quarta-feira, 5 de agosto de 2015

Ciganada estrangeira provoca o caos no Porto


Um grupo de 30 imigrantes de leste que vive num T2 arrendado na esquina da Rua de Burgães, no Porto, tem provocado o caos nas imediações da Rua de Serpa Pinto, incomodando os vizinhos com "ruído, quer no interior da habitação, quer na via pública, discussões violentas entre os elementos, estouros e carros a acelerar assustadoramente". A PSP local tem conhecimento do caso e afirma mesmo que esses estrangeiros, que "saem muito cedo, por volta das 6:00 da manhã. Homens e mulheres são levados em carrinhas, para andarem a mendigar na rua", "consomem muito algo"! Segundo um vizinho, "Ao fim do dia, voltam e se por acaso a porta do prédio ainda não está aberta, amontoam-se nas escadas ou em frente à farmácia, a beber e a discutir alto". "Chegam a fazer as necessidades mesmo ali, na rua, sem qualquer pudor", afirmou outro vizinho. A PSP garantiu "reforçar o patrulhamento de visibilidade na zona".
Imigrantes de leste que são levados em carrinha para andarem a mendigar na rua? Não serão assim para o escurinhos e que por acaso até podem ser da Roménia ou da Bulgária? Ainda bem que Portugal é um país de brandos costumes e cromo a aceitar pessoas vindas de fora. Há que fazer de tudo para que os imigrantes se sintam em casa e tal...

Sem comentários: