terça-feira, 31 de agosto de 2010

Jornal iraniano chama "prostituta" a Carla Bruni

Um jornal iraniano chamou "prostituta" a Carla Bruni, a mulher do presidente francês Sarkozy, por ela se ter juntado ao coro de vozes contra a sentença de morte aplicada à iraniana Sakineh Mohammadi Ashtiani pela prática de adultério.
O que os iranianos gostavam era de ter prostitutas parecidas com a Carla Bruni...

Anúncio com freira grávida

A falta de respeito não tem limites. No Reino Unido, um anúncio a uma marca italiana de gelados onde aparece uma freira grávida está a ofender os católicos, facto que poderá levar à retirada do mesmo, isso apesar de o estúpido do autor dizer que o anúncio faz alusão às "tentações proibidas" do gelado italiano, estabelecendo um paralelo com o milagre da Imaculada Conceição.
E se o homem fosse gozar com o Maomé?

Khadafi quer Europa islâmica

O líder líbio, Muammar Khadafi, que se encontra numa visita a Roma, defendeu, perante uma plateia de 500 jovens recrutadas e pagas por uma agência para estarem presentes na conferência, que o islão se torne "a religião de toda a Europa" e que "Maomé foi o último profeta". "Para nós foi muito aborrecido. Kadhafi não sabia que nós fomos pagas, senão não teria aceitado encontrar-se connosco", disse uma participante de 25 anos ao jornal La Repubblica, pedindo anonimato.
Khadafi apenas expressou a vontade real do islão que quer, aos poucos, conquistar não só a Europa como também o mundo inteiro, transformando-o num enorme califado à escala global. Acontece é que infelizmente já faltou mais para isso. A invenção do pseudo-profeta vendedor de camelos Maomé, que escolheu como deus único o deus da lua Alá do antigo paganismo árabe de Meca, está há séculos a provocar e a fazer merda por onde anda, e como se isso não bastasse, ambiciona propagar-se que nem cancro, nem que para isso tenha de recorrer à violência como foi sempre, de resto, seu apanágio. O apetite islâmico pela Europa não é de hoje; é de sempre. Se a Europa não abrir os olhos enquanto é tempo ainda havemos um dia de dar por nós invadidos, desta vez para valer. Só para não dizer que se alguém tivesse a coragem de dizer que o Cristianismo será a religião do mundo árabe era logo decepado.
Acode-nos, Santiago Mata-Mouros!

França quer repatriamento por roubo e mendicidade

A França do governo de Sarkozy continua a fazer o que é certo para o bem da nação gaulesa. Agora, depois do repatriamento dos ciganos em situação ilegal, com o apoio da maioria da população francesa (é bom salientar esse pormenor... democrático), o ministro da imigração francês, Eric Besson, garantiu que o governo francês vai apresentar um projecto de alteração da lei que vai permitir o repatriamento de estrangeiros em caso de "ameaça à ordem pública devido a roubos repetidos ou mendicidade agressiva". "Precisamos de aumentar as possibilidades (legais) para poder emitir ordens de deportação por ameaça da ordem pública em conexão com actos de roubo ou mendicidade agressiva", explicou.
Allez la France! Ninguém vos pára, nem mesmo as criticas dos hipócritas da esquerdalha ou da ONU! Por cá a esquerdalha no parlamento achou por bem condenar o projecto de Paulo Portas, para a realização dum referendo sobre a lei da execução e penas, porque é de leis que privilegiam os criminosos e negligenciam as vítimas que a escumalha quer e gosta!

segunda-feira, 30 de agosto de 2010

Carteiristas

Diz hoje o DN que, nos últimos cinco anos, foram identificados uns novecentos carteiristas em Lisboa. Desses, duzentos são europeus de leste, oitenta são africanos e trinta brasileiros, num total de trezentos estrangeiros, aproximadamente. Ora, se pensarmos que em Portugal ainda não há 30% de população estrangeira, vemos que há aqui uma percentagem extremamente elevada de carteiristas que não são nacionais. Mas devem ter vindo fazer os trabalhos que os portugueses não querem e as dificuldades, a exploração e a exclusão conduziram-nos ao crime, certamente.

Fonte: a cidade do sossego

Há receitas para a felicidade?

O que queremos verdadeiramente é, sem sombra de dúvida, ser felizes. Mas como se chega à felicidade? É que, para se ser feliz, é necessária uma multidão de coisas e de condições: algum prazer, saúde, uma vida familiar agradável, realização profissional mínima, reconhecimento social, algum dinheiro, amigos - "sem amigos, ninguém escolheria viver", disse Aristóteles. Depois, também é preciso ter sorte, como diz a própria palavra no seu étimo (felix), e isso não acontece apenas com felicidade (felicidad, em espanhol, e felicità, em italiano): o Glück alemão significa felicidade e sorte, a raiz de happiness é happ, com o significado de acaso, fortuna (perhaps significa talvez), o mesmo acontecendo nas palavras grega e francesa, respectivamente: eudaimonia e bonheur.
E há choques, oposições, contradições. O Prémio Nobel da Literatura Heinrich Böll escreveu uma estória cheia de humor e sentido - eu ouvi-a ao Padre Tony de Mello. Chega um turista e dialoga com um pescador pobre, a apanhar sol na praia, com o resultado da sua pescaria: dois peixes. - Porque não pescas mais? - Para quê? - Para teres dinheiro, criavas uma empresa, tinhas muitos empregados, eras cada vez mais rico, exportavas, montavas mais empresas... - E depois?, pergunta o pescador. - Serias tão rico que já nem precisavas de trabalhar e passarias os dias na praia a apanhar sol... - Mas é precisamente o que estou a fazer, sem ter de passar por toda essa trapalhada, atirou-lhe o pescador.
Sob certo aspecto, é o pescador que tem razão. Será que precisamos de tanta quinquilharia, da qual já não conseguimos prescindir e pela qual nos desgraçamos a trabalhar? Por outro lado, o que seria a vida sem iniciativa e realizações? Hegel foi avisando que as páginas da história sem sofrimento são páginas em branco.
Há filósofos que colocaram a raiz da felicidade no prazer. Mas eles próprios foram prevenindo que há prazeres e prazeres e que os prazeres não podem ser desregrados. Outros apelaram para a virtude: o sábio é livre, porque consente no que não depende dele. Residirá a fonte da felicidade no poder? Seja como for, a omnipotência é uma ilusão. Não há felicidade perfeita neste mundo, só "ilhas de felicidade". No fim, é a morte que nos espera.
Mas há algumas regras práticas, a partir também de conhecimentos da neurofisiologia, para uma vida minimamente feliz. Enumero algumas, segundo o filósofo Richard D. Precht, numa estimulante viagem filosófica: "Wer bin ich und wenn ja, wie viele?" (Quem sou eu, e, se sou, quantos?).
Primeira regra: actividade. "Os nossos cérebros estão ávidos de ocupação". Para lá do ter e do ser, é preciso agir, sem agitação.
Segunda regra: vida social. A amizade, o casamento, a família, provocam o sentimento de protecção. Quem tem uma rede densa de relações não enfrenta sozinho preocupações e angústias.
Terceira regra: concentração. É preciso aprender a fruir o aqui e agora nos prazeres simples: o perfume de uma rosa, a sua beleza, o sabor de um vinho excelente. Não se pode viver obcecado com o futuro. Quem só espera vir a ser feliz nunca é feliz.
Quarta regra: expectativas realistas. "Comete-se muitas vezes o erro de exigir demais de si, mas também o de não exigir suficientemente. As duas atitudes geram insatisfação."
Quinta regra: pensamentos positivos. Embora seja mais fácil de dizer do que de conseguir, é preciso ter em atenção a astúcia dos psicólogos: "procede como se fosses feliz, e sê-lo-ás".
A sexta regra refere-se à capacidade de aprender a arte de lidar com as dificuldades e o sofrimento. Há crises salutares na vida.
Finalmente, a alegria pelo trabalho. "O trabalho é a melhor das psicoterapias." É sabido que para Freud a felicidade consistia em "poder amar e trabalhar".
Mas o ser humano vive numa tensão permanente: é um ser de desejo insaciável, de tal modo que o que alcança nunca o satisfaz plenamente. Por isso, Paul Ricoeur falava da "tristeza da finitude" e Santo Agostinho escreveu: "O nosso coração está inquieto enquanto não repousar em ti, ó Deus."


