domingo, 31 de março de 2013

Páscoa 2013

«A Reforma foi um trágico erro com proporções épicas que nunca devia ter acontecido»

O ex-metropolita da ainda seita pseudo-cristã Igreja Católica Anglo-Luterana (ALCC), Irl Gladfelter, tornou-se cooperador da Opus Dei e falou da alegria da conversão ao Catolicismo, a única e verdadeira fé.
Tenente-coronel reformado do exército americano, doutor em Teologia e licenciado em medicina dentária, Gladfelter quer que toda a congregação da ALCC se torne católica, i.e., que esteja em comunhão com o Vaticano, uma vez que já aceitou a verdade objectiva de todos os aspectos da Igreja Católica. A ALCC reconhece agora a verdade absoluta da fé católica e entende que tem a obrigação de voltar a Roma, tendo já feito uma petição que termina com a frase "O filho pródigo voltou e está à porta. Santo Padre, por favor, deixe-nos entrar". "Todos os membros da ALCC far-se-ão católicos. A diferença para com algumas igrejas anglicanas é que a ALCC não tem 'posturas inamovíveis'. A ALCC (...) trabalha com todas as suas forças para 'desfazer' a Reforma, porque considera que foi um trágico erro de proporções épicas, que nunca devia ter acontecido, e procura restaurar a unidade da Igreja segundo os critérios da Igreja Católica. (...) A única coisa que queremos é dissolvermo-nos na Igreja Católica, como católicos normais. Faz tempo que a ALCC tem como política não admitir membros nem aceitar clérigos que não estejam plenamente comprometidos com a causa da unidade da Igreja de Cristo, sanando as feridas que infligiram a essa unidade o orgulho humano e as heresias dos líderes da Reforma protestante. Todos os membros da ALCC devem estar comprometidos em desfazer a Reforma". Todos da ALCC "se comprometem a ensinar a doutrina católica e não pregarão, ensinarão, escreverão nem publicarão nada que entre em conflito com o magistério católico". "É hora de recuperar a unidade da Igreja de Cristo! Os luteranos devem-se dar conta de que voltar à Igreja Católica não é algo bom, é estupendo. No Gétsemani, Jesus orou para que os Seus discípulos fossem um, como Ele e o Pai são um, assim a união com a Igreja Católica não é algo 'bom', mas algo 'estupendo', porque Jesus o pediu na Sua oração e o ordenou (não o 'sugeriu' simplesmente). Os luteranos devem voltar à Igreja Católica porque é o correcto, é o único caminho correcto", acrescentou.
Nunca é tarde para aceitar a Verdade.

A Coreia do Norte está-se a esticar


A Coreia do Norte anunciou que está em "estado de guerra" com a Coreia do Sul. Qualquer provocação militar junto às fronteiras terrestre e marítima do país levará a "um conflito em grande escala e a uma guerra nuclear". O país ameaçou também fechar o complexo industrial de Kaesong, uma zona desmilitarizada e vigiada localizada a 10 quilómetros a norte da fronteira das duas Coreias onde 123 empresas sul-coreanas têm sede e onde trabalham 50 mil norte-coreanos, que reduz a dependência do governo comuna norte-coreano em relação à China. Kim Jong-un parece estar decidido em mostrar que é estúpido à força toda e fazer ainda pior que o imbecil do seu pai ao ordenar o início dos preparativos para atacar com mísseis os Estados Unidos e as suas bases no Pacífico e na Coreia do Sul como resposta aos voos de treino dos bombardeiros americanos B-2. Os americanos estão a levar as ameaças muito a sério. A Rússia teme que a situação fique "fora do controlo" e a China, a única aliada da Coreia do Norte, apelou para a redução das tensões na península coreana. A França pediu à Coreia do Norte para evitar "novas provocações" e cumprir com as suas obrigações internacionais, enquanto que o ministro alemão dos Negócios Estrangeiros, Guido Westerwelle, pediu para os norte-coreanos pararem de brincar com o fogo.


Cabu Verdi é que é, mánuh!


Barack Obama disse durante uma reunião com quatro líderes africanos que Cabo Verde "é uma verdadeira história com sucesso", país que conseguiu em poucas décadas evoluir de um rendimento anual per capita de 200 para 4000 dólares.
Ainda assim, não é uma evolução suficiente para impedir os caboverdianos de virem para Portugal e para outros países mais desenvolvidos...

Anúncios de emprego falsos recrutam cúmplices para roubo de contas bancárias


Falsos anúncios de emprego estão a ser usados por criminosos para angariar pessoas que ajudem a fazer sair do país dinheiro roubado de contas bancárias através de fraudes informáticas.

A notícia é avançada pelo jornal Público, acrescentando que as pessoas que respondem a estes anúncios acabam sendo contratadas com o propósito de receberem fundos, que depois deverão encaminhar, através de sistemas de transferência de dinheiro, como o Western Union, para contas noutros países. Em troca, podem reter uma parte a título de pagamento.

O destino destes montantes, acrescenta o jornal, é normalmente o Brasil ou a Rússia, onde estes esquemas fraudulentos têm tipicamente origem.

Belenenses volta à 1ª liga


Três anos depois, o histórico Belenenses está de volta à 1ª liga a nove jornadas do fim da 2ª liga, apesar de ter perdido o jogo com o Penafiel por 0-2. Como o Santa Clara também perdeu, com o Atlético na Tapadinha, os azuis do Restelo ficaram com 19 pontos de vantagem sobre o segundo classificado. 
"Obviamente é um momento de grande felicidade, foram anos muito difíceis mas valeu a pena o que passámos", disse o presidente do Belenenses, António Soares. "Acho que já é uma época perfeita, mas se conseguirmos ir à final da Taça era a cereja no topo do bolo (objectivo difícil, pois o Belenenses perdeu a primeira mão no Restelo com o Vitória de Guimarães por 0-2)". O presidente da Federação Portuguesa de Futebol, Fernando Gomes, já felicitou a equipa de Belém: "Quero dar os parabéns ao Belenenses (...). Vencedor de três campeonatos de Portugal, três Taças de Portugal e campeão nacional na época 45/46, o Belenenses é um clube histórico, cuja participação no principal campeonato do nosso país contribuirá certamente para valorizar a competição". 
Apesar da chuva, a equipa foi recebida no Restelo em júbilo por cerca de 700 adeptos. "É algo sensacional e mais um passo na recuperação do clube nos últimos três anos. Os adeptos foram acompanhando a equipa e acreditámos que era possível. Gosto de estar aqui, espero continuar na próxima época com este grupo sensacional", disse Mitchell Van der Gaag, o treinador holandês de 41 anos.
Uma festa merecida! Parabéns, Belenenses!

Líder massacra Rio Ave


O Benfica recebeu e esmagou o 7º classificado Rio Ave por 6-1, a maior goleada sobre o conjunto vilacondense em 31 anos.
No jogo que culminou com a sexta vitória consecutiva do líder do campeonato, que está agora a quatro vitórias e um empate de se sagrar campeão nacional pela 33ª vez, Lima fez um hat-trick (é preciso dizer mais alguma coisa em relação ao brasileiro? A sua contratação está mais que justificada!) e Melgarejo (que foi expulso no último minuto), Matić e Enzo Pérez fizeram os restantes golos encarnados. O Rio Ave acabou o jogo reduzido a nove unidades (expulsões de Wires e de Edimar, que assim não jogarão frente ao CRAC no jogo de acesso à final da espectacular Taça da Liga), mas conseguiu ainda marcar o golo de honra por intermédio de Hassan. Foi uma boa vitória após umas merecidas férias do plantel (apesar dos jogos das selecções), com nota artística elevada.
Carrega, Benfica! Rumo ao 33º título de campeão!!

PS. Na 2ª liga, o Benfica B foi a Rio Maior vencer o Sporting B por 3-1 num jogo "polémico" que irritou o novo presidente lagarto, Bruno de Carvalho.

O Papa é pró-vida, como é óbvio


Sua Santidade Papa Francisco deitou-se no chão da Basílica de São Pedro para rezar durante a Paixão de Cristo, surpreendendo o povo uma vez mais, depois de ter lavado e beijado os pés de 12 jovens delinquentes de um reformatório, entre eles dois muçulmanos (um deles uma jovem sérvia). Seguiu-se depois a Via Sacra no Coliseu de Roma onde o Papa argentino rezou com milhares de fiéis de todo o mundo, mas não carregou a cruz: a tradição foi entregue aos seminaristas chineses, famílias italianas, religiosos libaneses, nigerianos e jovens brasileiros. "Que o sangue das vítimas inocentes seja a semente de um Oriente mais fraternal", pediu o Papa a propósito dos textos dos dois jovens libaneses que mencionaram as "diversas dificuldades", entre elas a "perseguição" às igrejas católicas de rito oriental.


O Papa rezou também contra o aborto e a eutanásia: "Rezemos por todos aqueles que promovem o aborto. Pensemos também nos defensores da eutanásia e nos que encorajam as técnicas e procedimentos que põem em risco a vida humana". E terminou a celebração com um curto discurso: "Esta noite, uma só palavra deve permanecer: a cruz. A cruz de Jesus é a palavra com a qual Deus respondeu ao mal do mundo". Uma palavra que é "amor, misericórdia, perdão", exortando os cristãos "a responder ao mal com o bem".

sexta-feira, 29 de março de 2013

A Páscoa e a ignorância duma cultura bárbara


A Páscoa é já este domingo. Para quem não sabe, e aposto que são muitos, a Páscoa é a mais importante festa da Cristandade, pois é na Páscoa que se celebra a ressurreição de Jesus Cristo. A própria palavra Páscoa vem do nome hebraico Pessach, que significa "passagem". Na Páscoa, os judeus celebram a passagem da escravatura dos seus antepassados no Egipto para a liberdade na Terra prometida sob o comando do patriarca Moisés. Em línguas como o inglês ou o alemão, Páscoa é Easter ou Ostern, nome que provém da deusa pagã da Primavera Ostera ou Eostre. O coelho e os ovos são, segundo o paganismo, símbolos da fertilidade e da renovação, e permanecem como símbolos da Páscoa actual.

Consta que os cristãos primitivos do Oriente foram os primeiros a pintar os ovos para assim significar o nascimento para uma nova vida (ressurreição), cristianizando assim o paganismo da Páscoa. Assim como o ovo oculta uma vida que brotará, também a tumba de Jesus oculta a Sua futura ressurreição. No século XVIII, a Igreja doava aos fiéis os ovos bentos e a substituição de ovos cozidos e pintados por ovos de chocolate pode ter muito possivelmente a ver com a proibição do consumo de carne no período da Quaresma. Também a figura do coelho com o seu significado pagão de fertilidade terá sido cristianizado, simbolizando agora a Igreja que é fecunda na sua missão de propagar a Palavra de Deus a todos os povos. Os antigos pregadores europeus viam no coelho um símbolo da Ascensão de Jesus e de como deve viver o cristão: as fortes patas traseiras do animal permitem-lhe ir sempre para cima com facilidade enquanto que as suas débeis patas dianteiras lhe dificultam a descida. O símbolo mais antigo da Páscoa, porém, é o cordeiro, que representa a aliança feita entre Deus e o povo judeu na Páscoa da antiga lei. Para o Cristianismo, Jesus é o próprio cordeiro, o Cordeiro de Deus, que foi sacrificado na cruz pelos pecados da humanidade e cujo sangue a redimiu - é esta a Nova Aliança de Deus realizada por intermédio do Seu Filho, agora não apenas com um só povo, mas com todos os povos.

A enorme apostasia aliada ao laicismo feroz fez regressar a ignorância e a cultura bárbara típica do paganismo ao Ocidente. Segundo uma pesquisa realizada em Inglaterra, 80% das crianças não sabem o verdadeiro significado da Páscoa. 1/4 delas acha que a Páscoa está ligada ao nascimento do coelho (!!) e 25% delas pensam que a Páscoa celebra... a invenção do chocolate (!!!). Tal como em relação ao Natal actual, também na Páscoa a maioria das crianças (e não só) se esquece de Jesus Cristo.

Como pediu o Papa Francisco na sua homilia na paróquia de Santa Ana há uns dias atrás, "Voltemos para o Senhor. O Senhor nunca se cansa de perdoar, nunca! Somos nós que nos cansamos de pedir perdão a Ele. E peçamos a graça de nunca nos cansarmos de pedir perdão, porque Ele nunca se cansa de perdoar. Peçamos esta graça".

Análise ao regresso de José Sócrates

O José Gomes Ferreira não dá hipóteses!

Primeira estratégia nacional para os ciganos!


Eu não sei se a seguinte notícia é ou não uma mentira antecipada do dia 1 de Abril apesar de ter saído no jornal Público: foi aprovado na passada quarta-feira em Conselho de Ministros a Estratégia Nacional para a Integração das Comunidades Ciganas (ENICC), que "terá um investimento estimado de mais de 347 milhões de euros para cumprir vários objectivos em áreas como a educação, a habitação ou a saúde". A ENICC "estabelece como metas nesta área que 60% das crianças ciganas concluam a escolaridade obrigatória ou que 2% conclua a universidade. Na habitação, que vai receber grande parte da fatia - quase 332 milhões de euros só para a qualificação dos realojamentos -, o objectivo é ainda a sensibilização de 90% dos municípios que têm população cigana 'para as especificidades da sua cultura para o seu realojamento'. Na saúde, que terá afectos mais de 1,6 milhões de euros, serão feitas campanhas de sensibilização para a inscrição de ciganos nos centros de saúde ou acções de formação para profissionais da área. Entre outras, a ENICC vai fazer campanhas para o combate à discriminação (115 mil euros) ou realizar um estudo nacional sobre a comunidade (175 mil euros).
A ENICC é uma iniciativa da Comissão Europeia, que pediu aos Estados-membros para desenharem uma estratégia nacional até 2020. Portugal começou a fazê-lo em Setembro de 2011, numa coordenação conjunta do secretário de Estado adjunto do ministro dos Assuntos Parlamentares, Feliciano Barreiras Duarte, e o Alto Comissariado para a Imigração e Diálogo Intercultural (ACIDI). O ACIDI coordenará a monitorização da ENICC, através de um grupo consultivo onde estarão representantes dos oito ministérios envolvidos e quatro representantes das comunidades ciganas, segundo Duarte".
Os ciganos parecem uma espécie em vias de extinção: é preciso protegê-los e mantê-los vivos...

Alógeno mata esposa grávida de 8 meses


Um homem guineense, ou naturalizado ou com dupla nacionalidade, de nome Delide matou a sua mulher, Djilam Sanhá, grávida de oito meses e mãe de uma menina de seis anos, com um banco de ferro e um garfo, na zona da Ameixoeira, em Lisboa. Delide, desempregado há poucas semanas, matou a companheira à frente do seu sobrinho de 10 anos. O cunhado da vítima, João Sanhá, disse que Djilam veio para Portugal para tratar da filha, que nasceu na Guiné-Bissau sem recto, e acabou por ficar no país depois de se empregar nas limpezas. Delide foi detido no Campo Grande ainda com a roupa ensanguentada.
Apenas e só mais um episódio do Portugal destino da imigração africana dos dias de hoje.

Mãe mata filho por este lhe ter bloqueado a Internet


Na república russa do Bascortostão (Башкортостан), apenas mais uma república islâmica da grande mãe Rússia, uma mulher de 34 anos residente em Oufa, a capital dessa que é a sétima república mais populosa do maior país do mundo (mais de 4 milhões de habitantes), matou o seu filho de 11 anos depois deste lhe ter bloqueado o acesso à Internet no computador alterando as configurações sem a avisar. A mulher bateu no puto até à morte com um rolo da massa e depois "cortou o corpo aos bocados e escondeu-os numa cave não muito longe da sua casa", revelaram os investigadores do caso.

Terry Jones diz que vai queimar 2998 Alcorões


Lembrai-vos do pastor protestante Terry Jones? 
O líder de uma pequena seita pseudo-cristã da Flórida, o Dove World Outreach Center, que já chegou a ser acusado por fraude, voltou a ameaçar queimar Alcorões, desta vez 2998 exemplares do livro que os muçulmanos consideram ser sagrado no próximo dia 11 de Setembro. Um Alcorão por cada um dos 2998 americanos inocentes mortos pelos terroristas islâmicos desde 11 de Setembro de 2001. Terry Jones fundou em 2010 uma organização política denominada Stand Up America Now e anunciou a sua candidatura à presidência da república americana como candidato independente em 2011.

quinta-feira, 28 de março de 2013

Escola de Chicago bane livro sobre brutalidade islâmica

Uma escola de Chicago, a North Side School, decidiu adoptar uma postura dhimmiesca e proibir o livro "Persepolis", um livro escrito por uma iraniana que foi vítima de brutalidade islâmica, Marjane Satrapi, e que foi banido no Irão, no Líbano e nos Emirados Árabes Unidos. O livro, um dos 100 melhores livros da década segundo o Young Adult Library Association, foi considerado ofensivo e blasfemo para os muçulmanos. Também o filme baseado no livro, feito em 2007, foi banido no Irão. Tudo porque a história fala de mulheres que usam o véu e que se apaixonam. "Isso é demasiado ocidental, é anti-islâmico e talvez anti-revolucionário", disse Marjane numa entrevista.


É isso mesmo, toca a agradar aos muçulmanos e caguem no nosso direito à liberdade...

