quarta-feira, 31 de outubro de 2012

Halloween não é Samhain

Hoje em dia em muitas partes do mundo ocidental celebra-se o Halloween. Esta efeméride, que originou-se a partir do Samhain (o senhor da morte), remonta aos povos bárbaros celtas e aos druídas da Grã-Bretanha, entre os anos 600 e 800 a.C. Samhain significava também "festa dos mortos".

Segundo os celtas, o lugar dos mortos era um lugar de felicidade perfeita, onde não haveria nem fome nem dor. A festa era celebrada com ritos presididos pelos druídas que actuavam como médiuns entre as pessoas e os antepassados delas. Segundo eles, os espíritos dos mortos voltariam nesta data para visitar os seus antigos lares e conduzir os seus familiares para o outro mundo.

Nesta data, e principalmente nos países de expressão inglesa (mais concretamente os Estados Unidos), as crianças fantasiam-se de bruxas ou feiticeiros e pedem doces de porta em porta com o seguinte mantra: trick or treat (doces ou travessuras, em português). Este mantra não seria, supostamente, senão uma feitiçaria ameaçadora, pois os que se recusam a dar o que o espírito exige (no caso, doces), será perturbado por ele.

O Halloween hoje em dia é bastante promovido por grupos neopagãos, como os adeptos da macabra WICCA (bruxaria moderna), sendo que em muitos casos é mesmo usado como uma celebração ocultista e satânica. Existem grupos neopagãos que se rendem ao ocultismo durante o Halloween, como o Bohemian Grove, que literalmente têm as mesmas práticas que o povo Amorreu, referenciado no Antigo Testamento, que sacrificava crianças e/ou fetos humanos em frente a uma estátua do seu deus Moloque. A estátua tinha uma fenda, uma cavidade, onde se colocava fogo e para onde eram atiradas as crianças vivas em sacrifício. O calendário da bruxaria define o dia 31 de Outubro como o dia da morte do "deus chifrudo", o filho da "grande deusa" imortal que é representada pela lua. Os druídas, com medo do Samhain e como forma de lhe agradar, realizavam rituais macabros sacrificando, para além de crianças também os criminosos e animais, que eram queimados vivos em oferendas aos deuses.

Segundo a Encyclopœdia Britannica, "Tanto na época dos celtas como dos anglo-saxões o dia 31 de Outubro era também a véspera do ano novo e um dos antigos festivais do fogo... Visto que Novembro dá início ao semestre mais obscuro e mais infrutífero do ano, o festival do Outono assumia um significado sinistro, com fantasmas, bruxas, duendes, fadas e demónios de toda sorte vagando por toda a parte. O festival era realizado em honra a Samhain, senhor celta dos mortos, que, segundo se acreditava, permitia que as almas dos que haviam morrido no ano precedente voltassem à sua casa naquela noite. As festividades incluíam fazer enormes fogueiras ao ar livre para espantar as bruxas e os demónios. Sacrifícios na forma de safras, animais e até mesmo de humanos eram feitos para aplacar as almas dos falecidos. As pessoas se empenhavam também em tirar a sorte e vestiam-se de roupas feitas de cabeças e de peles de animais. Os romanos também contribuíram com alguns dos seus rituais pagãos aos costumes dos celtas que foram conquistados por eles. Um dos seus festivais de Outono, realizado em honra a Pomona, divindade dos frutos e dos jardins, é provavelmente responsável pelo notório uso de maçãs nas festividades do Halloween - por exemplo, os costumes de se pegar maçãs com os dentes de dentro de uma bacia cheia de água e de morder uma maçã suspensa na ponta de um fio de barbante".

O ocultismo, a feitiçaria ou os demónios da maneira como hoje nos são apresentados, de forma épica e romantizada onde se exalta os vilões e os anti-heróis, correspondem a uma espantosa inversão de mentalidades: o mau é o bom, o perverso é o correcto, e vice-versa. Daí hoje em dia filmes como o Harry Potter ou o Crepúsculo fazerem o sucesso que fazem.

E é agora que os leitores perguntam indignados comigo: então e a Igreja Católica que usurpou mais esta data pagã e a mesclou no calendário cristão? Ou que o Halloween é mais um paganismo disfarçado da "igreja romana"? De facto a Igreja Católica cristianizou o que era pagão, tal como cristianizou, na sua excelsa sabedoria, o culto pagão ao deus do sol e o transformou no Natal. Trata-se de uma estratégia religiosa que foi ensinada por São Leão Magno e São Gregório Magno. O Papa Bonifácio IV converteu o panteão romano (templo dedicado aos ídolos romanos) num templo cristão dedicado a todos os santos cujo dia de celebração era o dia 13 de Maio. Com o Papa Gregório III, o dia de todos os santos passou a ser celebrado no dia 1 de Novembro, que era o dia da dedicação da capela de Todos os Santos na Basílica de São Pedro.

O Halloween é a cristianização do Samhain pagão, portanto na verdade uma coisa não é a outra. O paganismo que foi cristianizado não significa que foi adaptado: significa que foi substituído. Aliás, Halloween é na verdade cristão, até porque o nome não engana: Halloween vem de All Hallows' Eve (véspera do dia de todos o santos). Identificar o Halloween com o paganismo, como se fosse algo errado e satânico, é algo relativamente recente. Fantasiar-se de bruxa, de demónio ou de esqueleto é, por mais incrível que pareça, algo até defendido por certos católicos, apesar da sua conotação folclórica e de ser algo com o qual eu pessoalmente não concordo. Ao fantasiar-se destas personagens, as pessoas estão na verdade a debochá-las: é um ataque ao paganismo. O Halloween era uma festa cristã que constava no calendário litúrgico até à reforma de 1962 e foi uma resposta cristã contra o Samhain, uma resposta vencedora, do triunfo do Cristianismo sobre o paganismo. Nesta altura do ano é aos santos que nós devemos render a nossa veneração, pois eles são reais e intercedem por nós.

Acabo esta posta citando o professor brasileiro Carlos Ramalhete sobre o tema: "As fantasias de seres malignos postas em crianças é uma forma de mostrar como eles são fracos e ridículos (como as crianças, que na Europa são tradicionalmente vistas como adultos que ainda não estão 'prontos'). As fantasias de Halloween têm, assim, um sentido simbólico mais ou menos parecido com o uso de fantasias de políticos no Carnaval brasileiro. Como, contudo, com a descristianização da sociedade americana houve um ressurgimento dos medos pagãos, atribuindo aos demónios poderes maiores que a realidade, criando-se novas formas de culto demoníaco (WICCA, etc.), no que a visão calvinista de mundo não ajudou pouco (basta lembrar-se do episódio das Bruxas de Salém para ver este medo em acção), esta festa derivou até ter para alguns o significado presente de celebração da bruxaria. O que era ridículo tornou-se 'mágico', o que era uma demonstração de fraqueza tornou-se demonstração de força. Podemos assim dizer que o Halloween actualmente adicionou conotações não-cristãs a uma festa cristã (a festa celta foi completamente perdida e submergida no Cristianismo, como a nossa festa de São João – originalmente data magna da comemoração celta do solstício de Verão -, o uso de alianças de casamento, etc.). Estas conotações, porém, dentro do 'mainstream' americano, não tem em absoluto um sentido de protesto aberto contra a Igreja, sendo apenas uma festa algo farsesca (logo ainda preservando algo do espírito cristão original). Apenas alguns amalucados (WICCAns e outros) a vêem como celebração da bruxaria e não como uma espécie de Carnaval".