Anselmo Borges

FCP (Frutinhas, Chocolatinhos e Prostitutas)

Assim é óbvio que não vale a pena. Porque é que não se juntam todos para expulsarem de vez a máfia regional do desporto português?

domingo, 29 de agosto de 2010

Roberto: de besta a bestial

A Liga Zon Sagres 2010/11 começou verdadeiramente agora, à 3ª jornada, com o regresso das coisas à normalidade. Roberto, até então apontado por muitos benfiquistas como um dos principais responsáveis, senão mesmo o principal responsável, pelo mau começo de época benfiquista, voltou a ser bestial depois de ter, aos 22', recuperado o seu lugar na baliza do Benfica e defendido uma grande penalidade a favor do Vitória de Setúbal e que poderia ter tido influência no desfecho do jogo. Digam o que quiserem dizer, Roberto já merecia isso. Já merecia uma enormíssima prova de que o público benfiquista o apoia. Dá-lhe moral e alento. Até parece que estava destinado que ele teria de ficar apenas 22' longe da baliza do Benfica para depois defender um penalty.

O Benfica lá ganhou oficialmente pela primeira vez esta época. É verdade que até podia ter ganho nas duas jornadas iniciais, mas no jogo com o Vitória de Setúbal de facto já foi notória a frescura física e também a inspiração dos jogadores encarnados. Além de que não houve erros grosseiros da arbitragem nem um grande guarda-redes adversário que podia ter defendido tudo o que houvesse para defender. E digo-vos uma coisa muito sinceramente: a jogar assim, superioziando-se ao adversário mesmo estando em desvantagem numérica, com alegria, determinação e, acima de tudo, jogar bom futebol, à imagem de grande parte dos jogos da época transacta, o Benfica pode perfeitamente ser campeão. Aliás, de facto até só depende do próprio Benfica.
Quem não deverá ter gostado mesmo nada da vitória benfiquista são os adeptos do segundo maior clube português, o Anti-Benfica. De tanto gozarem com o Roberto dizendo "carrega, Roberto!", Roberto acabou por lhes mostrar que de facto até carregou... o Benfica para uma goleada tranquila. Mas isso também é porque o Vitória de Setúbal é fraquíssimo e que nem na Liga Orangina (divisão de Honra) merece estar (não foi isso que disseram no ano passado quando perderam na Luz por 1-8?)...

Humans have got talent

Tomei conhecimento de dois casos demonstrativos da força de viver por parte de dois jovens, um da China e outro da Índia, cujas imagens que podemos ver de seguida valem mais do que mil palavras.

China's got talent (08/08/10): um pianista sem braços de 23 anos chamado Liu Wei.


India's got talent (31/07/10): Vinod Thakur, 21 anos, dançarino sem pernas de hip-hop.


sábado, 28 de agosto de 2010

Semelhanças futebolísticas entre Portugal e Espanha

Começa hoje, dia 28 de Agosto, a Liga Espanhola da temporada 2010/11 e recomeça a luta entre dois velhos rivais: o Real Madrid e o Barcelona. E tal como aqui em Portugal, também um clube regional (Barcelona e agremiação corrupta do Porto) tem a possibilidade de apanhar o clube da capital (Real Madrid e Benfica), que é por sinal o clube mais popular, em termos de número de títulos. Depois da conquista da supertaça espanhola desta época, o Barcelona passou a contabilizar 70 títulos, ou seja, menos dois títulos que o Real Madrid. Tal como por aqui, o clube regional ameaça destruir a hegemonia do clube do povo. Por cá o Benfica conta com Jorge Jesus para evitar que tal desgraça aconteça, mas em Espanha o Real Madrid conta com El Especial José Mourinho que tem agora o desafio à dimensão do seu brilhante currículo, que é destronar o Barça e reconquistar a glória para os merengues. Não vai ser fácil tanto para o Benfica como para o Real Madrid, mas há que acreditar que é possível.

Atlético de Madrid vence a Supertaça Europeia

O Atlético de Madrid dos ex-jogadores do Benfica Simão Sabrosa e Enrique Reyes e do ex-treinador do Benfica Quique Flores conquistou a Supertaça Europeia depois de vencer o campeão europeu Inter de Milão por 2-0. Reyes e Aguëro fizeram os golos que ditaram a vitória colchonera.

Heidi Montag arrependida

Eu não sei quem é a Heidi Montag (parece que é uma loira do extinto reality show da MTV "The Hills"), mas li que a rapariga, de 23 anos, já fez mais de 10 cirurgias plásticas e que agora está arrependida dos implantes nos seios e desesperada para voltar a tê-los no tamanho natural com que a natureza lhe dotou. Heidi queixa-se agora de dores constantes: "Até já parei de usar medicamentos, porque dói na mesma". Ela não consegue sequer pegar em cães ou fazer ginástica! "É devastador. Não consigo ter uma vida normal". Pudera, quis ser uma boneca e agora queixa-se. Porque é que as pessoas ligam tanto às aparências? Quando a cabeça não tem juízo o corpo é que paga, lá dizia o outro...

Uma experiência socialista... em 1931

Um professor de economia da universidade Texas Tech disse que raramente chumbava um aluno, mas tinha, uma vez, chumbado uma turma inteira. Esta turma em particular tinha insistido que o socialismo realmente funcionava: ninguém seria pobre e ninguém seria rico, tudo seria igualitário e "justo". O professor então disse, "Ok, vamos fazer uma experiência socialista nesta classe. Ao invés de dinheiro, usaremos as vossas notas dos exames."
Todas as notas seriam concedidas com base na média da turma e, portanto seriam "justas". Isto quis dizer que todos receberiam as mesmas notas, o que significou que ninguém chumbaria. Isso também quis dizer, claro, que ninguém receberia 20 valores...
Logo que a média dos primeiros exames foi calculada, todos receberam 12 valores. Quem estudou com dedicação ficou indignado, pois achou que merecia mais, mas os alunos que não se esforçaram ficaram muito felizes com o resultado! Quando o segundo teste foi aplicado, os preguiçosos estudaram ainda menos - eles esperavam tirar notas boas de qualquer forma. Aqueles que tinham estudado bastante no início resolveram que também eles se deviam aproveitar da media das notas. Portanto, agindo contra os seus principios, eles copiaram os hábitos dos preguiçosos. O resultado, a segunda média dos testes foi 10. Ninguém gostou. Depois do terceiro teste, a média geral foi um 5.
As notas nunca mais voltaram a patamares mais altos, mas as desavenças entre os alunos, procura de culpados e palavrões passaram a fazer parte da atmosfera das aulas daquela turma.
A busca por 'justiça' dos alunos tinha sido a principal causa das reclamações, inimizades e senso de injustiça que passaram a fazer parte daquela turma. No fim de contas, ninguém queria mais estudar para beneficiar os outros. Portanto, todos os alunos chumbaram...
Para sua total surpresa.
O professor explicou que a experiência socialista tinha falhado porque ela era baseada no menor esforço possível da parte de seus participantes. Preguiça e mágoas foram o seu resultado. Sempre haveria fracasso na situação a partir da qual a experiência tinha começado.
"Quando a recompensa é grande", disse, o professor, "o esforço pelo sucesso é grande, pelo menos para alguns de nós. Mas quando o governo elimina todas as recompensas ao tirar coisas dos outros sem o seu consentimento para dar a outros que não lutaram por elas, então o fracasso é inevitável."

O pensamento abaixo foi escrito em 1931.

"É impossível levar o pobre à prosperidade através de leis que punem os ricos pela sua prosperidade. Por cada pessoa que recebe sem trabalhar, outra pessoa tem de trabalhar recebendo menos. O governo só pode dar a alguém aquilo que tira de outro alguém.
Quando metade da população descobre de que não precisa de trabalhar, pois a outra metade da população irá sustentá-la, e quando esta outra metade entende que não vale mais a pena trabalhar para sustentar aprimeira metade, então chegamos ao começo do fim de uma nação. É impossível multiplicar riqueza dividindo-a."


Adrian Rogers, 1931

Saramago, o último intelectual marxista

Morreu José Saramago e com ele morreu o último de muitos que, ao longo do século XX, se comprometeram com o comunismo e encontraram na ideologia marxista o sentido da sua escrita ou da sua arte. O seu nome junta-se ao de Gorki, Aragon, Picasso, Jorge Amado ou Paul Éluard, uma lista enorme de intelectuais que passaram pelas fileiras dos partidos comunistas. Saramago foi, como homem e como escritor, um empenhado militante da ideologia que abraçou e que lhe marcou sempre a vida e aescrita. A ideologia enquanto visão global do homem, da sociedade, da religião que Marx e Engels teorizaram e que Lénine, Mao, Brejnev ou Fidel, entre outros, levaram à prática. Olhando para a vida e a escrita de José Saramago, o que mais impressiona é o facto de ele ter vivido e visto o comunismo ruir na URSS e nos países do bloco de Leste, como a RDA, a Hungria, a Checoslováquia, a Roménia, a Albânia, entre muitos outros, e ter silenciado esse facto. Confrontar-se com o sofrimento daqueles povos, já não nos relatos de Sakharov ou de Soljenítsin, mas nas imagens dos directos das televisões e passar ao lado da alegria com que abraçaram a liberdade.
Nem o confronto directo com o balanço dramático das vítimas dos que se libertaram do comunismo o fez alguma vez ter escrito ou dito qualquer palavra. O silêncio de quem usa a escrita é mais visível. Os seus gestos foram de quem passava ao lado: logo a seguir à queda do muro de Berlim, candidatou-se nas listas do Partido Comunista à autarquia de Lisboa.
Que balanço faria dos anos de comunismo e do sofrimento das pessoas que viveram na pele um dos dois grandes horrores do século XX. Saramago não passou, que se leia em nenhum dos seus textos, por qualquer crise. Não lhe doeu, não se interrogou, não sofreu com o terrível juízo que a história fez, sem remissão nem perdão, do totalitarismo comunista.
De Saramago, mesmo quando o comunismo foi julgado pela História, não se conhece nenhum sobressalto, nenhuma angústia. Muitas vezes me interroguei se seria uma total e completa insensibilidade moral?
É certo que, ao longo do século XX, muitos dos intelectuais marxistas viveram mergulhados na ideologia totalitária e nunca olharam à sua volta. Não foram todos, claro. Uns sobressaltaram-se logo em 1917, outros com o Pacto Germano-Soviético, na invasão da Checoslováquia, ou da Hungria, ou na chacina do Camboja, ou na loucura da Revolução Cultural Chinesa.
José Saramago não. Viveu e morreu mergulhado num mundo que ruiu à sua volta e cujo dramático balanço foi feito com muita dor. Sem uma palavra, sem uma linha, sem uma lágrima por quantos (milhões) de pessoas, de famílias, de gente, de operários, camponeses ou intelectuais que, ao longo do século XX, morreram e sofreram em nome do comunismo por todo o lado onde o marxismo passou da revolução ao Poder.
Nem um gesto teve quando lhe pediram apoio os dissidentes cubanos presos por Fidel. Nem mesmo quando Susan Sontag o confrontou com esse facto. Uma única dúvida subsiste, porém, quando se observa que visitou Cuba diversas vezes, mas nunca foi à Rússia libertada, apesar de ter sido convidado a lançar os seus livros e a debatê-los numa universidade de Moscovo - aí o confronto com a história seria certamente impossível de ignorar e de silenciar. Um confronto que, reconheço, é muito difícil de viver.

Zita Seabra

Madre Teresa de Calcutá faria 100 anos

Nascida em 26 de Agosto de 1910 na República da Macedónia e naturalizada indiana, Agnes Gonxha Bojaxhiu, mais conhecida por Madre Teresa de Calcutá, faria 100 anos se ainda fosse viva.
Ela pertencia à Igreja Católica. Ela vivia para os que precisavam. E que falta que ela faz neste pobre mundo...

Não usemos bombas nem armas para conquistar o mundo. Usemos o amor e a compaixão. A paz começa com um sorriso. (Madre Teresa de Calcutá)

Liga Europa: Sporting "in", Marítimo "out"

O Sporting conseguiu a proeza de conseguir dar a volta a um resultado negativo trazido de casa (derrota por 0-2) e vencer, na Dinamarca, por 3-0. Creio que antes da partida eu não era o único a achar que o Sporting não iria seguir em frente... mas, a bem do futebol português, o Sporting mereceu vencer a partida de forma categórica. Evaldo, ainda na primeira parte, Nuno André Coelho (com um franguinho do guarda-redes dinamarquês, é bom dizê-lo, pois existem mais frangos para além do Roberto...) e Yannick Djaló, este último já nos minutos de compensação, marcaram os golos que se transformaram num grande melão que os dinamarqueses acabaram por engolir.

