domingo, 30 de novembro de 2014

As semelhanças entre o islão e o nazismo

Islão e nacional-socialismo: dois cultos de morte que têm a mesma luta e a mesma obsessão anti-semita.
 













 
 
 
 

Homem sobrevive depois de ser atropelado 3 vezes

 
Ainda na China, agora em Kushan, um homem identificado como Li estava no meio duma movimentada rua a tentar atravessá-la quando foi atingido por um carro. Já no chão, Li foi atropelado por um segundo veículo segundos depois. O terceiro atropelamento deu-se quando algumas pessoas o iam tentar socorrer.
Isso de estar parado no meio da rua para a atravessar é algo tipicamente chinês, é tal e qual como estar de cócoras e ficar horas e horas de fio a pavio nessa posição. Aqui em Macau muitos chineses mainlanders fazem o mesmo que o Li, dando uma imagem tão triste desta antiga colónia portuguesa aos turistas e aos próprios residentes. Seja como for, Li tão cedo já não deverá morrer.

Milionário chinês transforma vila

 
O empresário de sucesso chinês Xiong Shuihua gastou milhões para transformar a vila onde nasceu e cresceu, Xiongkeng, na cidade de Xinyu, no norte da China. O empresário de 54 anos, que construiu a sua fortuna na indústria do aço, decidiu voltar à sua vila para viver e retribuir o favor a todas as pessoas da vila por sempre o terem tratado bem desde pequeno. No total, Xiong Shuihua deu alojamento de luxo a 72 famílias.
 
 
Nos últimos cinco anos, Xiong Shuihua mandou mandar abaixo as barracas onde vivia a população de Xiongkeng e construir edifícios luxuosos para todos. Às 18 famílias que tratavam particularmente bem o empresário foram oferecidas mansões. Só neste último projecto foram gastos cerca de cinco milhões de euros. Além disso, Xiong Shuihua prometeu que todos os idosos e os que têm baixos rendimentos terão sempre três refeições diárias garantidas. "Eu ganhei mais dinheiro do que o que pensava fazer com ele e eu não quero esquecer as minhas raízes", disse Xiong Shuihua ao Daily Mail. "Eu pago sempre as minhas dívidas e queria ter a certeza de que as pessoas que me ajudaram quando eu era mais novo e à minha família fossem recompensadas". O idoso Qiong Chu, de 75 anos, disse que Xiong Shuihua herdou o bom coração dos seus pais.

 
Um bom homem, o senhor Xiong Shuihua. Grato e generoso.

Mulheres com o rabo grande são mais saudáveis e inteligentes

 
É isso que diz uma pesquisa feita pela Universidade de Oxford e pelas universidades americanas da Califórnia e de Pittsburgh. Ter as nádegas grandes previne o desenvolvimento de diabetes devido à quantidade e tipo de hormonas que ajudam a metabolizar mais facilmente açúcares e outros lípidos, ao contrário da gordura abdominal que segrega hormonas com o efeito contrário. O professor Konstantinos Manolopoulos, que encabeçou a equipa da Universidade de Oxford, garante que as mulheres com mais gordura nas nádegas têm níveis menores de colesterol e glicemia. Ter um rabo grande também favorece os níveis de leptina, uma hormona que se encarrega de regular o peso, bem como a dinopectina, hormona com efeitos anti-inflamatórios, vasculoprotectores e anti-diabéticos. O tecido adiposo dos glúteos grandes prende as partículas gordas daninhas e evita padecimentos cardiovasculares. Os pesquisadores descobriram também que as mulheres de rabo e ancas largas, mas cinturas finas, são mais inteligentes que as demais por causa dos ácidos gordos Ómega 3 que ali se acumulam e intervêm no desenvolvimento do cérebro. Também os filhos destas são intelectuamente superiores aos filhos de mães com rabos mais pequenos.
Afinal eu sempre tive razão em gostar de gajas com rabos grandes.

Muçulmana egípcia explica-nos o porquê de mutilar genitalmente as suas filhas

A prática da mutilação genital feminina é islâmica, pois, apesar de não constar no Alcorão, está em alguns hadiths (narrações de Maomé - Abu al-Malik 5:75, Abu Dawud Adab 157, Sahih al-Bukhari 63, 64 ou Sahih Muslim 349), e reúne o consenso das comunidades islâmicas.
 

«A Igreja é a única instituição que realmente convida os homossexuais ao amor»


As Filipinas são um país de esmagadora maioria católica e foi, antes da independência de Timor-Leste, o único país cristão em toda a Ásia durante imenso tempo. O sítio da Aleteia faz eco duma entrevista dada por um filipino católico que é homossexual, Jovi Atanásio, à Asia News. Publicada no passado dia 13 de Novembro, a entrevista diz-nos que Jovi garante ser possível ser católico e homossexual ao mesmo tempo: "A minha vida é a demonstração prática de que a inclinação sexual não afasta da Igreja. O mais importante é amar a Deus sobre toda as coisas", começou por dizer Jovi, que vive em castidade, ou seja, não pratica a homossexualidade. "Basta compreender o que realmente é o amor, o verdadeiro amor, para não se sentir excluído ou ferido. Esta é a minha cruz. Posso sentir atracção por homens, mas amo mais a Deus. É Ele que, por meio da Igreja, convida todos os seres humanos a aproximar-se do verdadeiro amor". A Igreja Católica é "a única instituição que realmente convida os homossexuais ao amor. Todos nós fomos criados para o amor, e a nossa vida não tem sentido se não tivermos esta experiência. Amar significa querer o bem do outro". Isso significa "querer o Paraíso para o outro e, por isso, é preciso criar coragem e abraçar a virtude da castidade. Assim, eu não renuncio ao amor, mas continuo amando de forma mais corajosa e profunda".
A Igreja não é contra os homossexuais (pecadores), mas sim contra a homossexualidade (pecado). O facto de acolher os pecadores não quer dizer que se aceita o pecado. É preciso sabermos separar bem as águas. De facto, o Catecismo da Igreja Católica condena claramente os actos homossexuais como "depravações graves" e "intrinsecamente desordenados" (§2357), mas afirma também que os homossexuais devem "ser acolhidos com respeito, compaixão e delicadeza" e "chamadas a realizar a vontade de Deus em sua vida, e se forem cristãs, a unir ao sacrifício da cruz do Senhor as dificuldades que podem encontrar por causa da sua condição" (§2358), sendo "chamadas à castidade" para poderem aproximar-se da perfeição cristã (§2359).