As coisas que os pagãos sacrificam, sacrificam-nas aos demónios e não a Deus. E eu não quero que tenhais comunhão com os demónios. Não podeis beber ao mesmo tempo o cálice do Senhor e o cálice dos demónios. Não podeis participar ao mesmo tempo da mesa do Senhor e da mesa dos demónios. Ou queremos provocar a ira do Senhor? Acaso somos mais fortes do que Ele? (1 Coríntios 10:19-22)

Bordel no edifício de um mosteiro ortodoxo


Foi descoberto um bordel num famoso edifício de um mosteiro ortodoxo de Moscovo. E o melhor é que o "padre" responsável pelo mosteiro, Tikhon, é próximo do presidente russo Vladimir Putin, sendo apontado como o seu conselheiro religioso. Segundo o Daily Telegraph, o bordel faria parte da Podushkin, uma cadeia de hotéis, e que operava num espaço que o mosteiro lhe estaria a alugar. "O bordel pertencia a alguém que de maneira nenhuma está ligado" à Igreja Ortodoxa Russa, afirmou um porta-voz do mosteiro. Duas mulheres foram detidas por suspeitas de prostituição.

Sandy já matou mais de 30 pessoas


A super tempestade Sandy, a pior registada no país nos últimos 80 anos, já provocou pelo menos 39 mortos na costa leste dos Estados Unidos. Só no estado de Nova Iorque, a chuva e os ventos fortes já tiraram a vida a 15 pessoas, a maioria atingida por árvores. Cerca de 15 mil voos foram cancelados por todo o mundo, mais de 8 milhões de pessoas estão sem energia eléctrica por todo o país e Barack Obama, que cancelou a sua campanha presidencial, já decretou o estado de calamidade pública. Segundo o Chicago Tribune, os prejuízos ascendem aos 50 milhões de dólares.

Jornalista queimado vivo na Bolívia


O polémico jornalista boliviano Fernando Vidal, de 78 anos, conhecido por denunciar crimes no sul do país, foi atacado enquanto apresentava em directo um programa de rádio. Segundo a BBC, quatro homens mascarados entraram no estúdio e derramaram gasolina sobre o homem, queimando-o vivo. Fernando Vidal foi internado com queimaduras graves no rosto, braços e peito. O jornalista criticava severamente o governo local e estava a reportar notícias sobre o contrabando de combustível, como gás e petróleo, que tem aumentado entre a Bolívia e a Argentina.

O maior correio de droga da história


A Polícia Judiciária deteve um tanzaniano que transportava 3,4 quilos de cocaína no estômago! A droga estava distribuída por 182 bolotas e o correio de droga, de 39 anos, teve que ficar dois dias num hospital de Lisboa para expelir todas as bolotas que tinha engolido. O alógeno tinha chegado do Brasil e tinha como destino final Moçambique quando foi detido no aeroporto de Lisboa, estando agora em prisão preventiva. Segundo as autoridades, este tipo de tráfico não costuma envolver quantidades superiores a 1,5 quilos de droga.
Se este país fosse como a Singapura, o alógeno da Tanzânia já teria levado um balázio nos cornos, já que as bolotas não lhe arrebentaram dentro do estômago para que ele morresse de overdose...

Antes argelinos que franceses


O futebolista "francês" Karim Benzema, que actua no Real Madrid, tem ascendência argelina, é muçulmano e diz sentir-se argelino antes de se sentir francês. É claro que isso não é novidade nenhuma, pois a França é um país onde vigora o princípio do ius solis, ou seja, qualquer chouriço que nasça em território francês, quer ele tenha os pais franceses, ou um pai francês, ou sangue francês ou não, é automaticamente francês por direito (ao contrário de Portugal, onde vigora, por enquanto, o ius sanguini, ou seja, a nacionalidade é herdada, se bem que o José Sócrates já permitiu a atribuição de nacionalidade aos filhos dos imigrantes desde que estes já estejam radicados há um determinado tempo no país). Como a França permite que esses traidores alinhem na sua selecção de futebol (e na de outras modalidades), isso é um mistério.
O problema é que parece que as coisas não são tão simples assim. Para os nacionalistas que defendem que o "verdadeiro nacionalismo" é pura e simplesmente etnicista, então que dizer de traidores como por exemplo Franck Ribéry, jogador francês étnico do Bayern de Munique? Ribéry é um convertido ao islão. Tal como Benzema, que diz que Argélia é o país dele apesar de ter nascido em França, também Ribéry se sente argelino antes de se sentir francês, o que é incrível, pois à luz do nacionalismo étnico ele é um francês puro. Numa recente entrevista à Berbère TV, Ribéry disse: "Tenho família argelina [da parte da mulher], já estou casado com uma argelina há 13 anos e levo a selecção argelina no meu coração".
Porque é que a França não despacha esses imbecis para a Argélia, já que eles amam esse país de camelos??

terça-feira, 30 de outubro de 2012

O golaço da Rita Martins

A jogadora de futsal Rita Martins, grande estrela do futsal feminino português, marcou no fim-de-semana um golaço que correu mundo na espectacular vitória do Benfica sobre o Santa Iria por 13-0!

Capa de um jornal de um futuro próximo

Notas soltas


O investigador português Sobrinho Simões disse, no âmbito de um simpósio de lançamento da Associação Portuguesa de Investigação em Cancro, que "daqui a 10 anos um em cada dois portugueses" terá pelo menos um cancro, ou seja, metade dos portugueses terá cancro daqui a uma década. Também não deverá faltar dinheiro para investigar curas, garantiu.


Rey Jojo, de 26 anos, e Maria Teresa Salvador, de 23, foram apanhados por um funcionário de um parque de Manila, capital das Filipinas, a fazer sexo e foram levados para uma esquadra por terem violado a lei municipal 7780 (acto indecente em local público).


No Vietname, um crocodilo de 70 quilos invadiu no passado dia 17 um templo budista na localidade de Ca Mau. O réptil certamente queria também idolatrar o Buda juntamente com os fiéis budistas da espécie humana.