Pretos fingem ser gays para pedir asilo na Europa


A União Europeia está "alarmada" com o crescente número de pretos que alegam ser paneleiros e sofrer perseguição nos seus países de origem a fim de obter asilo na Europa.
Segundo o jornal Sun, os pretos só estão interessados em obter um visto para trabalhar legalmente no velho continente. Na Bélgica, o número de pretos que se declararam gays no pedido de asilo aumentou de 116 em 2006 para 823 em 2011. O quadro é semelhante na vizinha Holanda, outro país que é um paraíso para os virados, que apelou para o Tribunal Europeu de Justiça. A maior parte dos pretos que fingem ser gays é do Senegal (258 casos) e depois vêm os Camarões (154) e a Tanzânia (64). Somente 1/3 dessas bichas falsas conseguiram convencer a malta da imigração de que são bichas de verdade.
O que é que os pretos não fazem para deixar a sua bela terra africana que é para virem cá para a Europa...

Bomba dentro duma lula


Um peixeiro chinês encontrou uma bomba com a forma de um berinjela de 20 centímentros e 1,3 quilos enquanto limpava uma lula para ser vendida no mercado de peixes de Jiaolong, na província chinesa de Guangdong (Cantão). "Esse tipo de lula vive perto da costa e normalmente come pequenos peixes e camarões", disse o peixeiro, que se identificou apenas como Huang. Vede aqui o vídeo.

Tubarão com duas cabeças


Foi apanhado no Golfo do México um tubarão-touro (ou tubarão-cabeça-chata) com duas cabeças. O bicho foi encontrado pelos pescadores locais e possui também dois corações e dois estômagos. "É certamente um fenómeno interessante e raramente detectado", disse Michael Wagner, professor assistente da Universidade Estadual do Michigan, dos Estados Unidos. "Temos que descobrir mais sobre isso e concluir a respeito do que teria causado essa condição", sublinhou.

'Cameraman' desmaia em directo


O operador de câmara Samuel desmaiou em directo durante o programa "Você Na TV!" apresentado pelo paneleiro do Manuel Luís Goucha e pela Cristina Ferreira. O apresentador estava ao lado do chef Ernâni Ermida na rubrica de culinária quando isso aconteceu e mandou seguir o programa. "Mas vamos continuar o programa, temos de continuar, chamem já os enfermeiros", disse Goucha em directo.

Portugal está a ficar com menos gente


Segundo o Instituto Nacional de Estatísticas (INE), Portugal perdeu perto de 30 mil pessoas entre 2010 e 2011, sendo que a natalidade, em queda desde 2010, atingiu o valor mais baixo nesse último ano (96.856 nados vivos, menos 4,5% face a 2010). Já nem com a imigração a população portuguesa aumenta (aumentou a percentagem de nados vivos de mulheres estrangeiras até 2011, mas a percentagem diminuiu ligeiramente em relação a 2010), como acontecia entre 2010 e 2011 (passando de 10.394.669 para 10.542.398). Portugal está também mais envelhecido, com 128 idosos para cada 100 jovens. A proporção de jovens (pessoas até aos 14 anos) baixou de 16,2% para 14,9% da população total e a dos indivíduos em idade activa (15 aos 64 anos) caiu de 67,3% para 66%. Aumentou também a percentagem de nados vivos fora do casamento (23,8% para 42,8% numa década) e a idade para se ter um filho: 28,8 anos para 30,9 anos no espaço de uma década.
Quo vadis, Portugal?

Sócrates continua igual a ele mesmo, mitómano, talvez um caso psiquiátrico, irremediável


Sócrates continua um manipulador intrépido. Há quem lhe chame mitómano, um sujeito que não distingue a verdade da mentira, um mentiroso convicto, no sentido mais literal da expressão. Um caso psiquiátrico. Veio, diz, para repor a verdade, contra a narrativa dominante. Tem direito, diz, a isso. A RTP fornece-lhe o palco. É a primeira vez que um primeiro-ministro, depois de enterrar o país, recebe da televisão pública um espaço semanal para «repor a verdade». Também é verdade que não houve assim tantos primeiros-ministros a enterrarem o país. E continua a mentir convictamente. Sem pudor. Sem vergonha. Sem nada. Talvez seja mesmo o irremediável caso psiquiátrico que lhe diagnosticam.

Jorge Costa in O Insurgente

quarta-feira, 27 de março de 2013

Chegámos ao Japão há 470 anos atrás


O líder do CDS-PP, Paulo Portas, que por acaso também é o ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros, partiu para o Japão numa visita que se prolonga até ao próximo dia 29. Lá no país do sol nascente, Paulo Portas encontrar-se-á com o homólogo japonês e com o ministro da Economia, Comércio e Indústria, Toshimitsu Motegi, para além de ter também um encontro com a Liga Parlamentar de Amizade Portugal-Japão e com a Sociedade Luso-Nipónica. Faz este ano 470 anos que nós portugueses, os primeiros ocidentais a chegar ao Extremo Oriente, chegámos ao Japão, ao porto de Kochinotsu em Minamishimabara, fundando a cidade de Nagasaki.
Muitos portugueses não sabem disso. Este país, como está actualmente, não quer saber do seu glorioso passado. É uma pena. Eu jamais deixarei de ser um português com orgulho.

Azerbaijão 0 X 2 Portugal


A selecção portuguesa, sem Cristiano Ronaldo, tinha de ganhar em Baku para acalmar os ânimos e felizmente foi o que aconteceu. Meio ano depois, Portugal regressou às vitórias e conquistou 3 pontinhos importantes na luta por um lugar no play-off de apuramento para o Mundial de 2014 graças aos golos de Bruno Alves e Hugo Almeida. O primeiro golo só surgiu depois de o Azerbaijão ter ficado reduzido a dez jogadores, depois do minuto 60. 
Não vi o jogo, mas já sei que Portugal voltou a não convencer.

«Jovens» baleados pela PSP


Três «jovens», dois de 15 anos e um de 16, foram atingidos por disparos da polícia e foram internados no Hospital Amadora-Sintra com ferimentos nas pernas e num braço. O Comando Metropolitano de Lisboa da PSP explicou que, por volta das 00:35 horas, recebeu duas denúncias a dar conta de distúrbios entre elementos de um grupo de 15 indivíduos perto da Rotunda de Queluz, em Queluz de Baixo, sendo que numa das denúncias foi referido que teriam sido efectuados disparos de arma de fogo.
Segundo consta, os desacatos terão começado num bar a cerca de 800 metros do local onde foram disparados os tiros. Os moradores da localidade dizem mesmo que é "normal" haver sempre uma concentração de «jovens» junto ao bar. Assim que a polícia chegou a local, um grupo de seis «jovens» pôr-se em fuga em direcção à rotunda da Escola da GNR, o que motivou uma perseguição policial. A PSP garante que "foram emitidas ordens (de paragem) aos suspeitos" e que foram efectuados dois disparos de shotgun "para o ar, com recurso a munições menos letais", ou seja, bagos de borracha. "Um dos agentes que perseguiu o grupo mais numeroso terá sido surpreendido pelos mesmos, recorrendo à sua arma de serviço, tendo efectuado disparos" que feriram três suspeitos.
Segundo a PSP, quatro jovens "tentaram manietar o polícia" e um deles "meteu a mão no bolso" em jeito de ameaça: "O agente advertiu, disse que iria usar a arma de fogo caso não parassem, mas eles persistiram pondo em risco a integridade física do agente". A lei diz que o recurso à arma de fogo contra pessoas é "permitido se houver perigo iminente de morte ou ofensa grave à integridade física", pelo que é de esperar que nada de mal aconteça ao polícia. Os seis «jovens» acabaram por ser detidos, se bem que quatro deles, como têm menos de 16 anos, foram apenas identificados.
Eu ouvi dizer há dias que a criminalidade baixou em Portugal, será que é mesmo verdade? Vou só ali cantar o "Grândola, Vila Morena" e já volto...

Yahoo! compra aplicação de adolescente por 23,3 milhões

A Yahoo! comprou uma aplicação criada por um dolescente britânico de 17 anos, Nick D'Aloisio, por 23,3 milhões de euros! Segundo o Correio da Manhã, a aplicação "Summly", que está disponível para iOS e foi escolhida pela Apple como uma das Best Apps de 2012 na categoria de Intuitive Touch, é apresentada como sendo um agregador de notícias rápido, fácil e conciso. Segundo a Yahoo!, "a Summly é uma empresa de produtos para smartphones, fundada com uma visão para simplificar o modo que conseguimos a informação".

Indonésia: muçulmanos não querem celebrações da Semana Santa


Em Jakarta, capital da Indonésia, os muçulmanos andam a ameaçar os católicos que querem celebrar a Semana Santa. Na véspera do Domingo de Ramos, um grupo islâmico ameaçou seriamente os católicos da localidade de Kepa Duri e disse ao padre, Matthew Widyolestari, para cancelarem as celebrações alusivas às vésperas da Páscoa. A Missa do último domingo só foi possível ser celebrada graças às forças de segurança que foram requisitadas.
É com essa gente que o Papa quer dialogar. Muito bem, vamos lá a isso...

terça-feira, 26 de março de 2013

O Papa Franscisco quer diálogo com o islão. E depois?


A recente demonstração da vontade de Sua Santidade Papa Francisco em querer dialogar com o islão incomodou muita gente, principalmente os detractores primários da Igreja e também os irritantes católicos conservadores e "fundamentalistas" como eu, nós que sabemos perfeitamente que o ecumenismo é contrário à fé cristã porque é incompatível com a evangelização. Recordemos que em 2006 o Papa Bento XVI incomodou deveras os muçulmanos com o seu discurso anti-islâmico na Universidade de Ratisbona, que culminou com a destruição de muitas igrejas, matanças e perseguições aos cristãos no mundo islâmico - e o Papa alemão até foi atacado por isso, por ser um grande pensador que não foge aos problemas mesmo quando eles são difíceis, com a ideia de que a fé aliada à razão vai contra a tradição helénica e o multiculturalismo, para além da desvalorização pós-moderna contra a razão. O Papa Francisco, na altura cardeal, considerou infelizes as palavras do então Papa em exercício. "A asserção do Papa Bento não reflectem as minhas próprias opiniões. Estas asserções servirão para destruir em vinte segundos a cuidadosa construção de um relacionamento com o islão que o Papa João Paulo II edificou nos últimos vinte anos", tinha dito Bergoglio em reacção à citação de Bento XVI. E quando Bento XVI apelou para que os cristãos que vivem nos países muçulmanos fossem protegidos, os líderes islâmicos acusaram-no agressivamente de estar contra o islão, nada dizendo, porém, contra quem mata os cristãos. Recordemos que o conselheiro para os assuntos interreligiosos de Al-Azhar (Cairo), o imã Mahmud Azab, advertiu o Papa Francisco para não estar contra o islão, ou seja, para não criticar a perseguição islâmica aos cristãos nos países muçulmanos como fez o Papa Bento XVI depois de um atentado suicida numa igreja egípcia em 2011. Portanto, se não queremos estar contra o islão, devemos deixar que os muçulmanos matem à vontade os cristãos que vivem na terra deles.

Hoje em dia, com a Igreja enfraquecida e corrompida devido à enorme apostasia e ao Concílio (pastoral e não dogmático) Vaticano II, penso que não é de todo inconcebível um diálogo com os muçulmanos. E digo isto porque já não vivemos mais nos tempos em que havia a Inquisição e as Cruzadas, tempos esses em que os muçulmanos não assustavam os ocidentais, que se mantinham fortes e unidos na fé cristã. Acontece, todavia, que a apostasia no Ocidente fez afastar as pessoas de Deus e da Sua Igreja, o que possibilitou o regresso do paganismo imoral (vide a influência da Maçonaria, que é pagã, com o seu objectivo da Nova Ordem Mundial), o marxismo cultural, o relativismo, o politiquismo correcto, etc., ao passo que os muçulmanos dos dias de hoje continuam a ser as mesmas bestas do século VII, sempre dispostos a matar e a morrer mártires pelo islão e pelo pseudo-profeta Maomé porque acreditam que assim herdarão o paraíso com as 72 virgens. Não há crise em procurar entender-se com o islão se a intenção for garantir a segurança e o bem-estar dos cristãos nos países islâmicos, pois isso é que é o mais importante. É uma espécie de mal necessário atendendo às circunstâncias actuais. A título de curiosidade, o Papa Bento XVI estabeleceu a canonização de 800 mártires que foram mortos pelos muçulmanos, os mártires de Otranto, e será o Papa Francisco a levar a cabo essa mesma canonização, que acontecerá no próximo dia 12 de Maio. Será que o diálogo com o islão proposto pelo Papa jesuíta conseguirá colocar um fim ao massacre que os muçulmanos não páram de cometer contra os cristãos em países como a Nigéria, o Sudão, o Irão, o Iraque, a Síria ou o Paquistão? Vamos, pois, esperar todos que sim.

O grande problema no meio disso tudo é que é impossível haver de facto um diálogo com os muçulmanos. Como pode ser possível haver um entendimento havendo tantos pontos que divergem o Cristianismo do islamismo? Para muitos porta-vozes do islão, o diálogo com os não-muçulmanos serve como um "mecanismo de proselitismo", uma "ponte" para fazer com que as pessoas da Jahiliyyah ("sociedade dos não-crentes") se tornem muçulmanas, como chegou a afirmar um membro da Irmandade Muçulmana, Sayyid Qutb. O diálogo que os muçulmanos querem com os cristãos é no sentido de converter estes últimos à seita islâmica. Nós, os não-muçulmanos (cristãos e judeus), somos o "povo do Livro" (segundo o Alcorão) e estamos convidados a "testemunhar que somos muçulmanos" (Sura 3:64). O Papa Bento XVI, como grande teólogo que é, conhece bem demais o islão, daí nunca ter dado abébias aos muçulmanos. Na História da Igreja não faltam santos que criticaram e inclusive lutaram contra o islão. Um deles é o conhecidíssimo doutor angélico, São Tomás de Aquino. Entre nós portugueses, Santo António acusou Maomé de ser um falso profeta. O islão alastrou-se da Arábia até ao norte de África e ao sudeste asiático através da matança e da humilhação contra os cristãos, os judeus e outros crentes, destruindo civilizações, coisa que os muçulmanos actuais se preparam para fazer aos poucos com o Ocidente através da imigração maciça e das suas altas taxas de natalidade. Dialogar com o islão implica aceitar Maomé como o último profeta, o abate halal (bárbaro) dos animais, e até mesmo a jihad ("guerra santa"), a poligamia e a pedofilia, coisas permitidas e até incentivadas pela seita fundada pelo assassino e pedófilo coraixita.

Eu acredito que o Papa Francisco é um homem bom. Mas a bondade pode ter consequências nefastas, principalmente quando estamos a falar do islão. Será que neste diálogo vindouro vai-se negar amigavelmente as diferenças óbvias e fundamentais que separam o Cristianismo do islamismo? O Papa Bento XVI foi ostracizado por dizer a verdade, pois a verdade incomoda imenso e sempre é preferível uma verdade que magoa a uma honestidade podre. O islão é uma das maiores, senão mesmo a maior, ameaças actuais à liberdade do Ocidente. Islão significa literalmente "submissão", ou seja, escravatura. O Papa parece ser sincero no combate que decidiu lançar contra a pobreza, mas temo que ele não tenha a real noção daquilo que representa o islão. Se calhar não se lembra das Cruzadas e de todos os mártires que sucumbiram às cimitarras dos muçulmanos no passado, só para não voltar a falar de todos os cristãos dos países muçulmanos que vivem constantemente com o Credo na boca. Pode ser que a canonização dos 800 mártires de Otranto ajude a esclarecer Sua Santidade. Rezemos por ele.

Antigamente a Europa tinha os valentes cavaleiros cruzados que defenderam a verdadeira fé e o velho continente dos invasores muçulmanos que desejavam ardentemente transformar a Europa na Eurábia. Hoje, infelizmente, temos uma Igreja fraca, envelhecida, abandonada, atacada, invadida pela fumaça de Satanás, em suma, uma presa fácil para os muçulmanos, que ainda querem mais do que nunca transformar a Europa na Eurábia - e já faltou mais para isso acontecer! A queda da Igreja Católica significará o fim do Ocidente e, por conseguinte, do próprio mundo.

Morreu o padre motard


O padre José Fernando Lambelho, de 55 anos e conhecido como padre motard por causa do seu amor pelas motas, morreu no Hospital do Fundão, concelho de onde é natural, depois de oito anos de tratamentos contra um cancro. O padre motard era conhecido por participar nas concentrações motards, onde até rezava missas e abençoava motas e capacetes. "Até 100, Deus protege; a partir dos 100? Pode acolher-nos", é uma das frases bem humoradas do agora falecido padre que se pode ler na sua biografia lançada em 2011, "Padre Motard - Boas curvas? Se Deus quiser", da jornalista Rosa Ramos.
Seguiu viagem, o padre. Que Deus o acolha.

Casa Pia: Todos os arguidos da Casa de Elvas foram absolvidos


Sem Norte

Na Síria foram usadas armas químicas pela primeira vez. Tudo aponta para que tenham sido os rebeldes os autores da proeza e a origem das armas o Iraque. Houve denúncias na altura que Saddam Hussein as teria movido para países vizinhos. Muitos rebeldes "sírios" falam inglês com sotaque londrino e foram recrutados nas mesquitas de Londres. Quando a guerra na Síria acabar, o desejo do sangue que lhes dá ânimo e alegria não vai parar. Estes bichos melhor treinados e ideologizados voltarão à Europa para fazer o sangue em território europeu como o fazem na Síria. O sangue dá-lhes o paraíso e não olham a meios para alcançar ambos. Hoje Israel teve que destruir um posto de artilharia que alvejava as IDF dos Golan. Amanhã será a Europa o alvo!