sábado, 29 de novembro de 2014

Pérola

Uma canção meio amalucada do grupo chinês Wang Rong Rollin (王蓉 Rollin) com o nome Chick Chick (小雞小雞).
Aguenta, coração!
 

Vídeo feito pelo esquilo

Em Montréal, Quebéc, no Canadá, um esquilo apoderou-se duma câmera GoPro, do utilizador do Youtube Viva Frei, e fez a sua própria gravação que depois virou sensação na Internet.
 

Homem-ornitorrinco


Um designer russo de 26 anos chamado Jenya Bolotov é tão estúpido, mas tão estúpido, que fez uma série de operações para ficar parecido com um ornitorrinco, um animal da Oceania que é, juntamente com as equidnas, os únicos mamíferos ovíparos existentes. A transformação começou assim que atingiu a maioridade, tendo hoje piercings, alargadores, o lábio inferior ampliado em relação ao lábio superior e os olhos tatuados para ganhar "aparência animal". "Externamente, eu sou agora um ornitorrinco. Por dentro, entretanto, eu sou mais como um pássaro. Eles são o meu lado animal e surgiram-me nos meus sonhos. A minha aparência está da forma que eu queria. É preciso ter coragem para fazer o que eu fiz, e vou continuar a modificar o meu corpo até que esteja feliz", disse o idiota.
Mas que grande perestroika (перестро́йка), camarada!

O cante alentejano também


A UNESCO considerou também como património cultural imaterial da humanidade o cante alentejano, tornando-se assim no terceiro de três itens portugueses inscritos na lista do Património Imaterial da Humanidade. Os outros dois são o fado (em 2011) e a dieta mediterrânica (2013). O cante alentejano, cante por causa do "can" do canto e "te" da terra ("canto da terra"), é "um canto colectivo, sem recurso a instrumentos e que incorpora música e poesia" que faz parte da cultura alentejana sobretudo do Baixo Alentejo.

Capoeira já é património cultural imaterial da humanidade

 
A Capoeira, uma espécie de dança que é simultaneamente uma arte marcial e que nasceu no Brasil no século XVI, entrou para a lista de Património Cultural Imaterial da Humanidade após aprovação da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO). A Capoeira surgiu no Brasil durante o período esclavagista e desenvolveu-se como uma forma de socialização e resistência física e cultural entre os escravos de África que foram levados para lá. A ministra interina da cultura do Brasil, Ana Cristina Wanzeler, diz que a Capoeira "tem raízes africanas que devem ser cada vez mais valorizadas por nós. Agora, é um património a ser conhecido e praticado em todo o mundo".
 

Homens armados protegem os últimos seis rinocerontes-brancos-do-norte

 
Os rinocerontes-brancos-do-norte (Ceratotherium Simum Cottoni) são uma espécie de rinocerontes brancos, o maior e o mais numeroso dos rinocerontes, que está em vias de extinção. Existem apenas seis destes animais vivos, o que levou os soldados da Fundação Internacional contra a Caça Furtiva a protegê-los, na Tanzânia. "Eles são tão importantes quanto os mares, os camaleões, as pastagens e tudo o mais. Toda a espécie é emblemática por uma razão. Tire os elefantes e os rinocerontes do sistema ecológico e verá todo um ecossistema destruído", afirmou o activista dos direitos dos animais Tony Fitzjohn. O comércio ilegal de chifres promovido por seres humanos irracionais está quase a fazer desaparecer mais uma espécie animal.

sexta-feira, 28 de novembro de 2014

Petição para acabar com a tradição de comer carne de gato e de cão na... Suíça


Afinal não é só em países asiáticos como a China ou o Vietname que se come carne de gato e de cão. Também na Europa, mais precisamente na super civilizada Suíça, estima-se que cerca de 240 mil pessoas das zonas agrícolas de Lucerna, Appenzell, Jura e Berna comem gato e cão! 240 mil pessoas constituem cerca de 3% da população suíça e consta que a carne de gato até faz parte de alguns pratos tradicionais de Natal e que a carne de cão é utilizada mais para salsichas, enquanto que a gordura ajuda a tratar o reumatismo! Segundo a fundadora e presidente do grupo activista SOS Chats Noiraigue, Tomi Tomek, o consumo de carne de gato e de cão não é ilegal na Suíça apesar de não ser permitido vender a carne destes animais. "Uma mulher deu-me uma receita para cozinhar um gato recém-nascido", contou Tomi, citada pela Newsweek. "Eles comem gatos porque sabem como os coelhos. Os agricultores comem os seus gatos e cães quando têm demasiados. Disse-lhes para esterilizarem os animais, mas eles responderam que é muito caro e que são uma boa refeição", frisou. O sítio internético da associação lançou uma petição no final de Agosto para que o Parlamento suíço crie uma lei que proíba o consumo de carne destes animais, tendo já recolhido mais de 14 mil assinaturas, entre elas da actriz francesa e defensora dos direitos dos animais Brigitte Bardot, conhecida apoiante da Frente Nacional de Marine Le Pen. Segundo o sítio, esta velha tradição não pode ser abolida senão precisamente através duma campanha.
A Suíça também não é um país perfeito, afinal de contas. Nem todas as tradições são boas e esta é apenas um exemplo disso.