O inventor chinês Yang Zongfu apresentou uma embarcação em forma de bola para sobreviver ao "fim do mundo", na província de Zhejiang. A embarcação de quatro metros de diâmetro pesa quase seis toneladas, é capaz de alojar três famílias e armazenar comida para 10 meses, tendo custado a Zongfu cerca de 620 mil euros.


Na Puerta del Sol, em Madrid, a Hello Kitty andou à porrada com o Bob Esponja por causa do melhor lugar para tirar fotos com os turistas. Segundo o jornal El Mundo, não foi a primeira vez que dois bonecos protagonizaram um cena de pugilato.


O homem que pensava estar grávido, o chinês Wang Qizhong de 48 anos, afinal tem um tumor num rim. A confirmação foi dada pelos médicos do hospital de Changsha, que mandaram assim abaixo as esperanças que Wang tinha de poder vir a parir.


Na Sérvia, um viúvo de 72 anos decidiu fazer a vontade da sua esposa e mandou esculpir na lápide do túmulo da falecida a vagina dela para que o homem não visse nenhuma outra vagina após a sua morte. Para isso o idoso mostrou a foto do órgão sexual da mulher a um escultor. Muitos foram os que recusaram o trabalho, acusando o homem de "blasfémia".


No Peru, uma rapariga de 19 anos contou a verdade num programa de televisão e acabou morta pelo seu namorado. Ruth confessou no programa que não era operadora de call center mas sim uma dançarina que recebia dinheiro por sexo. Bryan Romero, o namorado, confessou depois o crime à polícia e entregou-se.


Alguns jardins de Madrid têm sido palcos de rituais pagãos vudus cometidos por imigrantes africanos e sul-americanos, denunciaram os vizinhos e também os funcionários municipais locais. O Alerta Digital informa que têm sido encontrados restos mortais de animais como galinhas decapitadas ou línguas de vaca.


A Igreja Católica da Polónia criticou severamente as "práticas satânicas" do Halloween numa mensagem publicada no sítio internético da Arquidiocese de Varsóvia. O Halloween é "fruto da expansão do ocultismo e da magia" e "tem as suas raízes na adoração pagã de espíritos e de um deus celta da morte. Anton Lavey, o fundador do satanismo moderno, afirmou que na noite de 31 de Outubro - 1 de Novembro se dá a maior festa da 'Lucifeania', dando oportunidade a vários actos de ocultismo e violência. (...) Sob o pretexto da diversão, convidam-se as crianças, jovens e adultos para a prática do ocultismo, o que está em contradição com a doutrina da Igreja e da vocação cristã".

segunda-feira, 29 de outubro de 2012

A falsa vítima negra do Ku Klux Klan

Em Luisiana, Novas Orleães, nos Estados Unidos, uma negra de 20 anos, Sharmeka Moffitt, contou às autoridades que foi vítima de três homens racistas que estavam encapuzados como os membros do Ku Klux Klan. A investigação concluiu que foi a própria Sharmeka que auto-infligiu as feridas que tinha no corpo e que a negra queria acusar falsamente os brancos de serem racistas.
Sharmeka devia era ser acusada de racismo, por incitamento ao ódio contra a raça branca. O que é que teria acontecido se fosse uma branca a acusar injustamente os negros de racismo?

Holanda estuda proposta de casamento a três

Segundo o blogue francês Le blog de Jeanne Smits, o progressista país europeu que dá pelo nome de Holanda ou Países Baixos está a estudar uma proposta de lei de "casamento" do tipo ménage à trois.
Na sequência do "casamento" homossexual e da adopção de crianças por parte de homossexuais, a ideia do governo, fortemente apoiada pelo Partido Socialista, os Verdes e os liberais de centro-Direita, é substituir o conceito de "parentalidade" e de "homoparentalidade" pelo conceito de "multiparentalidade". Isso, claro, sempre pensando no "interesse das crianças".
A Holanda ou os Países Baixos é mesmo um país bué pr'à frentex...

Os muçulmanos que parecem baratas em Moscovo


Milhares de muçulmanos encheram as ruas de Moscovo por ocasião da festa do sacrifício Eid al-Adha, impedindo a normal circulação dos carros. Os cães seguidores do pseudo-profeta que era um assassino e pedófilo, Maomé (que a merda esteja sobre ele), reuniram-se na grande mesquita da capital russa, mas a grande maioria deles preferiu levantar o cuzinho para o seu deus da lua árabe, Alá, mesmo no meio da rua.
Qualquer dia os muslos já mandam no país, que é o país europeu com a maior população muçulmana, mas pelos vistos não faltam iluminados que se dizem nacionalistas e que acreditam que a grande mãe Rússia será o futuro da Europa e da raça branca. Resta é saber como...

Ataque pirata islâmico contra www.euromillions.fr


A página de entrada do sítio internético do Euromilhões francês (www.euromillions.fr) foi vítima de um ataque pirata informático. Foi colocada uma mensagem em árabe e em francês condenando os jogos de azar, qualificando-os de "impuros". 
"Vós, crentes! O vinho, os jogos de azar, as estátuas, os augúrios não são mais que uma impureza entre as obras do diabo. Afastai-vos disso para vos salvardes. O diabo quer semear a hostilidade entre vós com o vinho e os jogos de azar para vos afastar da devoção a Deus e à oração", podia-se ler na página atacada. O nome "Moroccanghosts" parece ser o nome do grupo de piratas informáticos muçulmanos.
Mais um sinal evidente do estado em que se encontra a islamização em França...

Paquistanês corta orelhas, nariz e lábios da mulher e mata o bebé de ambos


Num dos piores Merdistões do mundo, o Paquistão, um homem cortou as orelhas, o nariz e os lábios da sua mulher e ainda matou o bebé de ambos. O crime ocorreu na cidade de Shanghar e terá sido mais um daqueles crimes de honra islâmica, para não variar...

A islamização forçada de crianças cristãs no Bangladesh


Os média, que frequentemente não medem os seus comentários agressivos contra o Cristianismo, acusando os católicos de retrógrados, inimigos da liberdade, etc., apresentam paradoxalmente o islão como uma religião da paz e os seus terroristas como meros fundamentalistas distantes do verdadeiro ensinamento de Maomé.

A realidade, porém, é precisamente o contrário. A cada dia vêm à tona novos casos de abusos cometidos pelos muçulmanos contra os cristãos. Um dos exemplos mais recentes está nas declarações feitas por Dom Moses M. Costa (na foto), bispo de Chittagong, no Bangladesh, segundo as quais no seu país as crianças cristãs são raptadas, vendidas às madrassas (escolas religiosas muçulmanas) e convertidas à força ao islão, quando não acabam nas mãos de traficantes que as vendem a estrangeiros como escravas.

Eis as suas palavras textuais: "Falei com algumas pessoas das nossas comunidades, pessoas que relataram à polícia esta prática ilegal. A população está com medo. As famílias que encontram os seus filhos após terem sido enganadas são então forçadas a fugir e a esconder-se para evitar represálias. Procuramos oferecer abrigo e assistência. Fazemos um apelo para uma intervenção decisiva da política que garanta a legalidade e a liberdade de nossas comunidades".

O processo é conhecido: intermediários que, passando por operadores de organizações humanitárias e agências que oferecem trabalho, vão até às famílias tribais e prometem proporcionar educação aos seus filhos. As famílias pagam até 145 euros para poder se inscrever. Os traficantes então vendem as crianças para as islamizar. Existe também o tráfico de seres humanos. Nesta caso, as crianças são vendidas no exterior, muitas vezes para famílias ricas da península arábica, tornando-se pequenos escravos.

Cerca de 105 crianças cristãs foram recuperadas nos últimos meses após terem conseguido escapar das madrassas.

A escravidão - prática abominável comum no mundo pagão trazida das suas entradas ao Ocidente pelo Renascimento - foi sendo paulatinamente eliminada com o advento do Cristianismo.

Notícia horrível como esta sobre a islamização forçada de crianças cristãs não é veiculada pelos grandes média internacional, nem recebe o apoio de políticos e ideólogos, porém consciencializa-nos de um perigo real e cada vez mais próximo de nós.


Heitor Buchaul

Fonte: De olho na Jihad

domingo, 28 de outubro de 2012

A Anne Germain é uma farsa

O jornal espanhol El Mundo desmascarou Anne Germain, a médium espiritual e mestre de reiki britânica de 52 anos que ficou conhecida do público português com o programa da TVI "Depois da vida".
Todas as sextas-feiras, figuras públicas e anónimos conversavam com Anne, que supostamente falava com os mortos, levando às lágrimas milhares de espectadores. O sucesso do programa era de tal maneira que a mulher e a TVI viajaram por todo o país com o seu "espectáculo".
Uma denúncia de um ex-funcionário da charlatã fez com que em Espanha se investigasse o caso: a mulher afinal usava um auricular que lhe dizia que pessoas ela deveria escolher e transmitia-lhe toda a informação acerca delas. Segundo a mesma fonte, após cada programa, Anne ia para o seu camarim não para descansar, mas para estudar todos os detalhes dos seus próximos convidados.
Eu sempre soube que ela é uma farsa...

Não vos vireis para médiuns espíritas e não consulteis prognosticadores profissionais de eventos, de modo a vos tornardes impuros por eles (Levítico 19:31).

Vaca mata muçulmano!


Durante estes dias, o mundo muçulmano celebrou o "festival do sacrifício", o Eid al-Adha (عيد الأضحى), que sucede à realização do haji (a peregrinação a Meca), que por sua vez ocorre depois do Ramadão. Durante o Eid al-Adha os muçulmanos praticam o sacrifício de animais com o seu método bárbaro halal (que consiste em cortar a veia jugular dos animais e deixá-los a morrer em agonia) em honra a um suposto sacrifício do filho Ismael do patriarca Abraão no Monte Arafat.
Ontem (sábado) em Gaza, uma vaca em pânico matou o muçulmano que lhe queria cortar o pescoço. Para além disso, a valente vaca feriu ainda cerca de 150 pessoas que estavam a assistir àquilo que seria o seu abate como forma de sacrifício. Não se sabe como é que acabou a história, mas aposto que sempre acabaram por sacrificar a vaca.

Descoberto dinossauro com penas


Os paleontólogos Darla Zelenitsky e François Therrien publicaram um estudo na revista Science que revela a descoberta de restos fossilizados de dinoussauros com asas e penas com 75 milhões de ano em rochas, em Alberta, no Canadá. Segundo eles, o dinossauro Ornithomimus Edmontonicus seria parecido com uma avestruz e estaria coberto de penas.

Na Lusófona houve melhores que o Relvas!


Segundo o Correio da Manhã, a inspecção desencadeada por causa da licenciatura feita em apenas um ano por Miguel Relvas (2006/07) descobriu que 11 estudantes da Lusófona obtiveram as suas respectivas licenciaturas em menos tempo que o ministro: seis meses, sendo que três deles se licenciaram em apenas 20 dias e um outro terminou o curso de Engenharia do Ambiente em apenas... um dia!! Em menos de um ano terminaram também o curso 36 alunos.
A Lusófona já garantiu que irá proceder ao levantamento. Caso essas licenciaturas - a do Relvas incluída - tiverem ilegalidades, serão anuladas.

Benfica goleia em Barcelos


O Benfica entrou no Estádio Cidade de Barcelos com uma grande novidade: a inclusão de dois jogadores portugueses (e jovens), André Gomes e Luisinho. Quis o destino que ambos marcassem golos para o Jorge Jesus abrir duma vez por todas o raio da pestena para a realidade: os miúdos da equipa B do Benfica valem ouro, pois jogam com vontade e garra, são portugueses e sobretudo benfiquistas. Outra surpresa foi a inclusão do holandês Ola John no onze inicial.
O Benfica entrou praticamente a ganhar no jogo, pois logo aos 2' o brasileiro Lima inaugurou o marcador com um golo de cabeça. Depois vieram os golos dos jovens portugueses, também na primeira parte, matando aí o jogo. O argentino Enzo Pérez, cada vez mais adaptado à sua nova oposição, foi expulso por acumulação de cartões (duas faltas, dois cartões...), mas nem assim o Gil Vicente conseguiu marcar o golo de honra (Yero ainda rematou à trave aos 78'...). Jorge Jesus parece que está finalmente a aprender a gerir o plantel que tem à sua disposição, fazendo descansar alguns e rodando os menos utilizados para que estes ganhem confiança. Luisinho e Ola John são claramente opções válidas. O lateral português fez o seu corredor todo sem comprometer. Já André Gomes tem talento, é inegável, mas ainda está um pouco verde. Precisa de fazer mais jogos com a equipa principal.