O Reino Unido, governado por uma desilusão socialista chamada Cameron, e a França teimam contra a UE em apoiar os rebeldes com armas. O Reino Unido caminha trilhos assustadores: um sistema de saúde num enorme desastre (eutanásia encapotada e fome de morte nos hospitais), com áreas de Londres e outras cidades controladas por muçulmanos, com biliões de libras a sustentar imigrantes que vieram apenas para isso (viver à conta dos que trabalham e disso fazem chacota), com uma juventude sem família, bêbeda e drogada que vagueia pelas ruas acabando as raparigas em pasto das máfias da prostituição muçulmana. A França na mesma direcção.

A Europa vai-se desarmando, vai sendo infiltrada por radicais de todo o tipo que pregam o ódio, armazenam armas, controlam substanciais partes do território europeu, molestam, perseguem e prostituem os europeus. Enchem agora mais de 65% das vagas nas prisões. A Europa deixa circular livremente gangues e traficantes da América Latina que financiam grupos terroristas como as FARC. Outras máfias acantonam-se a cada canto: Marselha, Hamburgo, Barcelona, etc. Ataques contra os judeus são cada vez mais frequentes: os judeus já fogem de algumas como Malmö e são massacrados noutras como Toulouse. O urso Russo espreita e liquida na Europa os seus adversários políticos. A Europa recebe, com honras VIP, os tiranos (com absoluto desprezo pelos valores humanos) de África, da América Latina e dos países árabes. Fecha, em troca de dinheiro e "investimentos", os olhos às bestialidades que estes carniceiros executam nos países que comandam com mão de ferro.

A UE patrocina todo o tipo de ONGs (pró-palestinianas, pró-gayzismo, pró-aborto, anti-semitas, clínicas abortistas, etc), governa-se à custa dos impostos dos seus cidadãos e fomenta políticas erradas como na energia e noutras, encantada com a flauta mágica do aquecimento global e de grupos de pressão oportunistas e parasitas. A UE que tudo queria e quer controlar fechou os olhos ao despesismo grego, à lavandaria de dinheiro duvidoso que era o Chipre, às lideranças e magnificências de líderes do sul da Europa que hipotecaram gerações. A UE recicla políticos falhados, reguladores falhados, economistas falhados, lava elites partidárias de partidos totalitários e políticos corruptos em período de nojo mais ou menos prolongado das tropelias caseiras. Nada pode vir da UE governada com a escória que sai dos países membros.

A Europa precisa de retomar as suas raízes, de se refundar, de atacar sem apelo nem agravo tudo o que a avilta e destrói as novas gerações: a economia e o crescimento económico não é tudo. É necessário retomar todo um legado de humanismo que deu ao Mundo.

A UE não serve: falhou rotundamente e tende a um projecto totalitário, normalizador e castrador. O PE é um asilo de falhados - um até pedófilo confesso - pagos a preço de bacalhau do alto. A UE é a moderna Torre de Babel que semeia a confusão e a desorientação num legado com percalços mas grandioso.

O partido social-democrata sueco tem... brancos a mais?


Na fantástica e desenvolvidíssima escandinava Suécia, a Liga da Juventude Democrática (SSU) afirmou que há demasiados brancos a representar o partido social-democrata!!
A ex-líder do partido, Mona Sahlin, disse que a maioria branca "é o problema", e não as minorias étnicas: "Creio que é muito importante, já que não passa de um escândalo o facto de que o meu partido e outros estarem totalmente dominados pela manutenção de um velho equilíbrio de poder, em que uma quinta parte da população se encontra invisível. Dentro do partido não devemos olhar para os defeitos dos chamados 'suecos estrangeiros' como um problema. Em vez disso, somos nós, a maioria branca, que é tão numerosa. Temos de perceber que somos nós que constituímos o problema. E somos nós quem tem de mudar o nosso caminho". Quando questionada sobre a cultura sueca, Sahlin disse, para uma revista turca (Euroturk) em 2002 que não imagina o que é a cultura sueca (!!!): "Vocês (os turcos) têm uma cultura, uma identidade, algo que vos une. Que temos nós? Temos o solstício de Verão e outras foleiradas do mesmo género. Os suecos devem integrar-se na nova Suécia. A velha Suécia não voltará. Por isso os suecos sentem inveja dos imigrantes".
Bom, agora que matuto seriamente no assunto, penso que ela até deve ter razão... afinal de contas, a Suécia é um país de maioria negra, com um clima tropical, a mosca tsé-tsé, o dengue e essas coisas todas, portanto nada mais natural do que impedir que a minoria branca, completamente estranha ao país, seja a maioria num partido (esperem lá, percebi bem ou ela quer precisamente o contrário, ou seja, que a raça dominante do país não seja a maioria no partido? Ainda por cima em Estocolmo cerca de 1/4 dos integrantes das listas eleitorais são imigrantes não-nórdicos...). Não é também por acaso que a Suécia teve um aumento populacional muçulmano de 5,6%, população muçulmana essa que duplicou nos últimos 14 anos.
Que a população sueca possa fixar bem a fronha da senhora dona Mona Sahlin, essa traidora da sua pátria.

Gaja presa por bater no seu namorado...


... que preferiu jogar Xbox em vez de dar uma queca! A polícia de Lansford, no estado americano da Pensilvânia, foi chamada pela vítima, Eric Zuber, que se refugiou numa loja, depois de ter levado algumas chapadas da namorada, Heather Hayes. Esta ter-lhe-á dado também murros nas costas, uma mordidela no antebraço e ainda torceu os seus testículos antes de correr atrás dele! Heather vai agora ter que responder por agressão simples, assédio e atentado ao pudor, uma vez que foi atrás do namorado sem calças vestidas...
Há gajas que inventam desculpas para não ter sexo e há gajas que são agressivas quando não fazem sexo.

segunda-feira, 25 de março de 2013

Dóci Papiaçám di Macau - Macau sã assi

Agora que já não falta muito para eu voltar para as minhas origens, deixo-vos aqui a versão da canção Macau sã assi (Macau é assim) interpretado pelo grupo Dóci Papiaçám di Macau. A canção é da autoria do ilustre poeta macaense e grande defensor do patuá (crioulo de base portuguesa de Macau) José Inocêncio dos Santos Ferreira, mais conhecido por Adé.

Curiosidade sobre Portugal

Soube através do blogue ASCENDENS que Portugal é um dos poucos países do mundo que poderiam fechar as suas fronteiras porque tem tudo o que é necessário para ser feliz. Transcrevo o texto do citado blogue na íntegra:

Portugal e o seu espaço marítimo
Por acaso sabes que o teu "pobre país" tem:

- A maior Zona Económica Exclusiva da UE... tão grande como todo o continente europeu?
- 80% de solo arável, quase em completo abandono?
- Invejável rede hidrográfica a nível mundial?
- Grandes reservas de água doce, em aquíferos subterrâneos... inesgotáveis?
- As maiores reservas de ferro da UE, de excelente qualidade?
- As maiores reservas de lítio da Europa?
- As maiores reservas de terras raras?
- As segundas maiores reservas de urânio da Europa?
- Grandes reservas mineiras de ouro, prata e platina?
- Incomensuráveis riquezas que as águas do Atlântico escondem?
- As maiores reservas de tungsténio (volfrâmio) da Europa?
- Uma das maiores reservas de petróleo da Europa que já vão ser exploradas na costa do Algarve por companhias alemãs e espanholas... e vão pagar a Portugal 20 cêntimos por barril enquanto ele está nestes dias a 92 dólares o barril...
- As maiores reservas de cobre da Europa (segundas no mundo)?
- Reservas de gaz natural e de xisto na placa continental que dá para pelo menos para 100 anos sem precisar de ninguém!

E isto é apenas a ponta do icebergue... Portugal tem muito mais!!!!

O 25 de Abril de 1974 destruiu Portugal
Se Portugal hoje em dia, um país pequeno em território, é, pelos vistos, riquíssimo, imaginemos então o quão mais rico era quando ia do Minho até Timor...

Bruno de Carvalho é o novo presidente do Sporting


Os sócios do Sporting elegeram Bruno de Carvalho, o candidato da lista B, como o 42º presidente do clube leonino, com 53,63% dos votos. Os resultados finais só foram conhecidos depois das 2:20 da madrugada de sábado, provocando um ambiente de loucura. "É o dia mais feliz de uma vida", disse o novo presidente sportinguista. "O Sporting somos nós e é nosso outra vez!"
O Sporting vai finalmente melhorar?

As antigas prostitutas estão de volta às ruas

Segundo um estudo do programa PREVIH sobre a incidência da infecção por VIH/Sida, a actual crise está a trazer as antigas prostitutas de volta às ruas por necessidade de sobrevivência, o que levanta preocupações sobre comportamentos de risco. Muitas dessas prostitutas cedem mais facilmente às exigências dos clientes, como por exemplo permitirem quecas mais baratas.