«As pessoas trasformam-se em tartarugas nas sociedades multiculturais»

 
No debate sobre a imigração no Parlmento sueco no passado dia 12 do corrente, o deputado Kent Ekeroth, dos Democratas Suecos, expôs o ponto de vista dos nacionalistas suecos face aos problemas provocados pela imigração muçulmana contra os nativos. O próprio Kent é filho duma judia natural do Cazaquistão que emigrou da Polónia para a Suécia nos anos 60 do século passado, mas mesmo assim foi acusado pelos restantes parlamentares de ser um "racista e islamofóbico"...

Primeiros britânicos jihadistas condenados no UK

 
Por falar nos bifes, o Reino Unido começou a levar à letra o que David Cameron disse recentemente: os jihadistas de nacionalidade britânica que partirem para a Síria e para o Iraque para se juntarem ao Estado Islâmico (EI) e que depois regressem ao Reino Unido serão julgados. Já se sabe quem foram os dois primeiros jihadistas "britânicos" que foram detidos e condenados depois de terem voltado para o Reino Unido (que chatice, afinal o EI não é assim tão divertido como devem ter pensado...): os irmãos Mohommod e Hamza Nawaz, de 24 e 30 anos e ambos de Londres, que partiram para a Síria para lutar contra o regime de Bashar al-Assad. Mohommod apanhou quatro anos e meio de prisão (só??) enquanto que Hamza apanhou três anos (só????). "Estamos no meio de uma luta geracional contra uma ideologia terrorista mortífera", disse Theresa May, a ministra do Interior do governo britânico. "Numa sociedade livre e aberta não se pode erradicar totalmente a ameaça do terrorismo, mas temos que fazer o possível para reduzir os riscos, em consonância com os nossos valores compartilhados", acrescentou, advertindo que se trata da maior ameaça de terrorismo em toda a história. As autoridades estimam que cerca de 500 britânicos viajaram para a Síria e para o Iraque no intuito de se unirem ao EI, mas metade deles já terá voltado para casa.

95% dos ingleses dizem que o multiculturalismo falhou

 
Yes, they do. Pelo menos é isso que nos indica uma sondagem feita pelo canal esquerdista BBC em Agosto, fazendo eco daquilo que já David Cameron, Angela Merkel e Nicolas Sarkozy disseram em tempos sobre o multiculturalismo na Europa. No debate televisivo sobre o resultado da sondagem entre o direitista James Delingpole e o esquerdista Owen Jones, o caso da pedofilia islâmica em Rotherham serviu para as pessoas se aperceberem que o multiculturalismo é verdadeiramente uma treta, por muito que o Jones tenha tentado explicar que a existência de imigrantes é de louvar e glorifica o Reino Unido, que é o país do mundo "com mais relações interraciais" (uma coisa é ter imigrantes, outra completamente diferente é ter invasores). O esquerdista lamenta que as minorias estejam muitas delas confinadas em certos bairros, as no-go zones onde se praticam as ditaduras das minorias como por exemplo a imposição da sharia (e para o efeito existem as patrulhas islâmicas), mas os dados apontam precisamente para o facto do multiculturalismo reforçar a segregação. O Daily Mail noticiou que, à pala do multiculturalismo que há muito que já se tornou perigoso e uma ameaça à identidade nacional britânica, muitos brancos nativos já abandonaram muitas das regiões devido à presença exagerada de alógenos. O caso mais flagrante é Londres, de onde, entre 2001 e 2011, mais de 600 mil brancos fugiram e deixaram a capital como a cidade de maioria imigrante (65%).
A democracia é mesmo assim! O povo usa-a para ter voz. Graças à democracia, o partido nacionalista Ukip vai continuando a crescer. Para o bem do Reino Unido. E antes que seja tarde demais.

Contra-ataque estudantil em Hong Kong

 
A polícia de Hong Kong começou a "limpeza" em Mong Kok numa operação que acabou com a detenção de mais de 150 manifestantes pró-democracia depois de 60 dias de ocupação nas ruas. Não satisfeitos com isso, os manifestantes, muitos deles estudantes, já ameaçaram atacar edifícios governamentais. "Creio que já deixámos muito claro que se a polícia vai continuar a despejar-nos por via da violência, vamos tomar acções mais violentas", declarou Yvonne Leung, uma das líderes da Federação de Estudantes da região administrativa especial vizinha de Macau. "As novas medidas visam os edifícios e alguns departamentos relacionados com o governo", acrescentou. "Queremos sufrágio universal já", são as palavras de ordem que se fez ouvir horas depois do início do despejo em Mong Kok.
O governo central de Pequim bem que está a demonstrar ter muita paciência. Se fosse noutros tempos possivelmente teria dado ordens para atirar a matar e resolvia-se assim a questão...