No final do encontro, Jorge Jesus disse que "ganhámos o Luisinho e o Ola John" depois de ter decidido arriscar com mexidas na equipa. Segundo o treinador encarnado, havia jogadores "arrasados muscularmente" do jogo de Moscovo, mas "foi um risco calculado". Do lado gilista, o treinador Paulo Alves reconheceu justiça no resultado: "Não perdemos mais do que um jogo contra uma grande equipa. Fomos passivos, nunca conseguimos reagir e o Benfica acabou por ganhar justamente".

sábado, 27 de outubro de 2012

Mais um mandato para o Luís Filipe Vieira


Sem surpresas, Luís Filipe Vieira foi eleito para o seu quarto mandato na presidência do Sport Lisboa e Benfica. Com uma afluência recorde às urnas - 22.676 sócios (sem contar comigo, pois não fui votar), contabilizando um total de 464.941 votos -, o actual presidente do Benfica obteve 83,02% dos votos, ao passo que Rui Rangel recolheu 13,83% das preferências e 3,15% dos sócios votaram em branco. Assim que se soube do resultado, rápido uma vez que o voto é electrónico (modernices que não vemos por exemplo nas eleições dos nossos governantes ou autarcas), um petardo rebentou no pavilhão e houve insultos por parte de um grupo de adeptos (é a democracia, meus amigos...).
Rui Rangel disse que agora vai estar "atento às promessas que foram feitas à boca das urnas, para ver se são cumpridas". Luís Filipe Vieira prometeu o "projecto 3+1+50", o qual visa conquistar, nos próximos quatro anos, três campeonatos nacionais de futebol, chegar a uma final europeia, vencer 50 campeonatos nas modalidades e transmitir jogos na Benfica TV, para além de baixar o preço dos bilhetes para assistir aos jogos e as quotas dos sócios. Luís Filipe Vieira, que se tornará no presidente do Benfica há mais tempo no clube, superando Bento Mântua (1917-1926), garantiu também, em relação aos reforços para a equipa, que "vai haver novidades em Dezembro".
Bom, eu por acaso também me lembro que o mesmo Luís Filipe Vieira tinha prometido que o Benfica seria a espinha dorsal da selecção, que o Benfica haveria de ganhar a Liga dos Campeões para dedicar o título ao Eusébio, entre outras coisas...
Seja como for, viva o Benfica! Benfica até morrer!

Filho de Paulo Futre é o melhor aluno da sua faculdade


O filho primogénito de Paulo Futre, Paulo Futre filho, foi distinguido como o melhor do seu ano do curso de Belas Artes na Universidade Francisco da Vitória, em Madrid, por ter terminado o projecto final com nota 10 (em Espanha os valores vão de 0 a 10). "Estou orgulhoso, fui o primeiro Futre a chegar à faculdade", disse Paulo Futre filho.
"A faculdade acaba de publicar a foto oficial do meu filho Paulinho como melhor estudante do seu ano. Muito orgulho do meu n.º 1, sócios!", escreveu o antigo futebolista.
Paulo Futre filho já tem alguns projectos em mãos e o seu nome já é conhecido em Espanha, principalmente depois de ter lançado a campanha Quieres quedar como Dios? que faz publicidade à clínica de medicina estética e cirurgia plástica, a Esbeltic Model.

«Fazer isto uma vez não faz de mim prostituta»


A já famosa futura ex-virgem Catarina Migliorini, que leiloou a virgindade na Internet por 601 mil euros para o projecto Virgins Wanted do australiano Jason Sisely, afirma que não se sente uma puta por isso.
"Não há nenhum problema em lucrar com a primeira experiência sexual. Fazer isto uma vez não faz de mim prostituta", disse a jovem brasileira de 20 anos. "Vejo isto como um negócio. Tenho oportunidade de viajar, fazer parte de um filme e ganhar um bónus".
Jason Sisely pretende fazer um documentário sobre o antes e o depois da primeira vez que uma pessoa tem relações sexuais, garantindo que muitos patrocinadores "já investiram muito para verem o documentário realizado".
Catarina vai perder a virgindade com o licitador que ganhou o leilão, o japonês denominado Natsu, a bordo de um avião. Para evitar problemas legais, Natsu terá no máximo uma hora para consumar o acto com Catarina (é capaz de ser difícil!!) e não a poderá beijar nem usar "brinquedos sexuais".
Ora deixa-me cá ver... se um gajo que mata só uma vez é automaticamente homicida e um gajo que rouba uma só vez é automaticamente ladrão, porque é que uma mulher que se vende só uma vez por sexo não faz dela automaticamente uma puta? Se vendeste o teu corpo então és uma puta mesmo, ó Catarina! Cut the bullshit, ok?

Suécia autoriza o "namaz"


A islamização da Europa só podia resultar nisso: a Suécia acabou por autorizar o muezim da mesquita de Botkyrka, nos arredores da capital Estocolmo, a anunciar, do alto do minarete, o começo das cinco "preces" diárias muçulmanas (namaz ou salá em árabe), ou seja, as pessoas que viverem lá para aqueles lados ouvirão cinco vezes por dia o basqueiral que significa o alerta aos muçulmanos para "orarem".
Segundo os peritos, foi criado um precedente para todo o continente, sendo de esperar que os muçulmanos de outros países europeus comecem a exigir o mesmo. O perito russo Roman Silantiev diz que "Em termos técnicos, a permissão (do namaz) não tem sentido. O respectivo anúncio pode ser feito por meio de telemóveis sem que seja necessário fazê-lo do alto dos minaretes. Na maioria dos casos, os muçulmanos sabem muito bem a hora do início da oração". Já o cientista político russo Aleksei Makarkin afirma que "Os países europeus, onde a maioria da população professa o Cristianismo, vão-se afastando da sua identidade religiosa tradicional. Podemos dizer que estes Estados se encontram afectados pela crise de identidade religiosa",  sendo esta a principal razão pela qual se abrem restaurantes e hotéis nos antigos mosteiros europeus, enquanto que as catedrais católicas abandonadas estão a ser convertidas em mesquitas. A juventude europeia, e não só, menospreza a crença dos seus antepassados, crença esta que fundou a civilização ocidental, ao passo que os muçulmanos, que outrora tentaram invadir a Europa através da guerra e que foram sempre repelidos pelos cavaleiros cristãos, têm vindo a preconizar, a alto e bom som, os seus "direitos".
Segundo um entendido em Direito Islâmico, Leonid Siukianen, "As minorias muçulmanas passaram a constituir uma importante parte da vida social, económica e política da Europa. Os europeus têm de procurar tais formas de coexistência com o islão que lhes permitam salvaguardar a identidade cultural europeia, garantindo a sua própria segurança e enaltecendo os padrões de direitos e liberdades do homem. Claro que isso depende tanto dos habitantes da Europa, como dos muçulmanos com os seus centros e organizações culturais. É evidente que ambos os lados estão interessados em que os litígios se resolvam por via pacífica (estão?), se bem que os muçulmanos estejam menos interessados na diminuição do actual nível de confrontação por se terem acostumado a viver em ambientes de pressão e conflitos".
A Suécia (Sverige), esse país desenvolvidíssimo, socialmente organizadíssimo e das lindíssimas raparigas loiras de olhos azuis, a dar uma vez mais um belo exemplo de como se deve receber bem os alógenos invasores...

