance do que literalmente PERDER tempo comentando em sites pro brancos .
http://www.theoccidentalobserver.net/2015/07/the-cuckservative-phenomenon/


oque esses caras conseguiram em poucos dias com esses memes é coisa o stormfront nao conseguiu em toda sua existencia.

Bella Condessa disse...

Ca medo ahahahahaha!!!

Leonel Lazouwnik disse...

Triste saber que esse partido lidera as sondagens.

Lura do Grilo disse...

Tinha sido este herói que tinha dado a vitória aos Sócrates

FireHead disse...

Fatyly: pelo menos ninguém pode acusar de falta de originalidade. A segunda imagem está mesmo de matar. :)

Observador: bom, o facto é que o PS não pode nunca descartar-se do facto de ser o responsável pela vinda da troika a Portugal, deixando os portugueses na actual situação. E não foram uma ou dua vezes que isso aconteceu, mas sim três. Sei que o povo português sofre de amnesia na altura das eleições, mas fica sempre bem falar a verdade tal como ela é por muito que ela faça doer. :)

Anónimo: não dá porque assim entra em contradição com a parte conservadora e católica "fundamentalista" do blogue. :)

Firehead é um cuckservador (lol): quando tiver vagar para ler o que está no link depois formularei uma opinião sobre ele, mas posso dizer para já que não sou nenhum "cuckservador" porque eu sou contra a imigração ilegal...

Bella Condessa: é bom que tenhas medo, pois o sucessor do José Sócrates pode muito bem estar quase a tornar-se no próximo primeiro-ministro de Portugal. E aí é que vão ser elas...

Leonel Lazouwnik: da última vez que olhei para as sondagens, a coligação ia um pouquinho à frente em relação ao PS. Se entretanto as coisas mudaram ou não, não sei. Seja como for, as sondagens valem o que valem.

Lura do Grilo: e agora o PS, qual ingrato, pensa em despedi-lo que é para ele engrossar a enorme fila do desemprego? Deve ser uma estratégia para depois poder acusar o governo...

Afonso de Portugal disse...

O Costa das Índias é o novo messias!

FireHead disse...

Afonso de Portugal,

Para os socialistas ele é, sem dúvida. Para os que fazem uso do tal "voto útil", votando sempre na "alternativa", também.

Infelizmente a maioria do povo eleitor português continua a sofrer de amnésia. Ora, não é preferível manter este governo do que voltar a apostar no partido da troika? Eu sei que tu vais logo dizer que a solução é o PNR, mas fala a sério... do mal, o menos, não??

Afonso de Portugal disse...

Se queres que seja mesmo sincero, Fire, não vejo grande diferença... a troika vai acabar por voltar, seja de uma forma, seja de outra.

Isto é um bocado como ter de levar uma tareia de morte e ter de escolher entre ser essa tareia ser ministrada por um tipo muito grande (PSD) ou por outro tipo muito grande com um taco de basebol (PS).

O efeito final é o mesmo, mas o tipo do taco de basebol mata-te mais depressa...

É assim que eu vejo a coisa: com o PS, a bancarrota é garantida ao fim de 4 anos. Com o PSD, a bancarrota pode demorar mais uns anitos, mas também acabará por vir...

FireHead disse...

Afonso de Portugal,

Eu já sei: o PNR é que é a solução...

Afonso de Portugal disse...

O problema é que neste momento já não há solução. A dívida adquiriu porporções tão colossais que só há duas alternativas:

1. Ou ficamos reféns dela indefinidamente (como aconteceu aos gregos), hipotecando o futuro do país pelos próximos 50 ou mais anos - "solução PS/PSD/CDS"

2. Ou saímos da UE, sofrendo as graves consequências implícitas dessa solução, que implicariam uma período de transição ainda mais grave do que a austeridade imposta pela tróica - "solução CDU/BE/PCTP-MRPP"

Eu não voto no PNR porque o PNR tem a solução... eu sei que não tem porque não há solução!!! Quem disser o contrário é um grandessíssimo aldrabão, sem apelo nem agravo!

A solução teria sido nunca ter deixado as coisas chegarem a este ponto. Nenhum país devia permitir que a sua dívida pública ultrapassasse os 80% do PIB, muito menos um país pequeno, desindustrializado e fortemente dependente do estrangeiro como Portugal!

Eu voto PNR pela questão da imigração. O resto já só vai lá com muito choro e ranger de dentes...

FireHead disse...

E eu só acredito que o PNR poderá começar a sonhar que tem alguma hipótese por mais ínfima que seja se o nacionalimo der certo nos países onde tem possibilidade de chegar ao poder: França e Holanda, mas precisamente a França mesmo.