Taça de Portugal: Benfica X Sp. Braga nos «oitavos»

 
Quis o sorteio que o jogo grande dos oitavos-de-final da Taça de Portugal fosse no próximo dia 17 de Dezembro no Estádio da Luz entre o Benfica e o Sporting de Braga. Depois da eliminação precoce das competições europeias, o Benfica, para além do bicampeonato, vai procurar conquistar, naturalmente, uma nova dobradinha (e, claro, também novamente a Taça da Liga, uma competição na qual o Benfica já tem tradição): "Vai ser uma eliminatória muito difícil, perante uma grande equipa, com ambições nesta prova, tal como o Benfica. O nosso objectivo passa por repetir o que fizemos nesta competição na época passada. O ano passado o percurso também foi difícil mas chegámos ao final", disse Lourenço Coelho, director do Benfica. "Tal como no sorteio anterior, calhou-nos um adversário forte. Estão reunidas as condições para um grande espetáculo, tal como na eliminatória frente ao Vit. Guimarães. A equipa está forte e quer continuar na prova. Vai ser um jogo muito difícil e certamente, se pudéssemos, não teríamos escolhido o Benfica para jogar nesta altura. Apesar de tudo, a Taça merece este tipo de jogos. Vai ser um duelo aliciante e de grande qualidade", reagiu por seu lado o director do Sp. Braga, Rui Casada.
Eis aqui os outros jogos da eliminatória, todos agendados para o mesmo dia:

Gil Vicente (1.ª liga) X Penafiel (1.ª liga)
Belenenses (1.ª liga) X Freamunde (2.ª liga)
Paços de Ferreira (1.ª liga) X Famalicão (Campeonato Nacional de Séniores)
Vizela (Campeonato Nacional de Séniores) X Sporting (1.ª liga)
Nacional (1.ª liga) X Santa Maria (Campeonato Nacional de Séniores)
Marítimo (1.ª 1iga) X Oriental (2.ª liga)
Rio Ave (1.ª liga) X Desportivo de Chaves (2.ª liga)
 
Por agora, concentração máxima para a 11.ª jornada do campeonato nacional. "A derrota (na Rússia) dói mas hoje já é um novo dia. É dia de começar a preparação para mais uma luta, no domingo, com muita confiança. Contamos com vocês", escreveu o capitão encarnado Luisão no Twitter.
Força, Benfica!!

quinta-feira, 27 de novembro de 2014

Benfica diz adeus às competições europeias

 
Fomos eliminados das competições europeias esta época depois de perdermos na Rússia pela margem mínima (0-1) com o Zenit. A confirmação do afastamento da Liga dos Campeões veio através do luso-venezuelano Danny, que apontou o golo do triunfo russo aos 79'. Já a confirmação do afastamento da Liga Europeia veio depois, quando o Mónaco venceu inesperadamente o Leverkusen na Alemanha por igual resultado. Jorge Jesus pode agora dizer à vontade que "não merecíamos a derrota" que isso não desculpa a nossa medíocre participação na fase de grupos desta Liga dos Campeões. Mas também não deixa de ser verdade que este é o grupo mais equilibrado da prova, pelo que a qualquer um podia calhar a fava.
Bom, se calhar foi melhor assim. Agora que já não estamos nas competições europeias (a última jornada em casa com o Leverkusen é só para cumprir calendário) já não temos desculpas para não voltarmos a fazer o pleno a nível nacional. Agora precisamos é de nos concentrar a 100% no jogo com a Académica, que é a nossa próxima final. Há que aproveitar o facto dos outros rivais ainda estarem na Liga dos Campeões para nos dedicarmos a 100% nas provas internas. E assim pelo menos também já não corremos mais o risco de perder uma final europeia tremendamente prejudicados pela arbitragem pela terceira vez consecutiva.

«Tive de disparar. Se não o fizesse, ele ter-me-ia matado»

Escumalha antirra contra o agente Darren Wilson
Continuam os protestos por causa da morte do jovem delinquente negro Michael Brown, de 18 anos, que foi abatido pelo agente da polícia branco Darren Wilson no passado dia 9 de Agosto na cidade norte-americana de Ferguson e que provocou violentos distúrbios por parte da população negra em solidariedade para com o criminoso da sua raça.
 
Quando a defesa de alguém da sua raça se sobrepõe à questão da criminalidade...
Na primeira vez que falou em público, Darren Wilson, que felizmente foi ilibado, afirmou que teria feito o mesmo se o Brown fosse de raça branca (se o Brown fosse mesmo branco, teria havido revolta??). "O meu trabalho não é ficar sentado a ver as coisas sucederem", defendeu-se. A notícia da ilibação de Wilson foi recebida pelos pais do Brown com "profunda decepção" e provocou nova noite violenta (de segunda para terça-feira passadas) com a polícia a ter de usar gás lacrimogéneo e granadas incapacitantes antes de carregar nos manifestantes que destruíram veículos e pilharam lojas (claro, aproveitaram logo para também eles cometer crimes!).
 
Não há ninguém disposto a oferecer-lhe uma viagem só de ida para a Síria?
Recordemos que Brown foi perseguido por Wilson, que o mandou parar. O negro parou, virou-se para trás, avançou sobre o agente para o agredir e acabou abatido. Ainda hoje estaria vivo se não tivesse sido estúpido.