«A Austrália, tal como a conhecemos, já deixou de existir»


Segundo uma sondagem recente, cada vez mais cidadãos britânicos estão a emigrar para Austrália devido ao avançado grau de islamização e de multiculturalismo do qual o seu país está a ser vítima. O problema é que o "destino de sonho" deles também está em vias de desaparecer.
Segundo o sítio islam-watch.org, uma australiana de 69 anos lamentou a situação em que o seu país se encontra:

"Um destes dias estava numa loja da Big W quando o altifalante anunciou um saldo na secção da roupa, portanto fui lá ver. Enquanto ia para pegar na roupa, um homem de 1,80 metros empurrou-me para o lado e só não caí porque uma mulher me agarrou pelas costas. Disse ao homem 'Desculpe-me, mas o que é que você pensa que está a fazer?' e ele respondeu 'Quero roupa'. Eu disse-lhe 'Também eu. De onde é que você é?' e ele disse 'Afeganistão'. Eu disse-lhe 'Pois, neste país as pessoas não empurram as velhinhas para fora do seu caminho'. Ele inclinou-se na minha direcção e disse-me 'Quando nós tomarmos conta disto (do país), coisa que iremos, vou-me lembrar da sua cara. Vou fazer com que você seja enterrada até ao pescoço e apedrejada até à morte. Agora saia do meu caminho!' e começou a pegar em tudo. As pessoas pura e simplesmente saíam do seu caminho, pois ele parecia possuído.
No outro dia, enquanto eu andava pela baixa da cidade em direcção à catedral, deparei-me com alguns homens do Médio Oriente que estavam a barrar o caminho no passeio. Tive que sair do passeio e andar pela rua e, enquanto o fazia, eles cuspiram para os meus pés.
Ainda noutra ocasião, enquanto me dirigia a um escritório, tive que passar pelo largo de um centro comercial que foi ocupado por muçulmanos e africanos. Enquanto eu andava, eles começaram a projectar os seus queixos na minha direcção e a gritar na sua língua. O segurança teve de me acompanhar em direcção às lojas, do outro lado. Assim que entrei no meu carro reparei num homem negro com quase dois metros de altura e de olhos esbugalhados. Ele era enorme. Tinha um grande cinto de cabedal na sua mão e batia com ele na sua outra mão. Tranquei as portas do carro e dei ignição. Ele estava a perseguir-me. Eu pura e simplesmente saí dali. Mesmo que eu o tivesse atropelado, continuaria a conduzir.
Na minha livraria estavam dezenas de negros. Alguns muçulmanos dirigiam-se ao hall da porta seguinte. Eu estava sentada a encomendar um livro à menina da livraria. Um menino negro entrou e deu um soco na parte traseira da minha cadeira de uma forma tão violenta que quase caí. Ele riu-se e foi-se embora. A menina disse 'Hey, tu!'. Eu disse, 'Não, não faça nada. Se você fizer alguma coisa, ele ficará lá fora à minha espera'.
A minha vida no meu amado país acabou, eles venceram, a Austrália, tal como a conhecemos, já deixou de existir. Choro por isso. O meu paraíso já não existe mais".

E viva o multiculturalismo que destrói os países ocidentais! Continuem, pois, a deixar entrar no Ocidente bárbaros invasores que não nos respeitam e muito menos contribuem para o desenvolvimento dos países que os acolhem, tendo ainda por cima a lata de querer dominar. O marxismo cultural imposto pelas elites reinantes do Ocidente quer destruir a todo o custo a superior civilização assente nos princípios e valores cristãos!

Chimpanzé armado

A questão é saber qual dos animais é irracional...

sexta-feira, 26 de outubro de 2012

Gangnam Style Hitler Remix

Pérola

Não consegui parar de rir assim que comecei a ver o seguinte vídeo:

Galo Frito - Quatro Gays e um Bi

Sporting e Académica perdem; Marítimo empata


O Sporting está mesmo mal. Moribundo mesmo. Depois de ter entrado a vencer na Bélgica, a equipa leonina deixou-se derrotar pelo Genk por 2-1, estando agora a cinco pontos de um ainda possível apuramento para a fase seguinte da Liga Europa (conseguirá apurar-se? Aceita-se apostas). 
Com o novo técnico nas bancadas, o belga Frank Vercauteren, o Sporting voltou a demonstrar fragilidades defensivas apesar de ter marcado primeiro através do holandês Schaars, num lance fortuito em que a bola por ele rematada bate num jogador do Genk e trai o guarda-redes Van Hout. Ainda antes do intervalo, De Ceulaer fez o empate. O golo da vitória belga foi apontado por Barda. 
No final da partida, Oceano disse que "custa perder assim", Rui Patrício afirmou que "o resultado é injusto" e Cédric, apesar da derrota, referiu que "a equipa comportou-se à Sporting". 
Comportou-se, pois... quem é que salvará este Sporting?


O Marítimo recebeu e empatou com os franceses do Bordéus. No caldeirão dos Barreiros, a equipa visitante adiantou-se no marcador aos 30 minutos, através de Yoan Gouffran, mas seis minutos depois o seu compatriota Roberge fez o golo do empate para os insulares. 
A equipa de Pedro Martins está em último lugar do grupo D, a dois pontos dos lugares do apuramento. Já o Bordéus, em segundo lugar com quatro pontos, poderá sentenciar o futuro europeu do Marítimo na próxima jornada.


A Académica foi mais uma das quatro equipas portuguesas derrotadas nesta jornada europeia. Em casa do actual detentor do título, Atlético Madrid, sem o goleador Radamel Falcao (que dizem que poderá rumar ao vizinho e rival Real Madrid), a Briosa conseguiu fazer tremer a equipa de Vicente Calderón e até podia ter empatado o jogo se tivesse tido mais sorte. Os golos espanhóis foram apontados por Diego Costa, ex-jogador do Sporting de Braga, e Emre; para a Académica reduziu Salim Cissé. Os três golos só foram apontados na segunda parte e os estudantes bem que podem dizer adeus à sua continuidade na Liga Europa, pois estão em último lugar do grupo B apenas com um único ponto.

Votem no Castelo Branco!!


Porquê? Porque o rei do jet set nacional diz querer acabar com as lojas dos chineses se ganhar as eleições à Câmara Municipal de Sintra em 2013! Já com 6000 assinaturas (a sério??) - são necessárias pelo menos 4000 assinaturas para uma candidatura independente às autárquicas -, José Castelo Branco pretende também, se se tornar no presidente da Câmara de Sintra, cobrar taxas a turistas, acabar com a criminalidade em Sintra e promover festas no concelho.
"A minha prioridade vai ser prover a falta de emprego no concelho. (...) Há lojas de chineses por todo o lado. Quero acabar com esse tipo de lojas, que estão a dar cabo do comércio tradicional. Vou criar postos de trabalho, mas os comerciantes vão ter de baixar os preços", disse. Em relação às taxas cobradas a turistas, "Nos outros países não se paga para entrar nos locais turísticos?". Em relação à criminalidade, disse: "É uma pouca vergonha o que se passa nos comboios da linha. Há que reeducar e reabilitar os jovens". E, como não podia deixar de ser, também o entretenimento estará garantido: "Vou começar a fazer festas em Sintra, tornar o concelho mais interessante. Quero trazer o verdadeiro jet set internacional até à vila".
Lestes bem isto, nacionalistas de Sintra? Votai no José Castelo Branco! XD