Activista tunisina da FEMEN condenada à morte

Uma jovem tunisina activista do grupo feminista FEMEN, Amina, de apenas 19 anos, foi condenada à morte por apedrejamento depois de ter colocado no Facebook uma foto sua em que aparecia com as mamas à mostra e com uma frase escrita em árabe que diz "O meu corpo pertence-me e não representa a honra de ninguém". A sentença surgiu depois de ter sido emitida uma fatwa (ordem de lei islâmica) e de um pirata informático identificado como Al Angu ter invadido a página da FEMEN no Facebook e substituído a imagem de Amina por versículos do Alcorão. Esta, coitada, admitiu que não imaginava que a sua foto pudesse causar tanta polémica (é porque não conhece o islão...). "Foi só uma maneira de passar uma mensagem. Não foi por motivos sexuais, mas para defender os direitos da mulher", disse ela. "Se tivesse colocado uma foto minha vestida com uma t-shirt com o mesmo slogan, não teria qualquer impacto. Eu quero é que a mensagem seja lida. O corpo de uma mulher é dela, não do seu pai, do marido ou do irmão", ascrescentou.
Na Internet surgiram fotos em topless de mulheres solidárias com Amina e já surgiu também uma petição para que exista um dia de acção internacional pela jovem, a 4 de Abril, contando já com mais de 15 mil assinaturas. A petição pede também para que todos os que ameaçam a Amina sejam julgados.
Comprar uma guerra com os muçulmanos não é de todo uma boa ideia...

O Papa Francisco também é ecuménico


O Papa Francisco anunciou ontem, na celebração da Missa de Domingo de Ramos, no Vaticano, que tenciona participar nas Jornadas Mundiais da Juventude que se realizam em Julho no Rio de Janeiro, no Brasil. "Preparem-se bem, sobretudo espiritualmente, nas vossas comunidades, para que este encontro seja um exemplo de fé para o mundo inteiro", disse o Papa, a propósito daquela que será a sua primeira viagem oficial. "Não sejam tristes. Não se deixem prender pelo desalento. A nossa alegria não nasce do facto de possuirmos muitas coisas, mas do facto de termos encontrado Jesus", disse o chefe da Igreja Católica que definiu como prioritário o combate contra a pobreza, tanto material como espiritual.
Aparentemente, o Papa Francisco está a ganhar um enorme capital de simpatia pelo mundo fora. O problema é que, apesar de tudo de bom que ele já demonstrou no pouco tempo que leva no Pontificado, como a sua simplicidade e humildade, infelizmente ele é também um ecuménico, seguindo assim a desgraçada tendência apostada pelos membros da Igreja, apelando ao diálogo com as outras "religiões", entre elas o islão, e também com os não-crentes. "É importante intensificar o diálogo entre as diferentes religiões, penso sobretudo no diálogo com o islão", disse o Papa no seu primeiro discurso aos representantes diplomáticos de 180 países no Vaticano, apelando à união na defesa da justiça, da paz e do ambiente.
Há gente que teima em não compreender que o ecumenismo é contrário à evangelização. Jesus Cristo disse aos Seus discípulos para irem e ensinarem todos os povos a cumprir o que Ele nos mandou, e não para que andassem a dialogar com os não-cristãos, muito menos para aceitar o que os outros defendem e acreditam como estando também certo, caindo assim no relativismo. Eu só consigo compreender o ecumenismo por parte da Igreja como sendo algo forçado surgido na sequência da enorme apostasia dos dias de hoje, o que não quer dizer que eu o tolere, pois isso está completamente fora de questão porque não faz parte da doutrina cristã. Se fosse nos tempos em que a Igreja era pujante, a única forma de diálogo interreligioso seria através da espada porque não se pode admitir de forma alguma qualquer tipo de conversa com quem esteja contra a Verdade, ou seja, quem não aceita Cristo e a Sua Santa Igreja. Próprio Jesus Cristo foi completamente anti-ecuménico, caso contrário não teria Ele fundado a Igreja Católica, o fiel depósito da Verdade revelada. Quero, portanto, acreditar que esse ecumenismo defendido por este Papa e por todos seja por necessidade, tendo em conta o bem-estar da Igreja e dos crentes. Enfim, pode ser que a ignorância invencível desculpe certas mentes e actos...

Quem crer e for baptizado será salvo, mas quem não crer será condenado (Marcos 16:16).

domingo, 24 de março de 2013

O encontro do Papa actual com o Papa emérito


Fez-se história: pela primeira vez, um Papa encontrou-se com um Papa emérito. Francisco e Bento XVI tiveram um encontro privado de cerca de 45 minutos antes de almoçarem juntos na residência de Verão dos Papas em Castel Gandolfo, a 30 quilómetros de Roma. No final de Abril, Bento XVI regressará ao Vaticano e ficará instalado num antigo mosteiro, perto do seu sucessor.

Benfica B perde em jogo de boa causa


A equipa B do Benfica e a Académica de Coimbra encontraram-se em Condeixa-a-Nova, uma vila do distrito de Coimbra, para a inauguração da nova bancada do estádio municipal local, Estádio Municipal José Cândido Sotto Mayor Matoso, com a receita do jogo a reverter a favor da associação Acreditar, que se dedica a ajudar as crianças que têm cancro. Com lotação esgotada (cerca de 2000 ingressos vendidos a 10 euros, o que deu pelo menos 20 mil euros), o que menos interessou foi mesmo o resultado. O Benfica B, orientado por Norton de Matos, fez alinhar de início Mika, Bruno Gaspar, Ascues, Sidnei, Gianni Rodríguez, Cafu, Leandro Pimenta, Cornejo, Elvis, Miguel Rosa e Soares, tendo depois entrado em campo Copetti, Huang Wei, Diogo Rosado, Deyverson, Luciano Teixeira, Alípio Brandão, Diogo Rocha e Juan Martin. Do lado da Académica jogaram Peiser, João Dias, Júnior Lopes, Ferreira, Hélder Cabral, Keita, China, Cleyton, Afonso, Wilson Eduardo, Marinho, Fábio Santos, Rodrigo Galo, Makelelé, Edinho, João Real e Flávio Ferreira. Cleyton foi o autor do único golo, apontado ao minuto 30. Presentes no estádio estiveram também os jogadores brasileiros da equipa principal do Benfica Artur e Lima, que distribuíram autógrafos.

Nuno Melo: "Com os socialistas no governo já estaríamos falidos"


O vice-presidente do CDS e deputado europeu Nuno Melo afirmou hoje, na Trofa, que, "com os socialistas no governo, já estaríamos falidos, com o povo na rua e porventura iguais à Grécia, quando não piores".

"Portugal não terá uma segunda oportunidade para fazer desta vez aquilo de que os socialistas nunca foram capazes", considerou, numa intervenção marcada por fortes críticas ao PS.

Nuno Melo falava na sessão de apresentação do candidato da coligação PSD-CDS/PP à Câmara local, Sérgio Humberto, um professor do ensino secundário de 37, e terminou com uma garantia: "Da nossa parte, cá estaremos até ao fim da legislatura, coesos na coligação e solidários na governação".

O dirigente centrista iniciou a sua intervenção recordando que o líder do PS disse esta semana que o país precisa de um primeiro-ministro "que dê sentido aos sacrifícios dos portugueses, para meter Portugal numa avenida de esperança".

"Seguro só se esqueceu de recordar o óbvio: a avenida em que estamos e de onde António José Seguro nos diz querer tirar é exactamente a avenida para onde o PS nos trouxe, com António José Seguro ao lado de Sócrates, aplaudindo, a par de todos os ministros que agora fazem o friso da fila da frente da oposição socialista", afirmou.

Para Nuno Melo, "é bom recordar que estes rostos saltaram do governo para os bancos da oposição, mas são os mesmos".

"Já vimos o que valem, já vimos do que são capazes. Basicamente, valem muito pouco e são capazes de quase coisa nenhuma", atacou.

Disse depois que José Sócrates, "agora de novo reciclado na qualidade de comentador televisivo", prometeu em 2005, "quando PS venceu as eleições, mais crescimento económico, mais oportunidades e mais crescimento de emprego".

"Sócrates prometia e Seguro aplaudia e com os socialistas é sempre assim: prometem o que não podem, gastam o que não têm e depois dificultam a vida a quem tem de lhes pagar as contas. Empobrecem-nos no governo e são mal-agradecidos na oposição", afirmou.

O PS deixou "um país envidado em mais do dobro do que estava".

"Deixaram-nos a recessão, o Estado em pré-falência, a intervenção externa da troika e o programa de ajuda financeira que agora dizem que não serve e entendem não dever ser aplicado", continuou.

"Bem sei que há por aí uma extrema-esquerda romântica que o melhor que tem para oferecer a Portugal é o 'ou não pagamos' ou o 'que se lixe a troika'", apontou, acrescentando que "não seria de esperar que o PS também resvalasse para este caminho".

"Por isso, considero particularmente grave esta súbita bloquização do PS", apontou.

Nuno Melo lembrou que "o PS alega que tudo seria diferente" se fosse governo e ironizou: "É verdade, com os socialistas no governo já estaríamos falidos, incapazes de pagar esses salários e essas pensões, com o povo na rua e porventura iguais à Grécia, quando não piores do que a Grécia".


Lusa/SOL

Cunhal homenageado


Álvaro Punhal Cunhal foi homenageado, por ocasião do centenário do seu nascimento, na Aula Magna da Universidade de Lisboa por várias dezenas de artistas imbecis, entre eles Cândido Mota, Maria do Céu Guerra, Rita Lello, Luísa Ortigoso, José Wallenstein, Joana Manuel, Tavares Marques, Fernanda Lapa, Teresa Sobral, Companhia de Dança de Almada, Ana Maria Pinto, Joana Resende, Cantadores do Redondo, Vitorino, Janita Salomé, João Paulo Esteves da Silva, Hélder Moutinho, Ricardo Parreira, André Ramos, Yami, Camané, Mário Laginha, Sebastião Antunes, Samuel, Uxia, Paulo Borges, Zeca Medeiros, Jorge Silva, Gil Alves, Rogério Cardoso Pires, Manuel Pires da Rocha, Rui Júnior, Tocá Rufar, Tim e a Magna Tuna do ISCSP (a minha universidade, que supostamente devia ser... "fasço"). 
"Homenageamos essa figura fascinante e de invulgar inteligência do nosso Portugal contemporâneo (o Cunhal??? Não posso!!) que se afirmou como uma referência na luta pela liberdade, a democracia, a emancipação social e humana (ah?? Mas o homem não era o lider do Partido Comunista?). O homem de coerência, de firmes convicções e inteireza de carácter (e assassino, traidor pró-Moscovo, etc). O político de acção e de diversificada e profunda produção teórica, o estadista, mas também o homem de cultura e o artista", disse, durante a sua intervenção, o secretário-geral do partido dos dinossauros comunas, Jerónimo de Sousa. "Álvaro Cunhal via e defendia o fenómeno da criação artística como acto autónomo e profundamente livre de imposições. O exemplo de vida de Álvaro Cunhal, a sua força interior, a sua luta e a sua obra, continuam a ser fonte de optimismo e confiança, e um incentivo para quem luta e acredita na força criadora e libertadora dos homens e dos povos, armados com as armas da sua identidade e da sua cultura", acrescentou o comuna anormal.
O traidor da pátria de nome Álvaro Cunhal lutou toda a sua vida contra a democracia porque, comuna como era, tinha uma concepção totalitária da política: só podia haver um partido na política - o dele, ou seja, o PCP - que obedecesse ao plano central de Moscovo, capital da então União Soviética, nem que para isso usasse a linguagem da força. 
Segundo Henrique Raposo, que escreve como cronista no Expresso, "Antes de 1974, Cunhal fez a vida negra às oposições democráticas, porque o PCP não queria uma transição para a democracia. É ler Norton de Matos, Eduardo Lourenço, Sophia, Sousa Tavares, Alçada Baptista, Bénard, Cunha Leal. Todas estas figuras contestaram, ao mesmo tempo, Salazar e Cunhal. Nos anos 50, Cunha Leal e Norton de Matos afirmaram que Cunhal era pior do que Salazar. No final dos anos 60, Eduardo Lourenço declarou que a oposição democrática não podia dançar o tango com a oposição autoritária (o PCP), porque Cunhal era uma fotocópia de Salazar. Moral da história? Durante o Estado Novo, o grande alvo do PCP não foi Salazar, mas a restante oposição. Daí nasceu esta guerra civil entre as esquerdas (tornada explícita em 1975) e a ditadura intelectual do PCP junto dos meios jornalísticos e intelectuais. Algo que ainda perdura em reportagens que cantam loas a Cunhal em 2012. Depois do 25 de Abril, Cunhal continuou a lutar contra a democracia. Em actos e palavras, Cunhal foi claro: Portugal não podia caminhar no sentido democrático. É por isso que o líder do PCP sempre desprezou os actos eleitorais. Cunhal passava a vida a dizer que a sua 'maioria política' era mais importante do que as 'maiorias aritméticas' das urnas. Ou seja, a violência da rua e dos militares do PCP eram mais importantes do que o respeito pelos processos democráticos. Em 2012, os jornais e TV estão cheias de pessoas a dizer que 'ora, ora, com tanta manif na rua, o governo perdeu a legitimidade e deve cair'. O fascismo de Cunhal continua vivinho da silva".
Já Luís Vaz de Camões tinha escrito que "Entre os portugueses, traidores houve também algumas vezes". Álvaro Cunhal era apenas um entre imensos traidores portugueses e todos os que gostam dele, como todos os que foram à Aula Magna da Universidade de Lisboa homenageá-lo, também o são.

Racismo anti-branco: até quando?


Descansa em paz, Antonio Santiago.

sábado, 23 de março de 2013

Engenharia genética chinesa?


A China caminha para o domínio global enquanto o Ocidente se asfixia. O grande dragão amarelo continua a comprar dívida estrangeira, a acumular os recursos naturais do planeta, a crescer e a desenvolver-se militarmente... e pelos vistos também está a desenvolver um projecto de engenharia genética patrocinado pelo Estado.
Segundo o sítio VICE, cientistas do BGI Shenzhen (华大基因), o maior centro de investigação genética na China, já recolheram amostras de ADN das 2000 pessoas mais inteligentes do mundo (será mesmo verdade?) e estão a determinar a ordem dos genomas. A ideia é identificar as combinações que compõem a inteligência humana e, ao que parece, não estão longe de as encontrar. Quando isso acontecer, uma análise de embriões permitirá aos pais seleccionar os seus zigotos mais inteligentes, de forma a subir a inteligência de cada geração até 15 pontos de QI. Dentro de algumas gerações, competir intelectualmente com os chineses vai ser como "tentar matar um leão com beijinhos".
Geoffrey Miller, psicólogo e professor da Universidade de Nova Iorque, disse, em entrevista ao VICE, que nos últimos anos a China investiu muito dinheiro em investigação genética para decifrar que genes fazem as pessoas mais inteligentes e que os cientistas da IBG Shenzhen estavam "muito interessados em pessoas com ascendência chinesa e europeia". "Qualquer casal pode fertilizar vários óvulos em laboratório, com o esperma do pai e o óvulo da mãe. Podem, então, avaliar vários embriões e saber qual seria o mais inteligente. Continuaria a ser filho desse casal, como se o tivessem tido de forma natural, mas seria o mais inteligente de entre os 100 filhos que pudessem nascer de forma natural", acrescentou. A inteligência da população multiplicar-se-ia de forma considerável depois de várias gerações. "A implementação da tecnologia para analisar embriões poderá levar entre cinco e dez anos, mas também pode ser menos. Depende da motivação. (...) Sabemos que a inteligência depende de muitos genes, enquanto que as características físicas, como o tipo de cabelo ou a cor dos olhos, só dependem de alguns. Aspectos como a forma do corpo serão, no futuro, mais fáceis de analisar. Saber se uma pessoa será trabalhadora, impulsiva, liberal ou conservadora será mais fácil. Até o facto de seres muito ou pouco religioso, é algo que depende, até certo grau, dos teus genes". E comparou: "Estamos muito atrasados. Temos as mesmas capacidades técnicas, as mesmas capacidades estatísticas para analisar os dados, mas eles estão a recolher a informação em escalas muito superiores e parece que têm a capacidade de transformar as suas descobertas cientificas em políticas governamentais e em provas genéticas para o consumidor, de forma muito mais fácil que nós. Técnica e cientificamente, podíamos estar a fazer o mesmo, mas não estamos. Temos tendências ideológicas que dizem: 'Isto pode ser problemático, não devemos brincar com a natureza, não devemos brincar de ser Deus'. Acabei de estar num debate em Nova Iorque sobre a proibição da engenharia genética em bebés. O público estava muito dividido. Na China, 95 por cento diriam: 'Claro que devemos fazer bebés que sejam geneticamente mais saudáveis, alegres e inteligentes!' Há uma enorme diferença cultural".
Estou a ver que os futuros seres humanos "perfeitos" serão chineses. Talvez já sem os olhos em bico, quiçá?

Salazar

É uma ironia constatar que, com demasiada frequência, a esquerda precisa de Salazar para validar a sua argumentação. É um recurso de preguiça e, também, de incompetência. Acusar um oponente de “salazarismo”, de ser “salazarento”, de querer voltar “aos tempos antigos”, de suspirar pelo “antigamente” (entre outros termos equivalentes) não é mais de que um truque (baixo) para obter legitimidade instantânea num debate. Não é um argumento e, pior do que isso, o seu uso elucida sobre a ausência de argumentos. É, tão-somente, uma diabolização do adversário. Não há dúvidas que Salazar vive – a esquerda não o deixa morrer. E não pensem que vive apenas na extrema-esquerda, cuja irresponsabilidade não surpreende ninguém. Vive, e cada vez mais, na esquerda que se quer responsável, séria, credível, académica. Como aqui se vê. Depois não se queixem que o nível do debate é baixo.