Mulher que crê em Jesus expulsa da catedral nacional americana

Uma mulher afirmou que Jesus Cristo é o nosso Senhor e Salvador, e não importa se é ou não uma protestantóide como ela me parece ser, dentro da catedral nacional (protestante) de Washington que estava a ser conspurcada por um bando de muçulmanos porque vai passar a sediar "orações" muçulmanas. Acabou por ser expulsa para que o pregador muçulmano pudesse falar.
 
 
Os líderes das igrejolas protestantes (episcopalistas, uma seita parida pela seita anglicana) que aceitaram e permitiram as "orações" islâmicas no interior da "catedral" de Washington não sabem o que fazem. Já agora, gostava de saber se os padres podem ou não rezar Missa dentro das mesquitas da Arábia Saudita...

Como a Rússia resolve o problema muçulmano na Crimeia


A histérica Amnistia Internacional lançou um relatório sobre as discriminações que a etnia tártara (Татарлар) e muçulmana da Crimeia, uma das etnias que habitam na região e que são de origem turcomana (são mongolóides, caucausóides ou misturas de ambos), está a sofrer por lá. Isto acontece porque os tártaros estão contra a anexação da região pelos russos.
Ainda bem que neste aspecto os russos são como os chineses e não vão na cantiga dos supostos Direitos Humanos que só protegem os que não podem nem devem ser protegidos.

Quem disse que o islão não é um problema no Japão?

Circulou já há uns tempos atrás um e-mail com o mito de que o Japão não tem problemas nenhuns com os muçulmanos. Ora, tal não passa duma mentira cabeluda. O Japão, tal como qualquer país do Ocidente, está a ser islamizado aos poucos: por lá já há mais de 60 mil muçulmanos, mais de 60 mesquitas (muitas delas estabelecidas em casas privadas) e cada vez mais restaurantes que servem comida halal (حلال‎ - "permitida").
O Japan Times entrevistou um imã egípcio de nome Mohsen Bayoumy, de 55 anos e que está radicado no país do Sol Nascente. O "clérigo", que é uma figura central da Japan Halal Association, falou do conhecimento que tem sobre o aumento do islamismo no Japão. Os muçulmanos começaram a invadir o Japão na década de 80 do século passado, aproveitando-se do enorme crescimento económico registado na altura, sendo na sua maioria jovens paquistaneses e indonésios que se casaram, muitos deles, com japonesas para conseguirem o direito de permanência. Com o tempo, começaram a angariar fundos para poderem ter as suas mesquitas e centros comunitários para a prática da dawah (دعوة‎ - proselitismo islâmico). "Eu testemunhei a conversão ao islão de cerca de 600 cidadãos japoneses (em Kobe)", garantiu Bayoumy.
É claro que o Japão neste aspecto ainda não atingiu proporções verdadeiramente preocupantes como já atingiram os países europeus mais afectados pelo multiculturalismo (França, Inglaterra, Alemanha...), mas mesmo assim não me parece que os japoneses, que são ainda dos povos mais nacionalistas do mundo, tenham a noção do perigo que constitui verdadeiramente o islão.

Dutch Wives

 
As Dutch Wives (Mulheres Holandesas) são bonecas sexuais incrivelmente realistas que foram lançadas no mercado há coisa de três meses atrás pela empresa Orient Industry, do Japão (claro, onde mais podia ser?). Estas bonecas são feitas de silício de alta qualidade, não são infláveis, podem pôr-se em qualquer posição e custam mais de 1000 euros cada. A Orient Industry garante que quem as compra nunca mais vai querer ter uma namorada de verdade! "As bonecas são parte da indústria altamente tecnológica do Japão, que procura constantemente maneira de tornar as bonecas sexuais o mais realistas possível", disse Osami Seto, porta-voz da empresa. Os clientes podem personalizar as bonecas, tipo escolhendo o corte de cabelo, a cor do cabelo, a cor dos olhos, etc. durante o acto da encomenda.
As mulheres japonesas que se cuidem!!

Calças de ganga de tinta

 
Em Nova Iorque, uma loira passeou nas ruas sem calças, mas poucos foram os que repararam nisso porque ela estava com uma perfeita pintura escultural. Ainda assim, nem todas conseguem fazer o mesmo que a Sandra G.

quarta-feira, 26 de novembro de 2014

«O que foi feito (a Sócrates) não pode passar em vão»


O traidor da pátria e abrilesco-mor Mário Soares, o bulldog "pai da democracia" de Portugal, defendeu o seu lacaio José Sócrates na sua habitual crónica do Diário de Notícias. Para o eterno escroque socialista, "sábado, o país foi confrontado com um acontecimento que deixou todos os democratas imensamente preocupados". Defendendo que "o que foi feito a um ex-primeiro-ministro com um anormal aparato fortemente lesivo do segredo de justiça não pode passar em vão", o homem que ultrajou a bandeira nacional durante o seu exílio dourado em França, desejou a morte dos portugueses no Ultramar, entregou as nossas colónias aos terroristas e tem uma fundação qualquer de merda que não se sabe muito bem para que é que serve e que é sustentada pelos contribuintes, atacou também a Justiça e a comunicação social. "Também não pode passar em vão o espectáculo mediático que a comunicação social tem feito, violando também ela o segredo de justiça ao revelar factos que era suposto só serem conhecidos quando um juiz se pronunciasse. O que não aconteceu".
Mas como é que aquele avião ainda conseguiu aterrar em África?! Foi para ainda termos ladrões e vigaristas, pai e filho, à solta em Portugal que defendem os da sua laia?! Realmente o Salazar é o grande culpado de tudo isto: tivesse ele limpado o sebo ao Mário Soares e em Portugal respirar-se-ia melhor agora...