O Marítimo é a única equipa portuguesa que não conseguiu marcar presença na Liga Europa após ter perdido, na segunda mão, em casa, nos Barreiros, por 1-2 frente ao Bate Borisov (não foram esses "pedreiros" que ganharam ao Benfica na Bielorússia no ano passado?) depois de na primeira mão ter perdido copiosamente por 0-3. O árbitro escocês Euan Norris não apitou uma grande penalidade no lance inicial, no qual o maritimista Danilo Dias rematou forte para a baliza e o defesa adversário Shitov meteu a mão na bola. Uma situação que poderia ter ditado um novo rumo dos acontecimentos.

sexta-feira, 27 de agosto de 2010

Sorteio da Liga dos Campeões

Grupo B:
Lyon
BENFICA
Schalke 04
Hapoel Tel-Aviv

Acho que não se trata dum grupo fácil. Aliás, a julgar pelo que temos visto nos últimos jogos do Benfica, o 3º lugar, que dá passagem à Liga Europa, já não era mau de todo. A Liga Europa sempre é uma competição bem mais acessível (e bem mais pobre...) que a Liga dos Campeões e na época transacta o Benfica só não foi mais longe porque a prioridade era a conquista do campeonato (eu prefiro ter ganho a Liga Europa no lugar do campeonato, mas a maioria dos benfiquistas desejava ardentemente o campeonato...). Jorge Jesus já afirmou que esta época, se tivesse que optar, optaria pela Liga dos Campeões em detrimento do campeonato. Mas se nem na época passada o Benfica conseguiu marcar presença na final da Liga Europa (e quiçá vencê-la) quando tinha tudo para o conseguir, quanto mais pensar na hipótese de vencer a Liga dos Campeões? Há que assentar bem os pés no chão.

Vacina contra a Sida está mais perto

Investigadores norte-americanos descobriram dois anticorpos capazes de bloquear, em laboratório, a maior parte dos tipos de vírus da imunodeficiência humana (VIH), abrindo caminho a uma vacina eficaz contra a Sida, revela um trabalho hoje publicado.
Mais de um quarto de século sobre a identificação do VIH responsável por cerca de 30 milhões de mortos, a procura de uma vacina contra a infecção ainda não foi bem sucedida, apesar do esforço da comunidade científica internacional.
De acordo com os autores do trabalho que será publicado na sexta-feira na revista Science, os dois anticorpos descobertos – VRCO1 e VRCO2 – mostraram um elevado potencial a impedir a infecção de células humanas para cerca de 90 por cento das variedades de VIH em circulação.
Os investigadores demonstraram igualmente o mecanismo biológico pelo qual os anticorpos bloqueiam o vírus.
“A descoberta destes antigenes com poderes excepcionais na neutralização do VIH e a análise à forma como eles operam representam avanços que vão acelerar os nossos esforços para descobrir uma vacina capaz de proteger de forma abrangente contra o vírus da Sida”, congratulou-se Anthony Fauci, director do Instituto de Alergias e Doenças Infecciosas norte-americano, que co-dirigiu as equipas de investigação.
Num comunicado citado pela agência noticiosa France Presse, o responsável salientou que a técnica usada pelas equipas de investigação para descobrir estes anticorpos “representa uma nova forma de abordagem que pode ser aplicada à concepção ou ao desenvolvimento de vacinas contra outras doenças infecciosas”.
Os virologistas descobriram estes anticorpos produzidos naturalmente pelo organismo no sangue de um seropositivo. Conseguiram depois isolá-los através de um novo instrumento molecular.
Após esta descoberta, os investigadores começaram a desenvolver os componentes de uma vacina que pode ensinar o sistema imunitário humano a produzir grandes quantidades de anticorpos semelhantes aos anticorpos VRCO1 e VCRO2.

Fonte: ionline

Pena suspensa para cantora que infectou amante com HIV

A cantora pop alemã Nadja Benaissa, de ascendência marroquina, que em 2006 foi detida por manter relações sexuais com três homens sem os informar que tinha Sida, foi condenada a uma pena suspensa de dois anos de prisão pela justiça alemã, tendo de cumprir 300 horas de trabalho comunitário. Um dos seus amantes acabou por contrair Sida ao passo que os outros dois conseguiram safar-se. O juíz teve em conta o passado pessoal difícil da cantora, que consumia drogas duras durante a adolescência, grávida aos 16 anos e infectada com o HIV aos 17.
Que raio de justiça é essa? Será que a Alemanha está a querer ser como Portugal?

Jean-Marie Le Pen prefere as vacas aos árabes


Jean-Marie Le Pen, o fundador do partido da extrema-direita da França, a Frente Nacional, de 82 anos, afirmou que comprou uma casa no campo para que os seus filhos vejam vacas em vez de árabes.

Será difícil perceber isso?

Se for convidado para ir a casa de alguém, quando chegar não estarei em condições de colocar imposições. E, mesmo que esteja, não o deverei fazer. Não será correcto alvitrar que um determinado quadro prima pelo mau gosto, que as pessoas da casa se vestem indecentemente, que a comida é má, que fico ofendido com a presença de um qualquer animal de estimação, que exijo beber sumo de limão em vez de água mineral. Se, depois de convidado, estiver na hora de me retirar, não deverei insistir para ficar. Não devo dizer aos proprietários que podem ir para a cama enquanto eu fico mais um bocado e que, depois, fecho a porta se me apetecer. De igual modo, se for chamado para trabalhar na hipotética residência, acabado o serviço não insistirei para permanecer por ali. Não exigirei para mim um espaço no jardim, a varanda ou uma divisão para me instalar. Não tendo sido chamado, é incorrecto entrar à socapa em casa de alguém e, sendo descoberto, gritar aos sete ventos que tenho direito a estar ali e que só saio se me for dada habitação.
Isto são princípios básicos de educação e civilização. Naturalmente, válidos nesta situação sê-lo-ão em comunidades populacionais maiores. Se os arautos do politicamente correcto e os multiculturalistas têm tanta dificuldade em entendê-lo (ou assim fazem crer) talvez seja porque lhes falta a educação básica que deve provir do berço. Em qualquer caso, é sempre tempo para aprenderem regras fundamentais de convivência. Afinal, não deve ser assim tão difícil.

Fonte: a cidade do sossego

quinta-feira, 26 de agosto de 2010

Novo sistema solar descoberto


Uma equipa de cientistas europeus, entre os quais dois portugueses, descobriu um novo sistema solar composto por sete planetas e que está a 127 anos-luz da Terra, sendo também o primeiro que se assemelha ao nosso sistema solar. A descoberta surge no seguimento dum trabalho de seis anos a partir de observações num telescópio localizado no Chile.