BE: sai Louçã, entra Helena Pinto


O vampiro conde de Drácula Francisco Louçã vai deixar de chatear os deputados e os membros do governo na Assembleia da República ao fim de 13 longos anos, sendo substituído por Helena Pinto, a fundadora do Bloco do Esquerdume.
"Entreguei agora à presidente da Assembleia da República a comunicação do fim do meu mandato como deputado", disse Louçã aos jornalistas. "Saio do Parlamento por uma razão e mais nenhuma: entendo, para mim próprio, que o princípio republicano marca limites à representação que tenho desempenhado. Saio exactamente como entrei, com a minha profissão, sem qualquer subsídio e sem qualquer reforma".
Xauzinho, Francisco Louçã (se bem que acho que ele ainda andará por aí, nas manifestações e tal...)! Abaixo o Bloco do Esquerdume!

quinta-feira, 25 de outubro de 2012

"O Maior Português de Sempre" com conteúdo ofensivo ou impróprio?


O Maior Português de Sempre - Oliveira Salazar (1ª Parte) 
O conteúdo seguinte foi identificado pela comunidade YouTube como sendo potencialmente ofensivo ou impróprio. Fica ao critério do espectador.

O Salazar mesmo depois de morrer continua a ser grande, mas tão grande que até no Youtube incomoda...

Coveiros fazem tiro ao alvo com caveiras


Segundo o Jornal de Notícias, quatro coveiros do cemitério de Belas, Sintra, são suspeitos de praticarem tiro ao alvo com ossadas de cadáveres. O presidente da junta Guilherme Dias denunciou a situação à polícia em Janeiro e afirmou que os quatro homens praticavam os alegados crimes de profanação de cadáver num período em que o cemitério se encontrava aberto ao público, ao início da tarde. "Os quatro coveiros andavam com uma pressão de ar a dar tiros aos ossos. Três ou quatro caveiras da vala comum estavam cheias de chumbos e já foram recolhidas pela polícia", disse. "Os coveiros estariam a utilizar ossadas e a vandalizá-las. Estavam a ser utilizadas para fazer tiro ao alvo com armas de ar comprimido", referiu. A denúncia do autarca deu origem a um processo que corre no Tribunal de Sintra.

PS. Sem comentários.

Virgindade por 601 mil euros


Terminou o leilão na Internet pela virgindade da brasileira Catarina Migliorini, de 20 anos, que faz parte do programa australiano Virgins Wanted. O homem que arrematou a virgindade da rapariga é um japonês identificado por "Natsu", que pagou 780 mil dólares (601 mil euros). Catarina vai agora perder a virgindade com o japonês. Já a virgindade do russo Alexander Stepanov foi vendida por 3000 dólares (2300 euros) a um comprador não identificado do Brasil.
Uma virgem, o sonho de qualquer homem tradicional...

O padre playboy croata

Na Croácia, o padre franciscano Šime Nimac, de 34 anos, foi preso num apartamento em Zagreb, a capital croata, depois de se ter envolvido com uma mulher casada e roubado da paróquia cerca de 1,2 milhões de euros da venda de um terreno da igreja na cidade de Split!
Šime Nimac, descrito como um homem com "vaidade insaciável", teria, segundo dizem, uma vida de luxos e excessos ao lado da mulher casada (e é franciscano? Então e os... votos de pobreza?!). Parte do dinheiro que roubou foi gasto na compra de carros, roupas e um iate, o Lucky Me (como o Vale e Azevedo??).
Segundo a revista croata Index, o "franciscano", já conhecido por "padre playboy", admitiu ter gamado a guita, mas negou-se a dizer o que é que fez com ela.
Mais um padre da treta que só suja o nome da Santa Igreja, enfim...

E o novo treinador do Sporting será...


... o belga Frank Vercauteren, de 55 anos, que assinará contrato válido até ao fim desta temporada e com direito de opção de renovação mediante o cumprimento de objectivos (que é não descer de divisão, presumo...). No currículo o técnico tem três títulos de campeão belga - Anderlecht em 2005/06 e 2006/07 e Genk em 2010/11 - e foi seleccionador da Bélgica em 2009.

quarta-feira, 24 de outubro de 2012

Benfica e Sporting de Braga perdem


Depois da selecção nacional ter perdido no relvado sintético do Estádio Luzhiniki, foi a vez do Benfica sair derrotado frente ao Spartak de Moscovo, comprometendo a passagem aos oitavos-de-final da Liga dos Campeões. Se não fosse o guarda-redes encarnado, o Benfica não teria perdido apenas por 2-1, uma vez que a equipa pouco ou nada jogou. Logo aos três minutos, uma falha de Matić permitiu o primeiro golo, a frio, do brasileiro Rafael Carioca (que falta que o Witsel está a fazer naquele meio campo! Será que o Benfica vai colmatar essa lacuna no Inverno, tipo com o Manuel Fernandes?). Lima ainda empatou aos 33 minutos, mas o defesa Jardel contribuiu para vitória russa com um autogolo aos 43 minutos.
Vi parte do jogo na Internet e confesso que quase me ia adormecendo, tão fraco era o jogo do Benfica. A equipa não teve ambição nem garra, Maxi Pereira parece que nem esteve em campo, Bruno César revelou ser uma aposta falhada de Jorge Jesus e até Melgarejo foi uma nódoa no seu flanco. O treinador do Benfica, que dizia que um empate já era bom, tem agora muito possivelmente que se contentar com a possibilidade de ir à Liga Europa (isso é se não terminar mesmo em último lugar do grupo G...), pois tem que vencer os dois jogos em casa e esperar que o Barça não facilite. A sorte foi que os catalães ganharam ao Celtic, mas mesmo assim parece-me altamente improvável a continuidade dos encarnados na Liga dos Campeões. Daqui a duas semanas há novo jogo com o Spartak, desta vez na Luz, e o Benfica vai andar com a máquina de calcular nas mãos.
Na sexta-feira há as eleições para ver quem é que será o novo presidente do clube: Luís Filipe Vieira ou Rui Rangel. Se for votar, votarei em branco.


O Sporting Clube de Braga conseguiu a proeza de estar a ganhar ao Manchester United em Old Trafford por 2-0, mas infelizmente não conseguiu fazer história no fim. O melhor que as equipas portuguesas conseguiram no "Teatro dos Sonhos" foi empatar (Benfica e FC Porto). 
Alan foi o marcador dos dois golos minhotos ainda na primeira parte, mas os red devils, com vários habituais suplentes devido ao confronto com o Chelsea que se avizinha, fizeram imperar a lei do mais forte e operaram a reviravolta no marcador através de um bis do craque mexicano Javier Hernández e um golo apontado pelo defesa Evans. Apesar da derrota, os braguistas deixaram uma boa imagem num estádio sempre complicado e mantêm intactas as aspirações para o apuramento para a fase seguinte, com menos um ponto que o segundo classificado, os romenos do Cluj. 
Na próxima jornada é a vez do Manchester United visitar Braga e recordemos que nos últimos dois anos o Liverpool e o Arsenal perderam na Pedreira. Diz o ditado que não há duas sem três.