Jerónimo diz que o mundo está pior após a queda do muro de Berlim

 
Pronto, só cá faltava esta: o líder dos comunas portugueses, Jerónimo de Sousa, disse à Lusa que o mundo agora está pior, "mais perigoso", 25 anos depois da queda do muro de Berlim por causa da "grande operação ideológica por parte dos grandes centros de decisão do capital". "O perigo da guerra, a exploração e o empobrecimento dos povos estão cada vez mais visíveis. Mesmo no plano da hipocrisia política, os que festejaram a queda do muro de Berlim são os mesmos que, hoje, esquecem e até ficam satisfeitos com a existência de outros muros - políticos, ideológicos, religiosos, sociais, mesmo físicos, por exemplo, aquele que aprisiona o povo palestiniano, erguido por Israel, que o impede do direito a ter um futuro. Passados 25 anos, como está o mundo? Nós avaliamos: está pior, mais injusto, mais perigoso", enunciou. "Nós consideramos que, paulatinamente, conseguimos vencer preconceitos que ainda existem na sociedade portuguesa em relação ao meu partido. Muitas vezes é difícil. Há manifestações de estímulo, admiração, respeito, mas existe ali, com um grande grau de subjectividade, uma pequena barreira que não é visível, para que as pessoas dêem o passo para o voto e a filiação em relação ao PCP, mas temos este capital de confiança".
O mundo de facto até pode estar pior e mais perigoso agora do que há 25 anos atrás, mas na verdade só não está ainda pior precisamente porque o comunismo foi derrotado. Aliás, em todo o mundo, mesmo na China (onde o comunismo é mais nominal que outra coisa), Índia, Rússia e em países africanos onde há alguma ordem social (exceptuando, por exemplo, o socialismo colectivista do Zimbabué), a classe média cresceu. Pelo contrário, se o comunismo tivesse prevalecido, a esta hora haveria era ainda mais miséria, falta de liberdade ou filas para comprar pão. O Jerónimo de Sousa quer e gosta é de enganar parvos, pois ele é discípulo do Álvaro Cunhal que teria tido muito gosto em instaurar em Portugal uma ditadura sanguinária à imagem da dos soviéticos. Acontecer-lhe-ia o mesmo que aconteceu com todos os restantes líderes comunas, que viviam do bem bom graças aos produtos e luxos capitalistas que só eles é que podiam ter, e o povo que se amanhasse. E o facto dos comunas portugueses estarem do lado dos palestinianos (árabes muçulmanos, melhor dizendo), apenas demonstra que neste aspecto são tão irracionais como os nacional-socialistas, o que apenas confirma que o nazismo e o comunismo são ideologias irmãs de sangue. Em Portugal o problema não é a existência do PCP, mas sim haver gente sem cérebro que compra a ideologia desse partidozeco.

«Cada Vida Importa»


No passado dia 22, cerca de 1,4 milhões de pessoas participaram numa enorme marcha contra o aborto com o lema "Cada Vida Importa", em Madrid. Convocada por 40 associações civis e com a participação de 150 organizações e movimentos de todo o mundo, os manifestantes pró-vida pressionaram o primeiro-ministro espanhol, Mariano Rajoy, que tinha prometido revogar a liberal lei abortista do anterior primeiro-ministro, o esquerdista José Luis Zapatero, mas acabou por dar o dito por não dito. No dia 24 de Março de 2015 deverá haver nova manifestação em favor do direito mais básico e fundamental de entre todos os Direitos Humanos, o direito à vida.


Mesmo que sejas a minoria de um, a verdade é sempre a verdade (Mohandas Karamchad 'Mahatma' Gandhi).

Transgénero que esteve grávido detido por perseguir a ex


O transgénero americano Thomas Beatie, que nasceu mulher e que ficou conhecido por ter ficado "grávido", foi preso no passado dia 20 no estado do Arizona por perseguir a sua ex-mulher. Thomas colocou um dispositivo de rastreamento GPS no carro da ex-mulher, Nancy Gillespie, com quem se separou em 2012 depois de quase 10 anos de "casamento", que acabou por ser descoberto em Setembro passado. Thomas nasceu com o nome Travy Lagondino e transformou-se em Thomas Beatie aos 24 anos, tendo no entanto mantido os órgãos sexuais femininos para poder ter filhos. Através da inseminação artificial com esperma de dadores, gerou três filhos enquanto durou o "casamento" com a Nancy, que não podia ser mãe devido a uma histerectomia.
Fez bem a Nancy em já não estar com esta aberração.

Paramédicos suecos exigem armaduras


Na Suécia, o pessoal paramédico está a exigir equipamento militar para aceitar ir às zonas habitacionais empestadas de escória terceiro-mundista (muçulmanos) por medo de ser atacado como tem sido. Para além da polícia, os gangues de criminosos que controlam cerca de 55 áreas da Suécia atacam também os que vão para lá para ajudar, como é o caso do pessoal hospitalar. Os paramédicos querem usar o mesmo equipamento que usa a Cruz Vermelha em zonas de guerra, como capacetes e coletes à prova de bala, máscaras de gás, etc.
Porque é que não mandam para essas zonas "sensíveis" os militares ou as forças especiais que é para limparem com toda aquela merda duma vez por todas? Ou que tal mandarem para lá os multiculturalistas e demais esquerdistas amigos dos imigrantes que é para verem se eles não mudam logo de ideias em três tempos?

