quarta-feira, 5 de agosto de 2015

1.º bispo ordenado na China em 3 anos


Ontem foi ordenado o primeiro bispo chinês em três anos, numa cerimónia que contou com uma estreita vigilância policial que controlou todos os acessos à igreja do Sagrado Coração de Jesus, na província chinesa de Henan.


O agora bispo D. Joseph Zhang Yinlin tornou-se assim no novo bispo a ser ordenado após monsenhor Thaddeus Ma Daqin em 2012 em Xangai, ele que foi detido na própria cerimónia da ordenação por ter proclamado publicamente a sua fidelidade à Igreja de Cristo e não à patética Associação "Católica" Patriótica chinesa. Ma Daqin continua hoje em dia em prisão domiciliária.


D. Joseph Zhang Yinlin reuniu o consentimento do Vaticano e também das autoridades comunistas, o que pode comprovar o desanuviar das relações entre a Santa Sé e o regime de Pequim. Parece que a aproximação do Vaticano à China é uma das poucas coisas efectivamente boas que o Papa Francisco está a fazer em prol do verdadeiro Cristianismo.


A cerimónia exigiu convites especiais, pelo que a mesma decorreu longe dos olhares da comunicação social e da população em geral, mas os fiéis reuniram-se, mesmo à chuva, em torno da igreja para festejarem a ordenação do novo bispo do povo católico chinês. De acordo com a agência católica UCA News, D. Joseph Zhang Yinlin já recolhia a aprovação da Santa Sé ainda antes de ser eleito pela Associação "Católica" Patriótica em Abril.


Este é sem dúvida nenhuma mais um claro sinal de abertura do regime comunista face ao Cristianismo que tem todo o potencial para crescer imenso no país mais populoso do mundo. O Cristianismo estabeleceu-se na China desde o século VIII, durante a dinastia Tang, mas existe uma forte tradição que aponta o apóstolo São Tomé como a primeira pessoa a levar o Cristianismo para a China já no século I.


Que a Igreja na China continue a crescer e a afirmar-se cada vez mais. Como a apostasia já contaminou há muito o Ocidente deixando-o praticamente sem esperança, resta o resto do mundo crescer na fé e preserverar nela.

16 comentários:

Fatyly disse...

O Papa Francisco tem derrubado imensas barreiras e fico contente com esta notícia.

Beijocas e um bom dia

FireHead disse...

O problema é que nem todas as barreiras são para ser derrubadas. Se há alguma coisa boa que este Papa tem andado a fazer é, para além de aproximar a China à Igreja, condenar o "casamento gay" e o aborto. Mas aí possivelmente já não ficas assim tão contente com o Papa, hehehe. :)

Beijinhos.

wind disse...

É bom.

Anónimo disse...

Uma imagem assim uma beca alógena, não confere com chinês, mas viva a democracia e a liberdade de confissão.

KVRGANIVS NOSTRATORVM disse...

"casamento gay"

AS ASPAS SÃO MESMO BEM VINDAS POIS NUNCA VI SOCIEDADE MESMO PANELEIRA ONDE ISSO FOSSE ALGO OFICIAL O UNICO CASO REGISTRADO É NUM MURAL EGIPCIO E AINDA ASSIM EXCEPÇÃO; NA HELLADA HA CASOS RELATADOS E ROMA TIPO DO GINASIO E TAL MAS AS ESPOSAS OFICIAIS CONTINUAVAM EM CASA TRANCAFIADAS PARA QUE A SEMENTE DO URSO ALOGENO NÃO DESTRONASSE O DNA E HONRA DA TRIBO E DO CLÃ

FireHead disse...

Anónimo,

Uma imagem uma beca alógena? Tipo, aquilo foi na China e os que aparecem na foto são chineses. Tu é que estás a olhar para isso do teu ponto de vista alógeno.

FireHead disse...

KVRGANIVS NOSTRATORVM,

«NA HELLADA HA CASOS RELATADOS E ROMA TIPO DO GINASIO«

No tempo dos teus queridos pagãos não havia simplesmente casamento entre os gays, eles simplesmente comiam-se uns aos outros e pronto.

E coloco entre aspas porque o casamento não é para eles. Podem ficar com algo semelhante ao casamento, mas que lhe chamem outro nome porque o casamento foi feito para um homem e uma mulher.

FireHead disse...

Wind,

Mais do que isso; é um sinal. :)

KVRGANIVS NOSTRATORVM disse...

No tempo dos teus queridos pagãos não havia simplesmente casamento entre os gays, eles simplesmente comiam-se uns aos outros e pronto.

E coloco entre aspas porque o casamento não é para eles. Podem ficar com algo semelhante ao casamento, mas que lhe chamem outro nome porque o casamento foi feito para um homem e uma mulher.

FOI ISSO O QUE EU DISSE; ELES FLERTAVAM COM OS DO GINASIO MAS AS ESPOSAS OFICIAIS ESTAVAM EM CASA

Anónimo disse...

Então se para ti esses fulanos não são alógenos na China, a professa uma religião então não tem nada haver com a china ou com a cultura chinesa não queixes quando vires muçulmanos brancos ou melhor portugueses convertidos ao Islao por exemplo, que também dão um ar de alógenos em Portugal, pelo menos para mim. Se toleras que esses tipos façam isso na China, logo se vai pelo cano a conversa da ilegitimidade de outros não o poderem fazer aqui ou no restante ocidente que costumas criticar.

FireHead disse...

KVRGANIVS NOSTRATORVM,

E tu sabes disso muito bem, pois já andavas entre eles naqueles tempos.

FireHead disse...

Anónimo,

Não, não são alógenos, como é que poderiam ser alógenos se eles são chineses e estão na China? Seriam alógenos se fossem estrangeiros criminosos (esta é a minha definição de alogenia e não a vossa definição que teria forçosamente que concluir que até os portugueses brancos que estão em Macau são uma cambada de alógenos ou mesmo os brancos dos EUA dos índios ou a Austrália dos aborígenes, etc.), mas não é o caso. E qual é o problema deles professarem o Cristianismo? O Cristianismo por acaso até é de origem asiática, caso tu não saibas, mas já estou a ver que estás a misturar alhos com bugalhos e a equiparar a religião à cultura ou à nacionalidade. Sai dessa.

Tu consideras alógenos os portugueses que se convertem ao islão?? Então o teu caso é mesmo sério. Porque é que eles haveriam de ser alógenos se não forem criminosos? Ainda por cima na sua própria terra? A sério, és tu que estás mesmo mal dos miolos.

Não só tolero que eles façam isso na China como quero e desejo que eles sejam cada vez mais, pois está mais que visto que o futuro do Cristianismo não está no Ocidente, mas sim no resto do mundo. E não confundas as coisas: os cristãos não fazem as mesmas exigências que fazem os muçulmanos, e eventualmente também os judeus, nas terras dos outros. Ou será que tens conhecimento de minorias católicas nos países de maioria muçulmana a exigirem a construção de igrejas ou até mesmo o direito de comer carne de porco mesmo sabendo que os muçulmanos não comem porco?

Não espero que tu me elucides com a tua visão distorcida das coisas. Deixa para lá. Ah, e não se escreve "não tem nada haver", mas sim "não tem nada a ver".

KVRGANIVS NOSTRATORVM disse...

E tu sabes disso muito bem, pois já andavas entre eles naqueles tempos.

NÃO SOU TÃO VELHO PARA VER AQUELA GRANDIOSA CIVILIZAÇÃO MAS POR ISSO MESMO, PELA GRANDEZA E INTERESSE JA LI SOBRE ELA

FireHead disse...

«NÃO SOU TÃO VELHO PARA VER AQUELA GRANDIOSA CIVILIZAÇÃO MAS POR ISSO MESMO, PELA GRANDEZA E INTERESSE JA LI SOBRE ELA»

Ahhh já leste... XD

KVRGANIVS NOSTRATORVM disse...

Ahhh já leste... XD

8 de agosto de 2015 às 12:21

OBVIO AS MAQUINAS DO TEMPO SÃO FICÇÃO

FireHead disse...

«OBVIO AS MAQUINAS DO TEMPO SÃO FICÇÃO»

Para ti até o holocausto é ficção, lol.