Sporting de Braga na Liga dos Campeões

Noite mágica em Sevilha para o 4º grande actual do futebol português, o Sporting Clube de Braga, que venceu categoricamente o Sevilha por 4-3 (com um hat-trick de Lima) e garantiu pela 1ª vez no seu historial a presença na prova máxima do futebol europeu, juntando-se assim ao campeão nacional Benfica. Segundo a edição online do jornal O Jogo, a vitória bracarense impulsou Portugal para a liderança do ranking da UEFA desta época, contribuindo o Sporting de Braga com 7 dos 17 pontos.
Apesar de não ter gostado, a passagem inédita dos bracarenses à fase de grupos da Champions é totalmente merecida. Mas é curioso como os comentadores da RTP gritaram os golos do Braga como se estivessem a ter uma espécie de... êxtase (como se fossem golos do FC Portuense). Não me lembro de alguma vez os ter ouvido a festejar de forma tão exuberante os golos que o Benfica marca quando os jogos são transmitidos pela RTP. E outra coisa, porque é que ninguém fala das falhas do guarda-redes do Sevilha Palop que ditaram a derrota do clube andaluz? Se fosse um tal guarda-redes duma certa equipa, que por acaso é campeã nacional, choveriam tantas críticas, mas tantas críticas... deve ser devido ao patriotismo (e o Braga equipa-se de vermelho, uma das cores nacionais!).
Ou eu me engano ou este Braga vai dar ainda mais luta pelo campeonato do que na época anterior. Só espero é que os árbitros não se lembrem de (também) o levar ao colo.

Árbitro mata jogador à facada


No Brasil, no estado do Ceará, um árbitro de nome Francisco Édio Gregório Chaves, que arbitrava um jogo de futebol do município de Barreira, matou um jogador à facada depois deste ter reclamado uma falta contra a sua equipa e ainda feriu gravemente um outro jogador após uma discussão. O árbitro está foragido, mas como no Brasil não se brinca, não tarda nada está ele a pagar pelo seu crime.

46 mortos no Iraque

Uma dezena de atentados em série culminaram com a morte de 46 pessoas e provocaram 191 feridos. Os atentados visavam quatro esquadras da polícia e seis províncias distintas.
É mesmo caso para dizer que na terra das mil e uma noites morre muita gente com frequência.

19º aniversário da independência da Ucrânia

Os ucranianos, ou melhor, as ucranianas activistas da Organização dos Direitos das Mulheres (FEMEN), festejaram de forma exuberante o 19º aniversário da independência da Ucrânia, em Kiev. As raparigas festejaram a liberdade real do país, que se livrou de décadas de dominação maléfica comunista e opressora da máquina soviética.




Se fosse ucraniano eu teria lá estado em tão boa companhia...

Ukraine, Ukraine, Ukraine!!

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

À caça de inteligência artificial extraterrestre

Investigador que procura vida extraterrestre defende que se deve concentrar a atenção em sinais de inteligência artificial e não em seres biológicos, pois estes já foram 'substituídos' .

Procurar extraterrestres tem sido uma obsessão da sociedade actual. Porém, um investigador norte-americano defende que tem de se mudar a forma como se faz essa busca. Afinal, a vida noutros planetas poderá não ser como o "querido" ET, de Steven Spielberg, ou o assustador Alien, de Ridley Scott, mas sim mais próxima da inteligência artificial.
O astrónomo Seth Shostak defende - num artigo publicado na revista Acta Astronautica - que será mais provável detectar sinais de inteligência artificial do que vida biológica. Justifica esta sua tese com a ideia de que o tempo que os extraterrestres demoram a desenvolver uma tecnologia como a rádio e a inteligência artificial deverá ser muito curto. Ou seja, para Shostak, estes seres já evoluíram para algo mais próximo de máquinas, o que significa que a questão não se coloca apenas por não serem parecidos com o homem, mas por nem sequer serem seres biológicos.
Shostak trabalha na Search for Extraterrestrial Intelligence (Seti) - procura de inteligência extraterrestre, em português (instituto com sede na Califórnia, EUA) - e, apesar de admitir que a busca continua a ser feita maioritariamente com o objectivo de encontrar seres como os que se espera (isto é, biológicos), o astrónomo pretende que se comece a diversificar a abordagem.
"Umas centenas de anos depois de se inventar a rádio - isto se nós servirmos de exemplo -, inventam-se máquinas com capacidade de pensamento, algo que provavelmente vamos fazer este século. Portanto, se se inventa o nosso sucessor, dentro de umas centenas de anos somos uma 'inteligência biológica'", afirmou Shostak à BBC. Deste ponto de vista, se as tais máquinas pensantes evoluíram, então faz mais sentido procurar-se pelos seus sinais do que pelos seres biológicos que inventaram as máquinas.
Esta teoria não é pacífica. Porém, ao olhar-se para a evolução tecnológica na Terra, os investigadores começam a pensar na possibilidade de o mesmo ter acontecido noutros locais do universo. "Olhando para 50 anos de recolha de sinais, o Seti está no meio de um processo que vê a nossa tecnologia a avançar e que isso pode ser um indicador de como outras civilizações, se elas existem, também progrediram", salientou à BBC John Elliott, um investigador deste instituto.
Elliott concorda com Shostak no ponto em que se deve começar a utilizar uma percentagem de tempo de investigação sobre vida extraterrestre à procura de sinais de inteligência artificial.
Ao apostar nesta tese, aos poucos começa a cair a ideia dos extraterrestres que a ficção criou durante décadas de livros, filmes e séries de televisão. ET e Alien preenchem o imaginário, mas, do ponto de vista da teoria de Shostak, será Jodie Foster - que curiosamente representou a personagem de uma investigadora do Seti no filme Contacto - que tinha razão em procurar sinais de inteligência e que encontrou através de misteriosos números primos.


Fonte: DN

A Miss México é a Miss Universo 2010


Chama-se Jimena Navarrete, tem 22 anos, é mexicana e é a Miss Universo 2010, sendo a segunda mexicana da história a tornar-se na "mulher mais bela do mundo". Por esta ordem de ideias, a segunda mais bela do mundo é a jamaicana Yendi Phillips e a terceira é a australiana Jesinta Campbell. O evento decorreu em Las Vegas, no Hotel Mandalay Bay, e acolheu 83 candidatas.

Terrorismo islâmico mata 32 pessoas na Somália


Um ataque de extremistas islâmicos shebab a um hotel próximo da residência presidencial somali, em Villa Somália, provocou a morte a 32 pessoas, 6 das quais membros do parlamento somali, quatro altos funcionários do governo e 20 civis inocentes. A vasta ofensiva dos shebab contra as forças do governo da transição acaba por ir matando muçulmanos no país.

terça-feira, 24 de agosto de 2010

Sistema solar ‘envelhece’ dois milhões de anos

A análise dos restos minerais de um meteorito encontrado no noroeste de África revelou que o sistema solar poderá ter-se originado dois milhões de anos antes do que se pensava, segundo um artigo publicado na revista ‘Nature’.

Os minerais do meteorito são os restos sólidos mais antigos encontrados até agora e crê-se que se formaram logo após o nascimento do Sol, de modo que a análise pode fornecer dados mais precisos sobre a formação do sistema solar.
Segundo a investigação da Universidade de Arizona, EUA, a formação do sistema solar teria acontecido há 4568,2 milhões de anos, entre 300 mil e 1,9 milhões de anos antes do que se pensava. Os cientistas Audrey Bouvier e Meenaskshi Wadhwa, que coordenaram a investigação, utilizaram a técnica dos isótopos, empregada em geologia para determinar a idade de restos de fósseis.



Fonte: Correio da Manhã

Hitler judeu ou berbere?