Oslo: muçulmana agride mulher e a sua cadela


Em Grønland, nos arredores da capital norueguesa, uma mulher bonita de nome Helene Drage e a sua cadela, Gaia, foram agredidas por uma muçulmana na rua. "Íamos a dobrar a esquina quando dois muçulmanos vieram ao nosso encontro. Um homem e uma mulher. Já constatei que pessoas de além mar podem ficar assustadas com os cães e tomei as minhas precauções. Puxei a Gaia, de rédea curta, para que as pessoas pudessem passar sem contacto com a cadela". A mulher muçulmana, que ia pela berma do passeio, de repente correu em direcção a Gaia e pontapeou-a com força. "A cadela gritou, claro, (o ataque) foi completamente inesperado, e ela (a muçulmana) pontapeou a cadela como se fosse uma bola. Eu dirigi-me a ela perguntando-lhe o que é que ela pensava e disse-lhe que não pode pontapear a minha cadela sem qualquer razão". A muçulmana reagiu agarrando o rabo de cavalo de Helene e arranhando-lhe a cara. "Felizmente que não me acertou nos olhos. Puxei-a para o chão numa tentativa de me livrar dela. Para isso também tentei morder-lhe. Eu estava aterrorizada e a dada altura perdi a trela da cadela. Felizmente que ela só correu para o passeio e não para o tráfego. Uma senhora de bicicleta parou e viu o que estava a acontecer mas ninguém tentou intervir. Eu estava aterrorizada, tinha sangue na cara e não tinha controlo nenhum sobre o paradeiro da minha cadela". Felizmente para Helene e para Gaia, a polícia, alertada por alguém, chegou e deteve a muçulmana enquanto que a norueguesa foi levada para as urgências do hospital. "Tenho mais de quinze feridas na face e no pescoço, lábio ferido e torcicolo, mas estou bem. Estou incrivelmente chocada como é que alguém pode pontapear uma cadela sem qualquer razão e ainda por cima agredir-me. Estou também chocada que ninguém tenha intervindo mais cedo. Estou muito agradecida por terem chamado a polícia, e que esta tenha vindo tão depressa".
Não é novidade nenhuma para quem conhece minimamente bem a seita islâmica que os muçulmanos desprezam os cães, considerando-os animais impuros como os porcos. E também não surpreende acontecimentos destes acontecerem em localidades como Grønland, cloacas do multiculturalismo selvagem...

Chelsea esmaga Shalke 04 na Alemanha; Messi histórico novamente

 
O Chelsea foi ao Arena AufShalke bater o Shalke 04 por cinco bolas sem resposta na 5.ª jornada da Liga dos Campeões. Os blues comandados por José Mourinho garantiram o apuramento para os oitavos-de-final depois de Terry (2'), Willian (29'), Kirchhoff (43'), Drogba (76') e Ramires (78') apontarem os golos da vitória londrina. O treinador da equipa da casa, o italiano nascido na Suíça Roberto Di Matteo, pediu desculpa aos adeptos.
No outro jogo do grupo G, os lagartos venceram a frágil equipa eslovena do Maribor por 3-1 e já garantiram pelo menos a Liga Europa. Sabíamos que em caso de vitória garantíamos a Liga Europa. No entanto, não passei essa mensagem aos jogadores. Estamos na Champions e queremos continuar na competição", garantiu o treinador Marco Silva.
Os Andrades também venceram uma frágil equipa, a dos bielorussos do BATE Borisov, por 3-0. No Arena Borisov, os corruptos, já apurados para os oitavos-de-final, tiveram uma noite tranquila, pois o grupo H é um grupo demasiadamente fácil. "Para nós os jogos são todos de grande importância. Os jogadores sabem disso e somámos mais três pontos muito importantes. Tivemos iniciativa e personalidade", referiu o treinador espanhol, Julen Lopetegui, natural da província basca de Asteasu.


Para além da goleada do Chelsea, o destaque da noite europeia vai também para a goleada do Barcelona por 4-0 em Chipre frente ao Apoel Nicósia, jogo em que Lionel Messi fez um hat-trick e consolidou o estatuto de melhor marcador de sempre da Liga dos Campeões.

terça-feira, 25 de novembro de 2014

Memorabilia

Amerika, da banda metaleira alemã Rammstein, uma sátira de 2004 sobre a americanização do mundo 57 anos depois do Plano Marshall que ajudou a reconstruir a Alemanha e a Europa ocidental após a Segunda Guerra Mundial. De entre os países intervencionados, a Alemanha foi o terceiro país que mais beneficiou da ajuda americana.
 

Notas soltas


Um grupo de militantes do PNR (Partido Nacional Renovador) manifestava-se ao pé do Tribunal Central de Instrução quando o carro que transportava José Sócrates, suspeito de corrupção, fraude fiscal e branqueamento de capitais, chegou. O PNR saudou a detenção do antigo primeiro-ministro e "deseja que a Justiça actue depressa neste caso e evite a fuga de vários cúmplices que constituem esta teia da tralha socrática, ou até mesmo a destruição de provas e as fugas de informação", pode-ser ler na página oficial do partido. "Lembramos ainda que o PNR levou a cabo protestos semanais consecutivos, durante três meses, à porta das instalações da RTP, contra o tempo de antena concedido semanalmente para puro branqueamento deste grande responsável pelo descalabro financeiro nacional. Tentámos, nessas ocasiões, fazer aquilo que os entrevistadores não faziam: confrontá-lo com os aspectos obscuros da sua governação. Uma vez mais fomos os únicos a ter a coragem de gritar nas ruas aquilo que os outros diziam sentir, mas relativamente ao qual nada fizeram".