O Sócrates é um exemplo de determinação, yo!


Sim, isso mesmo, foi o que disse o presidente da Câmara de Matosinhos, o socialista Guilherme Pinto, cujo livro, "Sou Político", foi apresentado ontem (23 de Outubro de 2012), no Instituto Superior de Contabilidade e Administração do Porto. 
O prefácio do livro, assinado por José Sócrates, defende que a liderança política "sempre se impôs através de uma visão mobilizadora, não através da resignação", assinalando que "o dever do político é dizer o que se pode e deve fazer, não é explicar porque é que não se deve fazer nada". Está também escrito no prefácio que "A retórica da futilidade convida a inacção, a descrença, a expiação. A acção política esclarecida, principalmente nos momentos difíceis, exige confiança, decisão, vontade". Guilherme Pinto acrescentou que o ex-primeiro-ministro "tentou algo de positivo para impulsionar o país".
Esses socialistas... enfim, não vale mesmo a pena...

Brasileiro mete duas balas na cabeça de um português

Gleidson, um imigrante brasileiro, deu dois tiros na cabeça do português Nélson Mata, de 30 anos, quando este se encontrava dentro do seu Peugeot juntamente com a sua ex-mulher que está grávida de seis meses e a sua filha de sete anos à porta do café Matheus, algures em Sesimbra.
O crime aconteceu na sequência de uma rixa entre o português e o brasileiro, um pescador e um operário da construção civil, por causa da ex-mulher do primeiro. "A ex-mulher do meu filho namorou com o Gleidson e metia-o em casa quando estava lá a minha neta. E o meu filho não queria. Há uns dias eles desentenderam-se e brigaram na rua", disse Maria Graciete, a mãe de Nélson. "Desta vez ele provocou o meu filho e deu-lhe dois tiros na cabeça à frente da mulher e da filha e colocou-se em fuga".
O brasileiro não era conhecido na localidade pelos melhores motivos. "Não dá para acreditar no que se passou. Esse homem, Gleidson, só fazia porcaria e nunca ninguém conseguiu tomar uma atitude. Ele arranjava confusão em qualquer sítio onde entrasse", contou uma moradora ao jornal Correio da Manhã.
Nélson encontra-se internado no Hospital São José, em Lisboa, com duas balas alojadas na cabeça, e a Polícia Judiciária está à procura de Gleidson.

O islão e os pretos


Existem muitos pretos que são muçulmanos. O que muitos deles parecem não saber, bem como os mé(r)dia internacionais em geral, é o facto dos adeptos da "religião da paz", isto é, o islão, não terem a raça preta em boa conta, antes pelo contrário. Segundo o seguinte link podemos tomar conhecimento de certas interessantes situações:

No Iraque, os jornalistas ocidentais ainda não se aperceberam que o pretos são regularmente insultados e tratados como escravos.

O académico canadiano Salim Mansur (um canadiano com um nome desses?) afirmou que "os negros são vistos pelos árabes como racialmente inferiores e a violência árabe contra negros tem um longo e turbulento registo".

Na Holanda, um lojista árabe avisou um jornalista da RNW (Radio Nederland Wereldomroep - Rádio Holanda Mundial) para ter cuidado com os negros porque estes podiam comê-lo.

Um preto do Senegal quer vir para a Europa porque "os árabes odeiam gente negra. E não é só de agora. Está-lhes no sangue. Amigos meus foram atacados à facada. Os bandidos escolhem-nos como alvo porque sabem que não podemos ir à polícia, mesmo se formos assaltados e feridos. Não tendo papéis, somos em vez disso apanhados. Os negros aqui não têm direitos".

A escritora egípcia Mona Eltahawy diz que os países árabes ignoram o genocídio negro em Darfur. "Só prestamos atenção quando são a América e Israel a portar-se mal", disse.

Em Marrocos, um lojista diz que os pretos são todos iguais e que as autoridades lhe recomendaram a não vender nada aos pretos.

Os pretos que vivem no Norte de África e no Médio Oriente, dominados por muçulmanos, são literalmente tratados abaixo de cão, mas ninguém fala disso. Só se lembram de falar do racismo quando os brancos são os racistas e os não brancos são vítimas aqui no Ocidente. Os pretos que são vítimas de racismo fora do Ocidente, coitados, não contam.

No seguinte vídeo um preto do Sudão que foi escravizado pelos muçulmanos diz a verdade sobre o islão.


Se você que lê isto é preto e tenciona converter-se ao islão, aconselho-o a ler isto também antes de cometer a maior estupidez da sua vida.

terça-feira, 23 de outubro de 2012

Stôra de matemática acusada de fazer sexo com 4 alunos


Mais um escândalo sexual numa escola norte-americana: uma professora de matemática da escola secundária de Aplington Parkersburg (Iowa), Ashley Nicole-Anderson, de 24 anos de idade, admitiu ter feito sexo com quatro alunos, tendo mantido relações sexuais completas com um rapaz de 18 anos (maior de idade, portanto) e feito sexo oral a outros três estudantes. Para além disso, Ashley, que estava envolvida na organização do baile de finalistas e em campanhas de prevenção rodoviária, também enviou para os alunos fotografias em que aparecia despida. Ashley foi detida mas acabou por sair depois de ter pagado uma fiança de 5000 dólares (cerca de 3800 euros), arriscando agora uma pena de 5 anos de prisão por cada uma das acusações.
Lá nos Estados Unidos devem levar as aulas práticas de educação sexual mesmo a sério...

Hackers atacam sites do Patriarcado


Os sites do Patriarcado foram atacados pelo grupo de piratas informáticos Sidekingdom 12-Portugal, que se diz indignado com o facto de D. José Policarpo ter dito em Fátima que não se resolve nada com protestos nas ruas, no passado dia 12. Foram colocadas fotomontagens e mensagens que visam o Cardeal Patriarca de Lisboa.
"Sr. Patriarca, preocupe-se com a sua igreja, que nós preocupamo-nos com a nossa luta. Deixe a democracia de rua para quem tem verdadeira consciência política", escreveu o grupo. "Este senhor não sabe o que é o trabalho, ter fome e não ter que comer, etc., etc., etc... devia estar calado ou então desfazer o painel de ouro que tem em Fátima e dar de comer a quem tem fome", acrescentaram os hackers.
Não sabem eles que o Santuário de Fátima farta-se de ajudar os mais necessitados e que registou, ainda este mês, um "aumento significativo" de pedidos de apoio?