Uma revista belga, "Knack", apresentou um trabalho de investigação que diz que Adolf Hitler, responsável pelo extermínio de judeus e de membros doutras etnias "não puras" em defesa duma suposta política de pureza racial, na segunda grande guerra, era descendente de judeus ou então de berberes. A investigação permitiu encontrar vários familiares do líder nazi e, após análises ao ADN a três dos seus descendentes residentes nos EUA, localizaram um sobrinho seu que vive na Áustria. A saliva desse último tem uma componente que tende a ser encontrado entre os berberes do norte de África e entre os judeus sefarditas ou asquenazes.
Por acaso eu também já tinha ouvido dizer que o Hitler tinha ascendência judaica. Há coisas fantásticas, não há?

Caracas é a capital mais perigosa do mundo

A capital do país do (ditador) socialista Hugo Chávez é, segundo um relatório do Instituto Nacional de Estatística Venezuelano, a capital mais perigosa que existe no mundo. O relatório indica que há um homicídio na Venezuela de meia em meia hora, concentrando-se na capital a maior fatia da taxa de homicídios de 75 por cada 100 habitantes. Segundo um outro relatório, elaborado pela Comissão Parlamentar de Defesa, circulam na Venezuela entre 8 e 10 milhões de armas ilegais. Caracas é, assim, a capital mais violenta, à frente de Bogotá (Colômbia), Mogadíscio (Somália) e Bagdad (Iraque).
Hugo Chávez, bem ao seu estilo, já acusou os órgãos de comunicação social de estarem a exagerar. Claro, só podia.

Dois trágicos acidentes em cadeia

Dois trágicos acidentes em cadeia verificados na A25 culminaram com a morte de 5 pessoas, sendo duas delas crianças. 78 pessoas ficaram feridas, duas das quais 48 em estado grave. As "primeiras chuvas" e o nevoeiro verificados na região durante todo o dia de segunda-feira poderão estar na origem dos dois acidentes, embora eu esteja mais virado para a má condução das pessoas. Na maior parte dos casos são os próprios condutores os responsáveis pelos acidentes, pessoas que devem mesmo preferir perder a vida num segundo do que perder um segundo na vida...

domingo, 22 de agosto de 2010

Falsa alta esperança média de vida japonesa?

O Japão é o país com a mais alta esperança média de vida, tendo oficialmente 40 400 centenários. O problema é que na verdade o número de centenários pode ser muito menos, isto porque muitos deles estão desaparecidos há décadas, sem registo da sua morte ou notícia do seu destino. Muitos familiares desses supostos centenários, que vai na volta já morreram, podem estar a aproveitar-se das prestações sociais que são pagas, uma vez que não é exigido aos idosos provas de que estão vivos... podendo até, por isso, viver para sempre. Para combater esta situação, na cerimónia do Dia de Respeito pelos Idosos (21 de Setembro), em que todos os que cumprem cem anos recebem uma taça de prata e uma carta de parabéns do chefe do governo, os distinguidos terão de estar presentes ou, caso não possam estar presentes, recebê-los em mão de representantes oficiais. Com ou sem idosos que já não estão vivos, actualmente o Japão tem na sua população 23% de pessoas com mais de 65 anos enquanto que a faixa dos menores de 15 representa apenas 13%, o valor mais baixo de sempre. Um pouco à imagem do que acontece na envelhecida Europa.

Inter ganha a supertaça italiana

Sem Mourinho mas com Rafa Benítez, o Inter de Milão conquistou a sua 5ª supertaça italiana depois de vencer a Roma por 3-1 em San Siro. Eto'o esteve em destaque ao apontar dois golos (aos 70' e aos 80'). Benítez pelos vistos está a aproveitar bem a equipa que Mourinho construiu.

Super Barça conquista Supertaça de Espanha

O Barcelona conquistou a sua 9º supertaça espanhola depois de vencer em Camp Nou o Sevilha, adversário europeu do Sporting de Braga, por claros 4-0, dando a volta ao resultado adverso de 1-3 no jogo da primeira mão em Sevilha. O astro argentino Lionel Messi, para mim muito melhor jogador do que o Cristiano Ronaldo, deu um show, contribuíndo com dois golos (as 24' e aos 44'). Os catalães estão bem e recomendam-se. José Mourinho e Cristiano Ronaldo que se cuidem.

O pior arranque benfiquista desde 1952

O que se passa com o campeão nacional? Esta pergunta deve pairar na cabeça de todos os benfiquistas e também dos verdadeiros amantes de futebol. Pela terceira vez na história, e depois de 58 anos, o Benfica não logrou vencer um único jogo depois de decorridas duas jornadas no principal escalão do futebol português. Os frangos do guarda-redes Roberto (aposta pessoal de Jorge Jesus que teimosamente tem insistido nele, talvez por ter custado 8,5 milhões de euros...), a falta de inspiração dos jogadores sem frescura física, a incapacidade de colmatar as saídas de Dí María e de Ramires, e as arbitragens manhosas (só quem odeia o Benfica e o futebol é que não vê que até agora não se pode marcar penalties a favor do Benfica) são, a meu ver, as principais causas para o descalabro benfiquista. Na pré-época o Benfica conquistou torneios com bom futebol demonstrado e nada fazia prever que agora pudesse estar como está, mas depois de perder a Eusébio Cup para o Tottenham a derrocada começou: quatro jogos, quatro derrotas, sendo que três desses jogos são oficiais. Mas não atiro a toalha para o chão. Mantenho a convicção de que o Benfica tem o melhor plantel de Portugal. Os rivais que se encham de júbilo, pois nada lhes dá mais alegrias do que as desgraças do Benfica (já que as vitórias dos seus clubes não lhes servem). O Benfica vai dar a volta por cima.

Ciganos repatriados prometem voltar!

Os ciganos que foram expulsos de França prometem voltar para lá o mais depressa possível. "A vida é muito melhor lá, é mais feliz", disse Mariana Serban, uma dos cerca de 130 ciganos repatriados. "Lá, davam-nos comida e dinheiro. A vida era muito melhor". O jornalista que entrevistou a cigana disse-lhe que agora depois de aceitar o subsídio de 700 euros (300 euros por adulto e 100 euros por cada criança) já não poderia receber mais, Mariana sorriu e disse convictamente: "isso é o que dizem agora, mas vão dar-nos mais quando voltarmos". O perito em questões relativas aos ciganos da Câmara de Bucareste, Adrian Edu, afirmou que os ciganos repatriados vão visitar agora as suas famílias e depois regressarão garantidamente a França.
Sarkozy agora só tem de continuar a expulsar os ciganos em situação ilegal e impedir que esses chulos voltem a atravessar as fronteiras do seu país. Em relação aos que acusam a França de estar a mostrar uma "faceta racista", é mandá-los a todos para o raio que os parta. Os restantes países europeus que aprendam com a França e estendam os visados a toda a escumalha. A bem da Europa.

Uma Dalai Lama?

«O objectivo da reencarnação é servir as pessoas de dharma (fé). Se é essa a circunstância, se o modelo feminino é mais útil, então porque não?», disse Dalai Lama numa conferência de imprensa na Índia. Esse homem, que de santidade nada tem, é o 14º líder espiritual da idolatria budista do Tibete, tem 74 anos, e nos últimos dois anos chegou a colocar a hipótese de surgir um novo Dalai Lama ainda antes dele morrer, equacionou a possibilidade de o novo líder religioso poder surgir fora do Tibete e agora, pela segunda vez, abordou a possibilidade de Dalai Lama poder encarnar uma mulher. «E digo também que, se o próximo Dalai Lama encarnar uma mulher então ela tem que ser muito atraente. Assim pode exercer maior influência sobre os outros, uma mulher feia pode não ser tão eficaz», afirmou.
Será que esse homem ficou completamente senil e acredita no que ele próprio disse? Não deixa de ser irónico o facto de terem sido as autoridades chinesas a apelarem para que os tibetanos respeitassem as suas próprias tradições...
O budismo não tem credibilidade nenhuma mesmo.

Uma semana humilhante

A derrota do Benfica em casa, frente à Académica, não pode deixar de ser considerada humilhante. Humilhante para o Porto, bem entendido: em tão pouco tempo e com um plantel muito semelhante, Jorge Costa já está a fazer melhor do que André Villas-Boas. Quem assistiu, no ano passado, à derrota da Académica de Villas-Boas no Estádio da Luz por 4-0 constata sem dificuldades que a Académica de Jorge Costa está muito mais bem orientada.
Como se a vergonha do fim-de-semana não bastasse, o Porto viria a ser reincidente na desonra dias depois, perdendo Salvio para o Benfica. Ciente da dimensão do enxovalho, André Villas-Boas tentou fingir que o que toda a gente sabia era mentira numa conferência de imprensa em que, por incrível que pareça, não usou uma vez que fosse a palavra «exacerbação». Disse o treinador do Porto que, se o seu clube estivesse interessado em Salvio, o jogador estaria no plantel - uma vez que os portistas se antecipam ao Benfica nas contratações sempre que o desejam. Sem querer exacerbar, todos sabemos que tal não é verdade. Se o Porto conseguisse roubar ao Benfica todos os profissionais que interessam a ambos os clubes, a esta hora Villas-Boas ainda seria treinador da Académica.
Paulo Sérgio prepara-se para, no espaço de cerca de três meses, colocar duas equipas fora da Liga Europa. Julgo que estamos perante um especialista. Primeiro foi o Guimarães, afastado das competições europeias no último jogo do campeonato pelo Marítimo, e agora é o Sporting, que está prestes a ser eliminado pelo poderoso Brondby. Na mesma semana, o treinador do Sporting disse que tinha a melhor equipa do Mundo e perdeu em Paços de Ferreira, e depois disse que o Sporting era favorito em todos os jogos e perdeu em Alvalade. Não me surpreende que a melhor equipa do Mundo perca em Paços de Ferreira. O que acho verdadeiramente estranho é que Anderson Polga consiga ser titular na melhor equipa do Mundo.
Ouço dizer que os jornalistas do Expresso captaram boas declarações de Pinto da Costa. Não li a entrevista, mas custa-me a crer que sejam melhores que as declarações que a Judiciária captou e ainda pontificam no YouTube. Sem querer beliscar o brio profissional dos jornalistas que, ao longo dos anos, têm entrevistado Pinto da Costa, é apenas justo referir que meia dúzia de polícias fizeram melhor jornalismo – e sem precisarem de colocar uma única pergunta. Quando se tem talento…
É impressionante o modo como Carlos Queiroz, um treinador cujas equipas praticam um futebol tão pouco emocionante, consegue despertar tantas emoções fora do relvado. Dificilmente se chegará a um consenso a propósito deste intrincado caso disciplinar. Quem tem razão? Queiroz? A brigada antidoping? As amostras de urina? É difícil dizer, sobretudo quando ainda ninguém concorda sobre a prestação de Portugal no Campeonato do Mundo. Foi boa ou má? É verdade que a Selecção só foi eliminada pela equipa campeã do Mundo, mas não é menos verdade que Portugal não consegui marcar um único golo a quartetos defensivos que não fossem formados por Ji Yun-nam, Ri Kwang-chon, Ri Jun-li e Pak Chol-jin. Todos os defesas que neste momento não se encontram em campos de trabalhos forçados revelaram-se intransponíveis para a estratégia ofensiva portuguesa. Sim, mas seria realista esperar que Portugal conseguisse a proeza sobre-humana de bater a Espanha? Bom, a Suíça conseguiu. Digamos que não era propriamente impossível. Creio que o grande problema da Selecção é que Carlos Queiroz só joga ao ataque nas entrevistas ao Expresso. No entanto, não sou daqueles que dizem que o futuro é negro. Se a federação conseguir arranjar maneira de suspender Queiroz até Agosto de 2012, julgo que Portugal tem boas hipóteses de se sagrar campeão da Europa.

Ricardo Araújo Pereira, 21 de Agosto in Jornal A Bola

sábado, 21 de agosto de 2010

O canto do cisne (ou do polvo, para o caso é igual).

Num jornal qualquer, leio que Pinto da Costa balbuciou mais uns disparates para uns quantos néscios adeptos, que apenas percebem aquela linguagem – a da cacetada –, baterem palmas. É o estrebuchar do polvo. Freud diria, com razão, que isto é um mecanismo de projecção, segundo o qual nós projectamos nos outros aquilo que nós somos, mas eu acho que dizer que o Benfica é uma equipa de caceteiros é ignorância profunda no seu estado mais puro e também alguma má-fé, uma espécie de lembrete para os avençados que pululam de apito na boca ou de microfone na mão. Há que passar a propaganda, porque, afinal, nem a Champions nem a UEFA foram suficientes para destronar o Benfica, e o polvo não pode abandonar a cena. O que me dá gozo é que este senhor será sempre um frustrado: o seu projecto de vida – fazer do seu clube um clube com dimensão nacional e internacional – não se realizará, nem mesmo depois de termos visto a fruta, o café com leite, as viagens ao Brasil, o apito dourado, os jogadores emprestados, o penta, os antigos jogadores a treinarem clubes-satélite e tudo o resto. E a razão é simples: é que nós podemos criticar o Roberto, o Sídnei, o Peixoto e mais uns quantos, mas fazemo-lo desinteressadamente, fazemo-lo por amor ao Benfica, não temos agendas escondidas, é o Benfica, caramba!, é um amor genuíno que faz parte das nossas vidas e que não pactua com fruta e afins. Nisto, somos invencíveis. E agora, venha de lá o Nacional e com muito molho por cima.

escrito por pedrov às 02:04

Fonte: Tertúlia Benfiquista

Município de Barcelona quer processar Shakira


O município catalão quer processar a cantora colombiana Shakira por dançar numa fonte pública e por andar numa Harley sem capacete pela cidade durante a gravação de um videoclip para o seu novo disco. Os responsáveis pela gravação do vídeo não pediram autorização à câmara municipal que lamenta que Shakira, sendo uma figura pública, não tenha dado um bom exemplo.
É justo.