Um puto de Esmoriz, Ovar, tirou cerca de 80 mil euros de um cofre da família em apenas um mês. Começou por tirar dinheiro para poder comprar um telemóvel e foi contar a um amigo. Este, por sua vez, contou à sua mãe, que passou a chantagear o rapaz e exigiu que lhe desse dinheiro para não contar nada a ninguém. Ao todo, o puto, na altura com 11 anos, terá entregado à mãe do amigo mais de 50 mil euros que ela esbanjou numa motorizada, em móveis e em roupas. Ele gastou também 30 mil euros com os outros colegas que se aperceberam do que se passava e que também o chantagearam. A mulher, que chegava a ficar à porta da escola para lembrar ao puto das ameaças, acabou por ser detida e responde pelo crime de furto qualificado. O pai do puto, pescador e proprietário de um restaurante, disse que foram-se as poupanças de toda uma vida. "Quando descobri, fiquei tolo. Se fosse mais velho, morria de ataque cardíaco", afirmou o homem ao colectivo de juízes.


Um touro era para ser abatido por ser gay numa quinta irlandesa (Mayo) e acabou por ser salvo por um dos criadores d'Os Simpsons, o vegetariano Sam Simon. A orientação sexual do touro Benjy foi classificada pelo veterinário, uma vez que não conseguia procriar. Sam Simon pagou por ele 6200 euros e vai deixá-lo num "santuário de animais" até morrer.


Na Arábia Saudita, um homem viu pela primeira vez a cara da sua mulher na cerimónia do casamento e pediu logo o divórcio. O casamento foi feito "às cegas", como é tradição em muitas regiões do Médio Oriente. Segundo o jornal Okaz, o noivo ficou desgostoso com o que viu e disse à mulher que ela não é quem ele imaginava. A noiva desmanchou-se em lágrimas e os convidados, em pânico, tentaram remediar em vão a situação.


Na Indonésia há um lugar no alto duma montanha em Gunung Kemukus, na ilha de Java, onde se realiza um ritual "religioso" que envolve adultério. Segundo uma lenda do século XVI, o príncipe indonésio Pangeran Samodro teve um caso com a sua madrasta e foram apanhados a fazer sexo no cimo da montanha, tendo sido queimados logo de seguida. O ritual, realizado num "templo" islâmico localizado na montanha, serve para ter boa sorte e implica sexo sete vezes consecutivas a cada 35 dias. Os "peregrinos" vão lá à procura de boa sorte requisitando os serviços de prostitutas para lá atraídas pelo "serviço religioso".


Na Ilha Marion, uma das ilhas do Príncipe Eduardo, localizadas no Atlântico Sul, as focas andam a violar pinguins-reis de forma sistemática, o que está a integrar os cientistas. "Em termos humanos, chamaríamos a isto violação", disse o cientista sul-africano Ryan Reisinger ao jornal Times Live. "Os pinguins reagem como se o predador os estivesse a tentar matar, pois inicialmente lutam pela sua vida, mas as focas são muito maiores e mais fortes, e facilmente acabam por dominar os pinguins". Uma das explicações dadas é o facto de haver falta de focas fêmeas.


A canadiana Stephanie Beaudoin, de 21 anos, arrisca-se a passar o resto da vida na cadeia caso o tribunal dê como provados os 114 crimes de que está acusada. A considerada "criminosa mais sexy do mundo" que ganhou fama na Internet depois do primeiro julgamento no final de Setembro admite ter cometido crimes num período que descreveu como sendo uma "má fase" da sua vida. De acordo com o Código Penal do Canadá, a pena máxima para o crime de assalto é prisão perpétua. Stephanie volta ao tribunal de Victoriaville, no Québec, a 9 de Dezembro.


Ainda no Canadá, o trânsito de Toronto ficou congestionado durante cerca de 20 minutos no passado dia 20 depois de dois homens e uma mulher terem mantido relações sexuais no eléctrico 504, que circula na King Street. Não foi feita nenhuma acusação porque os três sujeitos conseguiram fugir. "Há lugares mais privados nesta cidade, para aqueles que se querem conhecer melhor", afirmou Brad Ross, porta-voz da Comissão de Transportes de Toronto.


O senhor Ricky Jackson, de 57 anos, passou 39 anos na prisão depois de ter sido injustamente condenado por um homicídio em Cleveland, Ohio, EUA. Em 1975, tinha então 18 anos, foi condenado à prisão perpétua baseado no testemunho de uma criança de 12 anos que já admitiu que prestou falsas declarações. "Acho que muita gente quer que eu odeie essa pessoa e lhe transmita hostilidade, mas eu não. As pessoas vêem-no hoje como um homem crescido, mas em 1975 ele era um menino de 12 anos, que foi manipulado e coagido pela polícia, que o usou para nos colocar na prisão. Quanto ao que respeita a esse homem, desejo-lhe o melhor. Não o odeio. Desejo que tenha uma boa vida", disse o magnânimo senhor Jackson, que pelos vistos foi vítima de racismo.
 

No passado domingo, o Cruzeiro conquistou o bicampeonato brasileiro muito graças à manutenção da sua estrutura vencedora do ano transacto. Além de contar com praticamente os mesmos jogadores da época anterior, o clube mineiro também é o campeão fora dos relvados por ter os ordenados em dia. Tudo começou com a vinda do director desportivo Alexandre Mattos, que revolucionou o clube. Os adeptos temem agora perder o dirigente, mais do que a qualquer jogador.