Alexandre Cristo Homem in O Insurgente

«Koh Lanta» cancelado

Um concorrente francês de 25 anos, Gérald Babin, morreu no Camboja durante as gravações de "Koh Lanta" (o equivalente ao "Survivor") depois de uma paragem cardíaca, o que levou ao cancelamento da 16ª temporada do programa e ao regresso dos concorrentes e equipas a França.
Segundo o sítio Le Point, a morte aconteceu logo no primeiro dia de gravações, durante a primeira prova. Gérald ainda foi assistido pelo médico e foi reanimado, mas o coração voltou a parar quando foi transportado de helicóptero para o hospital de Sihanoukville. Depois de novamente reanimado, o coração parou pela terceira vez já no hospital, onde foi declarado o óbito. Gérald passou todos os exames médicos que faziam parte da selecção para o programa.
Segundo o jornal Le Fígaro, esta é terceira vez no mundo que acontece uma morte durante as gravações do formato, que surgiu em 1997. A primeira foi em 2009, na versão búlgara, quando um homem de 53 anos sofreu um ataque cardíaco. A segunda foi na produção paquistanesa, em 2011, em que um concorrente de 32 anos se afogou.

Portugal não perdeu na Terra Santa


Portugal conseguiu evitar a derrota em Israel, no Estádio Ramat Gan, graças a um golo de Fábio Coentrão marcado já no período de compensação, num jogo que terminou empatado a três bolas. Foi o quinto jogo da selecção sem ganhar e mais um jogo em que os jogadores portugueses não estiveram bem. Bruno Alves (logo aos 2 minutos), Tomer Hemed, Ben Basat, Gershon e Postiga fizeram os restantes golos. Ronaldo esteve em dia não, João Moutinho arrastou-se em campo e o guarda-redes Rui Patrício nem sequer chegou a fazer uma única defesa.

Porto Canal VS Benfica TV


Vale a pena saber que um blogueiro portista de nome Zé Luís, do blogue Portistas de Bancada, criticou o canal do seu clube, o Porto Canal ("Torto Canal", segundo o blogueiro), e elogiou o canal do Glorioso. Pode-se ler o seguinte na posta do dia 20 de Março: 

"E o fracasso é evidente: não vi ainda alguém falar do canal por factos exteriores ao portismo, o que aponta para a inevitabilidade de o canal só poder ser concebido como exclusivamente do clube e do desporto, futebol e modalidades. A programação geral actual pouco diverge da anterior à 'clubitização' e onde havia rubricas de bom valor regional que agregariam as vontades e interesses das pessoas, dos destinatários. Mas desses programas ninguém fala nem falou. Logo, o foco do canal perdeu-se e falhou o público-alvo. Por contraposição, a iniciativa do Benfica foi focar os seus adeptos, bem ou mal não interessa, e agora, por motivos irrelevantes, promete não só o essencial (jogos do futebol) como dilatar a oferta com a liga inglesa. (...) É óbvio que a comunicação do FC Porto é um fracasso e expõe-se em todos os níveis mas é por ordem superior e a quem se sujeita quem está para aí virado, sendo que o sector dotou-se de meios, técnicos, humanos e pelo visto monetários, para ser uma fonte de discórdia, ou até de concordância quanto a vituperar-se o que tão mal se gasta para tão pouco benefício. Eu próprio confessei a minha desilusão um ano depois de ter arvorado a esperança de alguma coisa mudar (só mudar e até pensei ser para melhor) com a nomeação de um certo director de informação, depois de um director de comunicação já existente e, agora, com um director de canal que diz como é e deve ser a coisa pois de outra forma não alinharia. O canal fica, então, em circuito fechado, isto depois de alguma entidade ter medido a audiência e de a Benfica TV e o Porto Canal andarem na ordem dos 1400/1500 espectadores diários, foi público".

Ao menos a Benfica TV é, gostem ou não dele, um canal privado. Já o "Torto Canal"...

José Maria Pedroto: Homem avançado no tempo


Clicar na imagem para ampliar o tamanho.

sexta-feira, 22 de março de 2013

O soprar do vento quente

Kaze ga fuku hi ("O soprar do vento quente"), da japonesa Maaya Sakamoto (坂本 真綾) que completa 33 anos no último dia deste mês.

Notas soltas


O Sporting, em falência técnica, vendeu o holandês Ricky van Wolfswinkel ao Norwich City, de Inglaterra, por 10 milhões de euros, para poder pagar os salários em atraso aos jogadores, mas o clube só receberá uma parte porque detém apenas 35% do passe do avançado. Os direitos económicos de Wolfswinkel eram divididos com o Quality Football Ireland III Limited (50%) e o Sporting Portugal Fund (15%).


A portuguesa Joaquina Flores, de 72 anos, está de parabéns depois de se ter sagrado campeã europeia nos 3 mil metros em pista coberta nos Europeus de Veteranos. Velhos são os trapos!


O ex-primeiro-ministro José Sócrates vai ter um programa de comentário político na RTP, algo já confirmado pela própria estação de televisão pública, o que motivou uma petição online contra a "presença de José Sócrates como comentador da RTP" que já recolheu mais de 10 mil assinaturas. "Nós, cidadãos e contribuintes portugueses, declaramos por este meio, que recusamos a presença do ex-primeiro-ministro José Sócrates em qualquer programa da RTP, televisão essa que é paga com dinheiros públicos dos contribuintes que sofrem do resultado da má gestão deste senhor. Recusamos liminarmente o branqueamento das acções deste senhor através da TV dos actos de despesismo e gestão danosa, que fez com este país andasse para trás, e não para a frente", este é o texto da petição.


A famosa modelo colombiana Natalia Paris afirmou numa entrevista que as hormonas de crescimento injectadas nos frangos podem transformar as crianças em gays. "Os meninos que comem esses frangos transformam-se em homossexuais", afirmou, em Bogotá, a mulher de 39 anos. E acrescentou que as meninas que consomem frango correm o perigo de se desenvolver mais depressa em termos físicos. Já o presidente boliviano, Evo Morales, tinha dito em 2010 que o consumo de frango com hormonas poderia conduzir à homossexualidade e à perda de cabelo.


No estado norte-americano de Maryland, um rapaz de 13 anos, Noah Brocklebank, anunciou na Internet o dia em que se ia matar - 8 de Fevereiro de 2013, o seu aniversário - por ser vítima de bullying, mas o mundo não deixou: mais de 2000 cartas com mensagens inspiradoras provenientes de todo o planeta fizeram-no sentir mais forte e mudar de ideias. "Eu estava focado no lado mau das pessoas. Agora percebi que existem outras pessoas, carinhosas, que podem ser minha amigas", disse o rapaz à CBS News.


A mulher com a vagina mais forte do mundo chama-se Tatyana Kozhevnikova, uma ginasta russa que consegue levantar com os genitais nada mais nada menos que 14 Kg de peso! "Tenho os mesmos músculos que qualquer outra mulher, mas treino há já 20 anos", disse. Para manter todos os quilos pendurados no dito cujo, a mulher "só tem que apertar as pernas".


O homem com as pálpebras mais fortes do mundo é o indiano Satyajit Hota, que conseguiu erguer 3,4 Kg de peso com a pálpebra do olho direito, conforme o livro dos recordes Guinness.


A sérvia Bojana Danilovic, de 28 anos, sofre de um transtorno muito pouco comum e que faz com que ela veja tudo de "pernas para o ar": "fenómeno de orientação espacial". Os olhos dela vêem tudo bem mas o cérebro inverte as imagens, pelo que só consegue ver TV, ler ou usar o PC desde que esteja tudo virado de pernas para o ar. Toda a vida da rapariga aconteceu ao contrário: em vez de nascer primeiro com a cabeça, nasceu com os pés, e logo que começou a gatinhar foi para trás, o mesmo em relação ao caminhar. Só com o tempo é que conseguiu aprender a fazer as coisas de forma correcta.


A americana Nicole, de 19 anos, tem um vício incomum: quando a vontade bate, ela precisa de devorar um desodorizante, daqueles em barra que vêm numa embalagem giratória. Desde 2011 que ela devora 15 embalagens por mês. "O meu cérebro diz: 'tu tens que comê-lo'. Tentei parar por uma semana mas fiquei muito mal, com fortes dores de cabeça", contou. "Quando percebo que o desodorizante acabou, entro em pânico. A minha ansiedade enlouquece e o meu coração bate mais rápido. Sem isso, eu seria uma pessoa totalmente diferente".


O referendo pela independência da Escócia em relação à coroa britânica está marcada para o dia 18 de Setembro de 2014, anunciou o primeiro-ministro escocês, Alex Salmond, sob os aplausos dos deputados do parlamento local de Holyrood. 5 milhões de habitantes deverão assim responder à pergunta "A Escócia deverá ser um país independente?" apesar da oposição das três principais formações políticas do Reino Unido: os partidos conservador, liberal-democrata e trabalhista. Segundo as últimas sondagens, 1/3 dos escoceses é favorável à independência do país, após mais de 300 anos de ligação à coroa britânica.