Rebeldes islamitas somalis estragam comida

Mais de 500 sacos de trigo e de milho do Programa Alimentar Mundial (PAM) foram apreendidos e queimados nos mercados de Mogadíscio, capital da Somália, por rebeldes islamitas da Al-Shabab, o grupo militante mais poderoso do país. Eles dizem que a comida estava fora do prazo, contrariando o porta-voz do PAM que garantiu que a organização não distribui alimentos fora da validade.
Pobres e mal agradecidos. Vale mesmo a pena ajudá-los? E que tal deixarem-nos por sua conta e risco?

Helicóptero apedrejado em Escalhão

Um helicóptero que estava a combater um incêndio em Escalhão, no concelho de Figueira de Castelo Rodrigo, foi apedrejado pelo proprietário duma charca quando tentava abastecer-se de água. Graças ao auxílio dos habitantes da aldeia, o homem foi impedido de atirar pedras e de impedir o helicóptero de abastecer. E se o incêndio estivesse a consumir a propriedade dele? No lugar de água se calhar o homem, que deve ser um tremendo egoísta, preferia que os helicópteros descarregassem pedras sobre as chamas.
Só mesmo neste país...

O sonho francês dos ciganos repatriados

Já chegaram a Bucareste os ciganos repatriados pela França com o dinheiro do repatriamento voluntário no bolso. Não sei porquê, mas parece-me, a avaliar pelo que alguns deles disseram à chegada à Roménia, que eles vão apenas passar umas férias no seu país para depois irem novamente para França onde "a vida é melhor" que na Roménia mesmo quando (eles) são ilegais (palavras do cigano repatriado Ionut Balasz). Pudera! Por 300 € também eu não me importava de ser cigano e iria sempre para França para depois ser repatriado para ter mais 300 €...
Portugal tem de seguir o exemplo da França. Quem está aqui a perturbar o nosso dia-a-dia sem ter intenções de nos respeitar tem mais é de ser devolvido para o seu país. Eles que lutem lá pelos seus direitos.

sexta-feira, 20 de agosto de 2010

Salvio no Benfica

A minha alma está parva. O avançado argentino Eduardo Salvio está no Benfica por empréstimo do Atlético de Madrid depois de ter sido vítima de tentativa de rapto por parte do clube presidido por Pinto da Costa, mas o rapaz, na conferência de imprensa, instado a falar do FCP, disse que só interessava "falar sobre o Benfica" porque é a equipa que escolheu. A sério, fiquei surpreendido. Depois de ter tentado Jorge Jesus por duas vezes e por duas vezes ter ouvido um rotundo 'não' do técnico português, agora foi a vez do jovem argentino dizer 'não' ao clube sabão macaco. E é bom não nos esquecermos que existe já um longo historial de desvios de jogadores que interessaram ao Benfica por parte do "fóculporto".

A lua está a encolher-se?

Pelo menos parece ser essa a convicção dos cientistas da NASA. Foram descobertas evidências de que a lua se contraíu recentemente devido ao seu arrefecimento, algo que já acontece nos últimos 800 milhões de anos. O cientista Tom Watters do Centre for Earth and Planetary Studies, no Smithsonian Museu, em Washington, acredita que a lua poderá estar ainda tectonicamente viva.

Obama muçulmano?

Uma sondagem recente revela que 18% dos norte-americanos (quase uma em cada cinco pessoas) acreditam que Barack Obama é muçulmano, mas na verdade ele é um protestante bastante discreto, apesar de ser a idolatria do quarto-crescente a crença do seu pai com quem pouco ele conviveu. Tudo isso porque Obama apoia a construção daquela que já é conhecida como a "mesquita do Ground Zero". Cá para mim, o fenómeno Obama já era. Preocupem-se agora os norte-americanos em pensar num presidente melhor nas próximas eleições.

Detido por ter calças descaídas

Demetrius Russ, um jovem norte-americano de 21 anos, foi detido pela bófia na passada terça-feira em Indianápolis, nos EUA, por andar com as calças descaídas e deixar ver as cuecas, perto da meia-noite quando andava junto a um condomínio na Rua Broadway. O preto ainda lá argumentou dizendo que era a sua forma de vestir (e a de muitos jovens dos dias de hoje também, infelizmente), mas a bófia entendeu que havia risco de exposição dos tomates. É por isso que eu gosto dos EUA, um país que realmente anda para a frente e que gera ódio e desconforto a muito boa gente invejosa e ridícula. A bófia cá de Portugal devia fazer o mesmo para travar duma vez essa moda da treta adoptada por imensos jovens daqui... moda essa que surgiu nas cadeias norte-americanas onde os reclusos gays deixavam as calças descaídas para dizerem que estão receptivos a relações homossexuais. De resto, uma moda que tinha de vir dos pretos...

Portugal é o 27º melhor país do mundo

A revista norte-americana "Newsweek" revelou a sua primeira lista dos melhores países do mundo. Portugal surge no 27º lugar, logo atrás da Grécia, numa lista encabeçada pela Finlândia. A revista divulgou o trabalho de vários meses na análise da educação, da saúde, da qualidade de vida, do dinamismo económico e do ambiente político dos países. Portugal, de acordo com o resultado desse trabalho, destaca-se na área da saúde (ah?) e no ambiente político (o quê??). O Burkina Faso ocupa, sem surpresa, o último lugar da lista.

quinta-feira, 19 de agosto de 2010

Michelin Baby

Lei Lei é o nome do bebé chinês de 10 meses que pesa... 10 Kg, o equivalente a uma criança de seis anos. O bebé da província de Hunan que já foi apelidado de "Michelin Baby" nasceu com um peso normal, pelo que os médicos decidiram interná-lo para descobrir as razões da sua obesidade.

Perdão póstumo para Billy the Kid?

Billy the Kid era um lendário pistoleiro do Oeste que matou muitos cowboys, agricultores e comerciantes do Novo México. Porém, a descoberta dum acordo assinado entre o infâme cowboy e o então governador do Novo México pode valer-lhe um perdão póstumo quase 130 anos depois da sua morte. Segundo o acordo, Billy the Kid, então condenado à pena de morte, aceitou colaborar com a justiça em troca duma amnistia. Billy the Kid acabaria por morrer com apenas 21 anos abatido a tiro pelo xerife Garrett após o cowboy ter escapado da prisão do condado de Lincoln. Mais de 100 anos depois do acontecimento, as famílias de ambos continuam a lutar: a de Billy the Kid pela sua absolvição e a do xerife Garrett pela sua honra, que, caso lhe seja atribuído o perdão póstumo, seria acusado de ter morto um homem perdoado pelo Estado.

701 escolas para fechar

A desertificação vai de vento em popa. O Ministério da Educação anunciou que pretende encerrar 701 escolas do 1º ciclo com menos de 21 alunos em todo o país. Num país onde predomina uma população cada vez mais envelhecida, a diminuição do número de jovens (facto que não é indiferente aos factores como o aborto, as drogas, os acidentes mortais, etc.) é um sério problema para o país porquanto o que está em cheque é o futuro do próprio país. Menos crianças significa menos escolas, que por sua vez significa menos professores (ou seja, mais desemprego). Menos gente significa menos consumo, que significa menos empresas, que significa menos postos de trabalho, que significa menos filhos, que significa redução da população, que significa futuro preocupante...