segunda-feira, 17 de agosto de 2015

A melhor estreia dos últimos 18 anos


Depois de uma péssima pré-época e da perda da Supertaça Cândido de Oliveira, entrámos com o pé direito na defesa do bicampeonato rumo ao 35.º título com uma vitória por 4-0 sobre o Estoril no Estádio da Luz. Não penseis que foram favas contadas, pois até aos 70 minutos de jogo o Estoril criou-nos imensos problemas, tendo Júlio César segurado o nulo para, no último quarto de hora da partida, os golos surgirem. O avançado grego Mitroglou estreou-se a marcar com uma cabeçada vitoriosa aos 74', Jonas - o melhor em campo - bisou, primeiro de penalty (78') e depois de cabeça (82'), e, por fim, o jovem lateral direito Nélson Semedo fechou a contagem aos 89'. Foi a melhor estreia do Glorioso dos últimos 18 anos e também a primeira vitória em casa desde a saída de Jorge Jesus.

video

"Já merecíamos vencer. Nunca perdemos a lucidez nem vamos perder. Não é por termos ganho que algo vai mudar. O caminho vai ser difícil. Nem tudo está mal quando se perde, nem tudo está bem quando se ganha. Temos muita coisa a melhorar, como todas as equipas nesta fase inicial", argumentou Rui Vitória em conferência de imprensa. O treinador enalteceu também a boa exibição dos jovens Nélson Semedo e Victor Andrade: "Todos estes jovens, particularmente estes dois, acabam por ter um caminho à sua frente que têm de percorrer. É fundamental que não percamos o norte em relação a isso e que de repente nasça daqui uma estrela. Têm qualidade mas são protótipos de jogadores. Com a equipa a funcionar bem será mais fácil aparecer jogadores jovens no Benfica, é o nosso objectivo e é o que vai acontecer". Em relação ao Nico Gaitán, que ainda não sabe se permanece ou não no plantel, Rui Vitória afirmou que conta com ele e gosta dele, garantindo que ele "tem de estar de alma e coração".


O jogo começou a ser ganho depois de Rui Vitória ler bem o jogo e ter substituído Ola John e Pizzi, colocando nos lugares deles Victor Andrade e Talisca. Victor Andrade revolucionou o flanco direito do apagado holandês, sendo um excelente complemento para o Semedo. Afinal de contas já se conhecem bem, pois fizeram muitos jogos pela equipa B. De resto, que esta vitória sirva para dar tranquilidade e motivação à equipa, que ainda não está livre de críticas. Força, Benfica! Rumo ao tri!

Sem comentários: